Variedades

Domingo, 17 de Janeiro de 2010, 19h:26 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Música

Em protesto, Caetano diz que Haiti é aqui

   Um dos ícones da MPB, Caetano Veloso gravou nos anos 1990 a canção Haiti, motivado por uma tragédia no Estado das Caraíbas para falar da miséria brasileira. A música é carregada de intervenção política e social sobre o Brasil numa época em que já se fazia campanha humanitária ao país caribenho, então atingido por um furacão. Duas décadas depois, um grande terremoto sacudiu o Haiti e destroçou sua capital Porto Príncipe, causando um número incalculável de mortos, inclusive de brasileiros. Com a força de 30 bombas atômicas, o terremoto deixou mais arrasado um país que já é paupérrimo.

   Baiano de Santo Amaro da Purificação, Caetano iniciou a carreira interpretando canções de bossa nova, sob influência de João Gilberto, um dos fundadores do movimento. Foi um dos responsáveis por deslocar a melodia pop na direção de um ativismo político e de conscientização social. O nome ficou então associado ao movimento hippie do final dos anos 1960 e às canções do movimento da Tropicália. É irmão de outra artista, a cantora Maria Bethânia. O primeiro trabalho musical foi uma trilha sonora para a peça teatral Boca de Ouro, do escritor Nelson Rodrigues, do qual Bethânia participou em 1963. Ainda nos anos 60 ingressou na Faculdade de Filosofia da Universidade Federal da Bahia.

    Desde o início da carreira, Caetano demonstrava uma posição política ativa mais de esquerda. Ganhou, por isso, a inimizade do regime militar instituído no Brasil durante 21 anos (64/85). Por esse motivo, as canções foram frequentemente censuradas neste período e algumas até banidas. Em 27 de dezembro de 1968, Caetano e o parceiro Gilberto Gil foram presos, acusados de terem desrespeitado o hino nacional e a bandeira brasileira. Foram levados para o quartel do Exército de Marechal Deodoro, no Rio, e tiveram suas cabeças raspadas. A liberdade veio em fevereiro de 1969. Depois, em Salvador, eles foram mantidos em regime de confinamento, sem aparecer e nem dar declarações em público. Acabou exilado na Inglaterra.

------------------
Clique aqui e ouça Haiti

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Cáceres, lockdown e frases de alerta

francis maris 400 curtinha   Em Cáceres, o prefeito Francis Maris (foto) decretou lockdown desde a última segunda, dia 29, como forma de forçar os moradores a permanecer em casa para conter o avanço da Covid-19. Mas as medidas restritivas não estão surtindo tanto efeito na prática. Muitos continuam...

4 prefeitos de MT com coronavírus

luiz binotti 400 curtinha   Pelo menos quatro prefeitos em Mato Grosso já foram diagnosticados com Covid-19. O caso mais recente envolve Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Ele aguarda resultado de exames, mas já se encontra em isolamento domiciliar. Com sintomas do novo coronavírus, Binotti decidiu ficar em casa. De um...

Forçando cuiabanos a ficar em casa

emanuel pinheiro 400 curtinha   Acuado por causa do avanço dos casos de Covid-19, o que tem provocado colapso na rede pública de saúde, principalmente em Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) decidiu adotar medidas mais restritivas para conter circulação e aglomerações de pessoas,...

Relação tensa e agora sem assessores

niuan ribeiro 400 curtinha   A relação política entre o prefeito Emanuel Pinheiro e o vice Niuan Ribeiro (foto), em Cuiabá, deve azedar ainda mais. Ambos estão rompidos politicamente desde o ano passado. Niuan, que atua no 6º andar do Palácio Alencastro de olho nas ações de Emanuel, que...

PEC da Previdência na pauta nesta 5ª

dilmar dal bosco 400 curtinha   A polêmica e controversa PEC da Previdência, apresentada pelo governador Mauro, deve ser apreciada nesta quinta, em primeira votação, pelos deputados. O Executivo conseguiu os votos mínimos necessários para conseguir aprovação. Deputados da oposição...

Caminho bem consolidado à reeleição

leonardo 400 curtinha   Dos prefeitos que podem ir à reeleição de cidades pólos, o que encontra situação mais confortável é Leonardo Bortolini, o Léo (foto), de Primavera do Leste. Bem articulado e habilidoso politicamente e com uma relação extensa de obras e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Até dezembro, o IFMT terá eleição para Reitoria. Quem você acha que será eleito dos candidatos abaixos?

Deiver Alessandro

Julio Santos

Nenhum deles

Não tenho ideia

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.