Últimas

Sexta-Feira, 03 de Abril de 2009, 09h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

INVESTIGAÇÃO

Vereador Ralf é indiciado e pode ir para a cadeia

   O cerco se fecha contra o vereador por Cuiabá, Ralf Leite (PRTB). Além de exploração sexual de menor, o parlamentar foi indiciado nesta quinta (2) por desobediência, uso indevido de documento e desacato à autoridade. Ralf foi flagrado em ato libidinoso com um travesti de 17 anos. A  delegada Mara Rúbia, da Especializada dos Direitos da Criança e do Adolescente (Dedica), confirmou os novos indiciamentos. Agora, o vereador responderá criminalmente por quatro delitos. Ele pode pegar uma pena superior a 12 anos e meio de reclusão, já que o suposto crime de exploração sexual prevê pena de 10 anos. É o que informa nesta sexta (3) o jornal A Gazeta - confira aqui.

   Ele desobedeceu e desacatou os PMs Fábio Gomes de Oliveira e Uanderley Benedito Costa, que o detiveram na região do Posto Zero, em Várzea Grande. Ralf se apresentou como soldado do Corpo de Bombeiros, mesmo não estando mais vinculado à corporação. A sua exoneração foi publicada no final de março com data  retroativa a 17 de dezembro - veja aqui. Agora, caberá ao Ministério Público oferecer ou não denúncia contra o vereador à Justiça.

   No âmbito do Legislativo, Ralf Leite responde a processo disciplinar por quebra de decoro parlamentar. Ele teria se utilizado da prerrogativa de vereador e do fato de ser filho do coronel da reserva e presidente do PRTB de Cuiabá, Edson Leite, para ameaçar os PMs. O parlamentar conseguiu na Justiça liminar que suspendeu os  trabalhos da Comissão de Ética da Câmara. Os membros da comissão já ingressaram com recurso para tentar reverter a decisão. O processo está sobre a mesa do juiz  da 4ª Vara Cível de Cuiabá, Marcelo de Souza Barros. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • guto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • josiane | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É isso ai....esse muleque tem q pagar, se quer exercer cargo publico tem q ter respeito pela sociedade ficar abusando de um menor, embriagado e sempre amparado pelo papai uqe devido a sua criação o deixou assim sem principios éticos....fora Ralf voce emporcalha a camara de vereadores de cbá!!



  • Nhô só | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que paradia a do Lara!!!
    Na hora do disse me disse ele bateu no peito e falou: NAÕ GOST DE RACHA, TENHO ESSE DIREITO.

    AHAHAHAHAHAHAHAHAH
    VC É PERA. .

  • Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tá na hora desse moço pegar a troxinha dele e sair de mansinho, tá ficando cada vez mais feio..

  • Nina Pires | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gente isso é absurdo!
    Engraçado, qtos sujeitos ja fizeram programa com aquele menor travesti, e agora tem que ser o Ralf indiciado por crime de abuso?
    E sobre dizer que fazia parte do corpo de bombeiros, quem deveria ter se atentado a fazer a exclusão dele do quadro teriam q ser os superiores do mesmo, ele na data que aconteceu, ainda nao tinha sido excluido, ainda que retroativa a data, mas o que conta foi a data que foi publicada a exclusão.
    Agora por crime de desacato, tudo bem, ele deve responder sim, sobre o menor ele até pode ser processado, agora ir pra cadeia? Dá licença! A justiça nesse País é mesmo cega, não prendem os safados que andam mexendo no dinheiro publico por aí, e quando pegam um despreparado feito o Ralf, querem massacra-lo. Aqui em Cuiabá existem políticos tem motivos de sobra pra ficarem mais que 12 anos na prisão e ninguem faz nada!

    Justiça é para ser feita de forma correta e não abusiva. O Ralf deve receber as devidas puniçoes sim , mas de forma coerente. Pensem nisso senhores.

  • Sd. Serra dois | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Ronilson....Vcs da imprensa tem que focar tbm nos PM pois os mesmos ja foram transferidos para lugares bem distantes... nao de foco somente no Ver. se fez algo errado tera que pagar sim...nos da sociedade tbm estamos acompanhando esse processo todo, cade as autoridades, cade o comando da PM... estamos de olho ai heim !!!

  • jorge maciel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O caso Ralf, que reúne uma sorte grande de delitos (desde exploração sexual de menor, tentativa de suborno, condução de veículo embriagado, decoro parlamentar, desacato à autoridade, entre estes), já deveria ser passado à limpo e ter saido dessa empulhação sem tamanho. Exploração sexual de menor é crime inafiançável pelo CPC, tentativa de suborno cabe prisão sumária, desacato à autoridade idem, falta de decoro termina em cassação, dirigir embriagado remete à prisão e recolhimento de carteira ... Ufa!!! são tantas coisas... E porque não se vai logo direto ao assunto?

  • felipe | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa Nina Pires ai eh acessora do fenomeno mesmo, é a unica que defende ele....
    sai do coco do cara nina pires, alias ele nao gosta de mulher e sim travesti......
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Nina Pires | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Em resposta ao caro Felipe, não sou assessora, amiga, colega de trabalho ou tenho qualquer ligação com o Ralf, sou apenas uma cidadã de mente aberta e expressano minha opinião em relação ao caso dele.
    E quanto a preferencia sexual dele, isso não me diz respeito. Todo cidadão é cidadão e ser humano, independente de sua preferencia sexual.
    Guarde os seus preconceitos para o senhor caro Felipe.

  • Elenelson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É ralfinho.. agora la na cadeia vai poder se chegar nos menininhos sem ninguem noticiar.. ja fiquei sabendo inclusive que o senhorzinho ja andou apanhando dias atrás, mas mediante toda a repercussao midiatica desta vez não arrancou a arma e deu tiros pra cima conclamando o nome de seu débil genitor como alguem do alto escalão de uma sociedade corrupta e viciada.. os tempos estão mudando, posso sentir!

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...