Últimas

Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 11h:16 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Divergências

Zenildo diz que governo maltrata prefeitos

Zenildo Sampaio, prefeito de Nossa Senhora do Livramento, faz discurso durante encontro do DEM   Prefeitos e vereadores do DEM, motivados pelos discursos acalorados de seus caciques, especialmente dos irmãos Jayme e Júlio Campos, começam a entrar na onda de ataques ao governo estadual, com a intenção de desconstruir a gestão Blairo Maggi (PR) e atingir o vice e pré-candidato ao Paiaguás Silval Barbosa (PMDB). No encontro do partido em Poconé neste sábado, por exemplo, o prefeito de Nossa Senhora do Livramento, Zenildo Pacheco Sampaio, declarou, em discurso, que "quando prefeito visita o Palácio Paiaguás é maltratado pelo governador Maggi". Disse que suas reivindicações não são atendidas pelo governo estadual.

   Pré-candidato do DEM (ex-PFL) à sucessão estadual, Jayme disparou, depois, que ajudou a eleger (em 2002) e a reeleger (em 2006) Blairo Maggi ao posto de governador e que hoje está contra a administração estadual porque "não tiveram o respeito nos campos político e administrativo. "Blairo tinha 3% nas pesquisas e graças a mim e ao Jonas Pinheiro (senador que faleceu em 2008), o Blairo foi eleito no primeiro turno", diz o senador, sob aplauso de parte das 300 pessoas presentes no encontro do partido. Ele fez críticas duras às áreas de saúde e segurança pública da gestão Maggi, que renuncia ao mandato em 31 de março para concorrer ao Senado, enquanto Silval, que assume o posto de chefe do Executivo, tentará a reeleição.

   O pecuarista e ex-deputado Zeca D´Ávila reforçou ataques ao governo e disse também que políticos que ajudaram Poconé não são lembrados pelos moradores. Ele se referia a si próprio, por ter viabilizar recursos para cobertura de uma quadra de esportes no distrito de Cangas e não haver reconhecimento por esse pleito. Antes, a vereadora Ornela Falcão (PSDB) criticou o que chamou de "invasão" de políticos que vão a Poconé em época de eleição, "abocanham" votos e não voltam mais ao município. O ex-governador e ex-senador Júlio Campos disse que "ajudou muito Poconé" e que ajudou a eleger a eleger deputado estadual Djalma Rocha, do município.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Cassio Assunção | Terça-Feira, 12 de Janeiro de 2010, 09h09
    0
    0

    É zenildo, o povo de Livramento quer administração e não falacia e nem acusação.Chega de culpar os outros tá na hora de mexer o coro patrão.Na campanha vc falava que ia revolucionar o carnaval, cadê?revolucionar a saude, cadê?Educação, cadê ? Tem gente que acredita em discurso mas só o seu povinvo. ADIÓS MUCHACHO...

  • Camilo Bueno | Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2010, 21h15
    0
    0

    Jovem prefeito Zenildo, vc deveria ser defensor dos menos favorecidos. Hoje defende esses coronéis que mandaram na politícia de MT. Tenha mais personalidade seu prefeito; ex. estudante politizado e ex. seminarista. A sua cidade precisa de vc fazendo o progresso e indo em busca de recursos e não defendendo os irmãos Campos que já provaram realmente não fazer tudo aquilo que pregam. Eles já tiveram oportunidades. O momento não é mais para olitícos ultrapassados.

  • Graciano Falção | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 21h34
    0
    0

    Assisti e participei da Reunião dos Democratas de Poconé,e municipios visinhos.A reunião foi altamente democrata e salutar,todos os politicos dos mais diversos partido presente fizeram uso da palavra,e o Prefeito de Livramente,seo Zenildo,reclamou de publico,da mal vontade do Governador Blairo,com o seus pleitos,e pediu ao Jaime,caso seja o Governador em 2011 que ajude N.S.do Livramento a progredir mais.Quanto as palavras de Julio Campos,foram breves,comedidas e jamais criticou ninguem,apenas relembrou o seu trabalho por Poconé,como Governador e Senador e pediu apoio para ser Federal.É Claro que relembrou o saudoso Dep.Djalma Rocha,que foi seu chefe da Casa Civil.Já Jaime,realmente criticou em alto nivel o problema serio da segurança publica em MT (e não é por menos,seo Romilson,pois até o senhor foi vitima de tentativa de assalto a luz do dia,na semana passada,ai em Cuiabá),e sugeriu que ao inves de dar isenção e incentivos fiscais a certas empresas,deveria o Governo destinar esses recursos para a Segurança e Saúde Publica de MT,setores que vão mal realmente há muito tempo em nosso Estado.Fato que tambem concordo plenamente com o Sen.Jaime, que sem duvida alguma é um forte candidato a Governador em 2010.Reponha esta verdades.0k.

  • Cidinha | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 19h55
    0
    0

    Eduardo, PEnsei a mesma coisa que vc!!! Quem diria que iriamos ver Zenildo defendo essa corja de Julio e Jaime!!! FORA DEMONIOS!!

  • Ademar | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 19h28
    0
    0

    Este tal de Zenildo durante a mulitância na pastoral da juventude é da esquerda radical, era críitico desa oligarquia do poder, inclusive dos campos. Hoje fez a curvatura da vara para direita abraçando com os Campos. Não vejo razão para critica ao Blairo porque foi ele que garantiu a eleição do Jaime no senador. Aliás rerguer o grupo que estava no marasma, como o Júlio foi derrotado em V. Grande. Zenildo quem foi nunca será, a sua radicalidade estava assentada a que pressuposto?

  • eduardo | Domingo, 10 de Janeiro de 2010, 12h45
    0
    0

    quem diria que aquele estudante de medicina da ufmt... militante da politica estudantil... aguerrido companheiro da esquerda hoje engrossaria o filao do DEM... isso so prova que interesses particulares falam mais alto!..... e viva JAYME, JULIO e JONAS! um viva ao FHC! ao DEM e ao Dr. Pelego!

EP cresce 5; Abílio perde 3, diz Ibope

emanuel pinheiro 400 curtinha   Pelos números do Ibope, revelados nesta sexta à noite pela TV Centro América (Globo), Abílio Júnior (Podemos) oscilou negativamente 3 pontos percentuais em menos de uma semana, de 48% para 45% das intenções de voto. Já o emedebista Emanuel Pinheiro (foto)...

Sob arrogância, ataque e desrespeito

abilio junior 400 curtinha   O candidato Abílio Junior (foto), que disputa o segundo turno em Cuiabá com o prefeito Emanuel, chegou bastante nervoso e irritado para o debate nesta sexta, na TV Vila Real (Record). Demonstrando arrogância, ignorou o superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação, Dorileo Leal, na...

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...