Últimas

Segunda-Feira, 21 de Dezembro de 2009, 00h:36 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

CONFRONTO

Wilson diz que saúde "melhorou muito" e critica o Estado

   Duas semanas depois de contornar a greve dos médicos que atendem pelo SUS, o que havia levado a saúde pública de Cuiabá a uma situação de caos, o prefeito Wilson Santos declarou neste domingo à noite, em entrevista ao Ponto de Vista, da TV Rondon (SBT), que o setor "melhorou muito" nestes cinco anos de sua administração. Afirma que conseguiu reduzir em mais de 25% o índice de mortalidade infantil, está promovendo a maior reforma do Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá e assegura que construiu uma nova policlínica e duplicou o número de Programas Saúde da Família (PSFs). "60% da população que dependem do SUS estão cobertas pelo PSF", disse Wilson.

--------------------------------------------
Prefeito afirma que aliança PSDB-DEM-PTB
será competitiva, admite candidatura e diz
que futuro governador precisa construir em
Cuiabá pronto-socorro regional, concluir
hospital central e outro hospital regional
--------------------------------------------

  Ele admitiu, por outro lado, que seu governo enfrenta um problema pontual na saúde pública, que é a grande demanda no HPSMC. Pré-candidato ao Palácio Paiaguás, Wilson aproveitou para antecipar o que provavelmente dirá em campanha no próximo ano. Disse que o futuro governador, independente de quem venha a ser eleito, terá de construir em Cuiabá um hospital regional para atender a Baixada Cuiabana, que já soma um milhão de habitantes, concluir o hospital central e também um pronto-socorro regional para, assim, aumentar o número de leitos para média e alta complexidade. O prefeito reclamou do que chama de falta de apoio do Estado. Garante que neste ano não conseguiu celebrar um convênio com a administração estadual. Disse também que durante a greve dos médicos tentou, sem êxito, audiência com o governo Maggi.

   Perguntado pelo apresentador do Ponto de Vista, Onofre Júnior, filiado ao mesmo PSDB do prefeito, sobre se este será candidato à sucessão do governador Blairo Maggi, Wilson ponderou que somente em março, após resultado de pesquisas qualitativas e quantitativas, será definido quem será o cabeça-de-chapa da tríplice-aliança PSDB-DEM-PTB. Destas legendas, também se apresenta como virtual concorrente ao Paiaguás o ex-governador e senador Jayme Campos (DEM).

   Wilson disse que será uma aliança competitiva e pronta para fazer comparativo do governo do PSDB, com Dante de Oliveira (1995/2008), em relação à gestão Maggi. Enalteceu programas de incentivos criados pelo tucanato e projetos, como do gás natural boliviano e o Fethab. Chamou o governo estadual de incompetente por deixar ocorrer interrupção do produto em MT. Wilson Santos disse que percorreu 40 municípios neste ano, na condição de presidente regional do PSDB e para ministrar palestras e jura que nestes visitas não esteve em pré-campanha. Afirma, sem citar nomes, que outros estão tendo comportamento de candidato e, em tom de ironia, disse que há pré-candidato que tem mandado cartas até para crianças.

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Eleitor decepcionado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • fernanda bastos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    WS, o sr. é um fanfarrão!!

  • Germano Souza Cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A saúde à disposição dos cuiabanos melhorou e muito, mas com Luiz Soares à frente. O que não podemos dizer a mesma coisa do Estado de Mato Grosso, pois sequer saúde pública tem para cuidar dos enfermos do interior do estado. Apesar de tudo, vejo comentários maldosos dizendo o contrário, e pessoas que dizem isto não conhecem a realidade do estado, onde o governador Brairo Magi DEIXA TODO O PROBLEMA DA SAÚDE DO ESTADO DE MATO GROSSO PARA SER RESOLVIDO PELO PREFEITO DE CUIABÁ. É lógico que Cuiabá não suporta isso, e só não vê quem é um verdadeiro quadrúpede.

  • Pedro Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wilson Santos virou comediante. Ele tem um senso de humor incrível!!!

    É uma pena que a maior parte da nossa população seja alienada, que não consiga enxergar a realidade. Só falta esse cidadão ganhar pra governador. Aí sim será o fim do Estado de Mato Grosso!!!

  • vivaldo marcorio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wilson pronto socorro de cuiaba mata mais que guerra do veatnã. Prefeito o Sr ja visitou seu pronto socorro sabado e domingo



  • Paulo Elias Dantas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só se for a dele!Continua a mesma coisa, pécima.

  • francisco veloso | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o senhor prefeito deveria ter uma cólica renal por semana e pegar uma filinha no pronto socorro. quem sabe o sr. poderia fazer uma avaliação melhor da saúde em cuiabá.

  • AUGUSTO CESAR | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É UMA FALTA DE SENSIBILIDADE EM CULPAR O GOVERNADOR BLAIRO MAGGI PELA CRISE DO GÁS PRIMEIRO PORQUE A CRISE OCORREU FORA DA ALÇADA ESATADUAL , EM FUNÇÃO DE TER OCORRIDO NA BOLÍVIA, QUE SE TORNA ENTÃO UM PROBLEMA INTERNACIONAL E DE RESPONSABILIDADE DO GOVERNO FEDERAL, E SEGUNDO FOI NO GOVERNO DE BLAIRO QUE TIVEMOS O MAIOR CRESCIMENTO ECONÔMICO DE NOSSO ESTADO, 115% A NÍVEL NACIONAL.
    PORTANTO PREFEITO NÃO FAÇA CRÍTICAS, ATÉ PORQUE O GOVERNO DE BLAIRO FOI
    MARCADO PELA COMPETÊNCIA TÉCNICA, PELA PRODUTIVIDADE, MATO GROSSO DESPONTOU A NIVEL NACIONAL E INTERNACIONAL

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    wilson santos não fala coisa com coisa.
    Para lembrar os bônus do Dante tem que lembrar as desgraças que ele provocou com as privatizações na vida de milhares de pessoas em Cuiabá e Mato Grosso.

    Então é bom pensar. Deixe o homem descansar. Ele já está pagando pelos pecados que cometeu.

  • jota ribero | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    germano e joao figueiredo só tenho uma palavra pra definir suas falas , canalhice e canalhice o q vcs e esse merd.................. de prefeito e esses merd.......................... de puxa sacos não devem fazer uso do sus quase morri no p.s e vem merd.................. dizer q tem saude tem atendimento vcs tão de brincadeira

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

4 com as maiores chances ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   Todos os principais candidatos ao Senado, na suplementar de 15 de novembro, para eleger quem ocupará a cadeira da cassada Selma Arruda, estão trabalhando com tracking eleitoral, metodologia que consiste, basicamente, em realizar pesquisas de intenção de voto por telefone de forma...

Polarização entre Gustavo e os Maia

gustavo mello 400 curtinha   Em Alto Araguaia, três disputam a prefeitura, mas a briga eleitoral está mesmo polarizada entre o prefeito Gustavo Melo (foto), do PSB, e Martha Maia (PP), irmã do ex-prefeito por quatro vezes Maia Neto. Júnior da Farmácia (PSL) corre por fora, mas sem chance de êxito nas urnas....

MAIS LIDAS