Variedades

Domingo, 26 de Maio de 2019, 08h:31 | Atualizado: 26/05/2019, 08h:35

Eduardo Bolsonaro se casa com psicóloga no RJ e com a presença do pai e irmãos

Davi Nascimento

Eduardo Bolsonaro

Eduardo Bolsonaro e Heloísa Wolf se casam em casa de festas em Santa Teresa, no Rio

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e a psicóloga gaúcha Heloísa Wolf se casaram neste sábado (25), em uma casa de festas em Santa Teresa, na região central do Rio de Janeiro, com cerimônia para cerca de 150 convidados. Estavam presentes o presidente Jair Bolsonaro, pai do noivo, e os irmãos mais velhos, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) e o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

Um forte esquema de segurança foi montado no bairro. O caminho a partir do Cosme Velho, na Zona Sul, até o local da cerimônia era patrulhado por homens da Polícia do Exército. Homens da Polícia Militar ocupavam vários pontos da Avenida Almirante Alexandrino. Além disso, um veículo blindado da PM estava no acesso principal do Morro dos Prazeres. O presidente chegou pouco antes das 17h e foi embora às 20h.

Logo depois, comemorou em uma rede social o casamento do filho Eduardo, com uma foto dele ao lado da primeira dama, Michelle Bolsonaro: "Acompanhando o casamento do meu 03, Eduardo Bolsonaro, junto de minha esposa Michelle Bolsonaro. Desejamos toda a felicidade ao casal e que Deus abençoe essa união! Bom final de sábado a todos".

Cerimônia com pastor e decoração intimista

A cerimônia religiosa foi celebrada pelo pastor Pedro Litwinczuk, de 53 anos, da Igreja Comunidade Batista do Rio, na Barra da Tijuca. Ele é conhecido pelos fiéis como um pastor descolado e descontraído.

Márcia Santiago, cerimonialista e assessora do casamento de Eduardo e Heloísa, falou antes da festa sobre o esquema de segurança. "O maior desafio é conjugar os protocolos oficiais e atender aos pedidos da segurança oficial. Esse trabalho de segurança não é da minha equipe direta, mas precisa ser coordenado. No mais, será um casamento simples, assim como os noivos são. Eles não gostam de extravagâncias, então estamos trabalhando com as coisas de forma natural e com o requinte necessário."

Márcia disse ainda que a decoração é intimista e bem romântica. "A única exigência da noiva foi que colocássemos hortênsias nos arranjos. As cores serão em tons pastel e a decoração floral seguirá um mix de flores nobres com ênfase nas hortênsias. Organizei o casamento da Helô e do Eduardo com todo carinho e empenho que coloco em todos os meus demais trabalhos", afirmou a cerimonialista.

Eduardo e Heloisa se conheceram no final de 2016, em Santa Catarina. Quase dois anos depois, ficaram noivos em Foz do Iguaçu, no Paraná.

Eduardo e Heloisa fizeram um ensaio pré-casamento na praia da Reserva, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, no início do mês de abril. Os dois foram fotografados por Davi Nascimento, também responsável pelos cliques da festa. "Eles quiseram as fotos como as outras pessoas fazem, sem querer estar acima dos outros. Fiquei na casa deles para fazer o ensaio e eles se preocuparam em saber as coisas que eu gostava. Deixaram uma dieta fit pra mim. É um carinho que a gente não encontra muito, não é comum", elogia Davi.

O vestido da noiva foi assinado pela estilista Marie Lafayette, a mesma que desenhou o vestido de casamento de Michelle Bolsonaro, mulher do presidente, e também o modelo usado pela primeira-dama na posse de Jair Bolsonaro.

Michelle Bolsonaro foi uma das madrinhas do casal (foram oito casais no total) e passou o dia ao lado de Heloísa e outras madrinhas na véspera da festa. Em um momento descontraído, a primeira-dama aprendeu a tirar foto com câmera profissional para clicar a noiva junto com o fotógrafo.

Já Eduardo vestiu um traje confeccionado pelo estilista Eduardo Guinle, composto por um terno com colete azul celeste de jacar prata claro.

Carreira política

Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) está no segundo mandato na Câmara dos Deputados. Nas eleições de 2018, recebeu 1.814.443 votos e atingiu a marca de deputado federal mais bem votado da história do país. É o atual presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara e tem participado de missões oficiais no exterior, o que lhe valeu o apelido de “chanceler informal” do governo Jair Bolsonaro.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

TCE declara prefeita Lucimar à revelia

lucimar campos curtinhas   O conselheiro do TCE Guilherme Maluf declarou à revelia a prefeita Lucimar Campos (foto), de Várzea Grande, em um processo de tomada de conta especial que aponta danos ao erário. Foram feitos pagamentos indevidos à empresa contratada Selprom Tecnologia. A esposa do senador Jayme Campos deve...

Aumento virá se MT melhorar o Ideb

mauro mendes curtinha   O governador Mauro Mendes propõe aos profissionais da Educação, que estão em greve, conceder reajuste de 7,6%, mas se o Estado atingir duas metas. E uma delas dependerá da atuação em sala de aula dos próprios educadores. Esse aumento virá quando o Executivo...

Bezerra se empolga e lança Emanuel

bezerra_curtinha   O deputado federal Carlos Bezerra, eterno presidente do MDB, fez um comentário curioso nesta terça durante o lançamento da construção de um viaduto na avenida Beira Rio, na Capital. Ele disse que políticos como ele e Emanuel têm o perfil de falar mais do que fazer. Em seguida,...

Comitiva da Bolívia e debate sobre gás

O governo boliviano vai retribuir a visita feita pelo governador Mauro Mendes em maio. Há uma pré-agenda de uma comitiva para uma reunião nesta 5ª (27) em MT, quando será debatida a retomada do abastecimento de gás natural, vendido pela Bolívia, além do fornecimento de ureia. Rafael Reis, presidente do MT Gás, diz que ainda não pode dar detalhes, mas garante que as tratativas estão avançando. Mauro, nas...

Licitações serão gravadas em Tangará

rogerio silva curtinha   Mesmo o prefeito Fabinho Junqueira se manifestando contra, a Prefeitura de Tangará da Serra e suas autarquias e também a Câmara Municipal terão agora que gravar e transmitir em áudio e vídeo todas as sessões de licitações. O projeto partiu do vereador emedebista...

Pleno escolhe novo desembargador

carlos alberto 190 curtinha tj   Nesta 5ª (27) o Pleno do Tribunal de Justiça, sob Carlos Alberto Alves, define quem vai assumir a vaga deixada pela desembargadora aposentada Cleuci Terezinha Chagas, que deixou o Pleno em janeiro. Ao total, 24 magistrados, da primeira quinta parte dos mais antigos lotados na Entrância Especial,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.