Últimas

Segunda-Feira, 29 de Outubro de 2007, 16h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

EMBATE JURÍDICO

Zahran "toma" uma fazenda de Júlio por dívida

Conselheiro Julio Campos, atolado em dívidasUeze Elias Zahran, presidente do Grupo Zahran    O conselheiro do Tribunal de Contas, Júlio Campos, terá uma de suas fazendas leiloadas para pagar dívida de campanha eleitoral de 1998 quando concorreu e perdeu a disputa para governador. O credor é o Grupo Zahran, presidido pelo empresário Ueze Elias Zahran que congrega, entre as empresas, a TV Centro América (afiliada da Rede Globo). O montante é de R$ 1,5 milhão, mas, atualizado, pode superar a R$ 2 milhões. Júlio, que já ocupou as cadeiras de prefeito de Várzea Grande, deputado federal, governador e senador, alega que a dívida pertence a seu ex-partido (PFL, que foi extinto para surgimento do Democratas (DEM). Lembra que foi contraída durante a campanha de 98 e diz sentir-se injustiçado por herdar a dívida.

     O conselheiro afirma que já perdeu um apartamento por conta da ação movida e pode perder a fazenda denominada São José do Piquiri, avaliada em R$ 5,6 milhões. O imóvel de 8,4 mil hectares, sendo 50% da área de reserva ambiental e 246 hectares de pastagem artificial, está localizado em Santo Antonio do Leverger, à margem do rio Piquiri. É considerada uma relíquia para a família Campos. O imóvel abriga entre outras características, um sobrado com mil metros quadrados e 36 divisões e varandas, uma piscina de alvenaria, galpão para máquinas e até uma pista de pouso com mil metros de comprimento.

     O leilão já foi autorizado pelo juiz Lídio Modesto da Silva Filho, titular da Comarca de Santo Antonio do Leverger, e está marcado para 11 de novembro. Nesta data, não havendo licitantes ou uma oferta condizente, a fazenda pode ser arrematada no próximo leilão, também já marcado para o dia 30. Neste último ato, o imóvel poderá ser arrematado pelo maior lance, independente do valor. O leiloamento será realizado na Comarca de Santo Antonio do Leverger. 

     Julio Campos afirma que vai pagar a dívida, mas que não queria perder a fazenda. Nesta terça, seu advogado Guilherme Gantos chega a Cuiabá para buscar uma nova negociação junto ao Grupo Zahran. "Podemos tentar rever a dívida, mas é inevitável o pagamento. Quem me mandou ser candidato", diz o conselheiro, que em 98 perdeu a disputa pelo Palácio Paiaguás para Dante de Oliveira. (Simone Alves) 

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa fazenda foi cenário de fotos para a revista Caras ainda em 1998. A notícia que correu após as eleições dava conta que o Arcanjo havia tomado posse dela por conta de empréstimo para a campanha.

  • Hamilton Gomes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O sr. Zahran poderia cobrar dos srs. Simá, Cleber & companhia, pois os mesmos deixaram um bom naco na fortuna do ex-governador.

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E a prestação de contas na justiça eleitral, será que julio omitiu as divida ?

  • Hamilton Gomes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O sr. Zahran poderia cobrar dos srs. Simá, Cleber & companhia, pois os mesmos deixaram um bom naco na fortuna do ex-governador.

  • Antonio Carlos Cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até hoje nimguem sabe como o patrimonio do Conselheiro Julio Campos cresceu tanto...? Na lei e na vista dos homens tudo se multiplica ...agora diante de Deus seu Julio nada é para sempre... aquilo que vem facil... vai do mesmo jeito.

  • sergio guimaraes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    coitado dos prefeitos e dos secretarios de estado... a turma do conselheiro ja vai comecar a andar com maior furor, mas cuidado julinho, aqui se faz aqui se vaiiiiiiiiiiiii....

  • alessandra catanduva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens ao sr. zarahn, esse caloteiro deu maior tombo na campanha aqui no cpa, eu trabalho na seduc e sei das artimanhas que ele e seu povo faz para tomar dinheiro de prefeitos, presidentes de camaras de vereadores e etc... abre o olho MPE E MPF, bem feito julio campos, aqui se faz aqui mesmo se paga, logo logo o MPE vai te pegar.

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

Aumento para vereador só em 2022

Alguns vereadores em Cuiabá, tanto novatos quanto aqueles reeleitos, ficaram surpresos quando informados pela Mesa Diretora de que o aumento salarial de R$ 15,1 mil para R$ 18,9 mil, aprovado agora no final de dezembro, só começa a valer a partir de janeiro de 2022. Não entra em vigor de imediato, mesmo se tratando de nova legislatura, por causa da pandemia, que levou o governo federal a estabelecer, em lei, veto a qualquer tipo de reajuste para servidores até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.