Variedades

Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 19h:29 | Atualizado: 21/10/2019, 20h:36

Urach sobre vida na prostituição: quanto mais sujo o sexo, mais se faz dinheiro

Reprodução/Instagram

Andressa Urach

Andressa Urach, após prostituição, virou cristã

Andressa Urach expõe de forma nua e crua sua vida relacionada a prostituição e drogas no livro Desejos da Alma. Aos 32 anos e atualmente evangélica, a ex-Miss Bumbum revela que gostava de inventar polêmicas para ganhar mais dinheiro como garota de programa. Além disso, explica que sexo sujo rende mais cachê.

Em entrevista à revista Quem, Andressa relembrou um episódio de 2013, quando inventou que um de seus tops havia sido roubado. Num quarto de hotel, ela contou: “Foi aqui que inventei a história do top roubado da minha fantasia de Carnaval”.

“Foi um escândalo intencional porque eu queria ficar com a parte de cima nua. Eu era muito arrogante e prepotente. Não era nada, mas me sentia a estrela do momento”, disse.

Na época, Andressa chegou a chorar para a mídia, mas tudo não passava de armação. “Todas as famosas querem destaque na imprensa porque gastam absurdos. Eu gastava 80 mil reais em uma fantasia para aparecer um dia! É um investimento muito grande e às vezes, as pessoas pagam até muito mais para ser rainha”, afirmou.

“Era uma competição muito grande de quem queria aparecer mais. E eu queria muito aparecer e o Carnaval era o momento. Buscava estar em evidência para aumentar o meu cachê na prostituição”, revelou.

No bate-papo, Andressa também contou que, a longo prazo, a vida como prostituto não oferecia tanto dinheiro se ela não se arriscasse no sexo. “Comecei a fazer sadomasoquismo porque quanto mais sujo e nojento o sexo, mais a gente faz dinheiro. Eu já não pensava mais em nada, só no dinheiro. Perdi o limite. Comecei a não sentir mais prazer no sexo normal”, disse.

“Eu precisava ser agredida, agredir, me submeter à urina, fezes e coisas muito piores. Era algo que você perdia a dignidade e se sentia um lixo e sentia prazer em se sentir um lixo. Tinha clientes que me pagavam absurdos para que eu os humilhasse. Eram homens poderosos e famosos, geralmente casados com mulheres lindas”, refletiu Andressa, que já foi viciada em drogas.

“Comecei a usar cocaína aos 21 anos, quando entrei para a prostituição. A cocaína era um hábito para mim e fazia parte do meu dia; eu cheirava de manhã, de tarde e de noite. Também bebia todos os dias”, declarou.

Agora, após relatar no livro Morri Para Viver seu estado de quase morte, Andressa mantém uma vida sem luxos e se dedica à criação de seu filho, Arthur.

“Quando me converti, tive que aprender a perder para ganhar. Eu tinha um padrão de vida muito alto, que era mantido com a prostituição […] Sempre justifiquei a prostituição com a mentira de dar uma boa vida para o meu filho”, disse.

“Trocava pequenos momentos com o meu filho pela fama, baladas, viagens… Ficava dias sem dar notícia. Minha mãe assumia a responsabilidade com ele. Eu dava uma vida confortável e luxuosa para a minha mãe cuidar do meu filho, mas eu não comportava como mãe. Ele tinha 9 para dez anos quando meu converti. Digo que precisei morrer e nascer de novo para criar um laço com ele. Hoje meu maior prazer é ficar em casa com ele”, concluiu.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Lucia Matos | Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019, 15h39
    0
    1

    JÁ DEU ESSA HISTÓRIA NÉ ANDRESSA? (LITERALMENTE) AGORA, VAI TRABALHAR DE VERDADE, MULHER!!!

  • Luciano Morais | Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019, 10h55
    4
    2

    Tudo truque publicitário, pessoas como essa senhora, querem fazer sucesso a vida inteira sem ter talento algum, a não ser para prostituição. Agora vai viver das memórias, até que ponto verdadeiras? se a mesma confessa que chorou para a mídia, mentindo para ter mais sucesso. Vai valer-se de ter-se convertido a vida inteira, ganhando direitos autorais e dando dízimo, se calhar nesses dias casa com um pastor ex- presidiário, aí o milagre será total.

  • Wagner Cordeiro | Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019, 08h29
    5
    2

    Segue ganhando dinheiro com o mesmo tema.No primeiro momento executando,agora contando.

Matéria(s) relacionada(s):

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

Rossato quer "minar" reeleição de Ari

dilceu rossato 400 curtinha   Em Sorriso, a capital nacional do agronegócio, a tendência é da disputa à sucessão no próximo ano ficar polarizada entre o prefeito Ari Lafin, do PSDB, e seu antecessor, Dilceu Rossato (foto), hoje filiado ao PSL. Embora se movimente nos bastidores, o deputado Xuxu Dal Molin...

Misael nem espera janela e sai do PSB

misael partido 400 curtinha   Misael Galvão (foto), presidente da Câmara de Cuiabá, nem esperou chegar a janela partidária de março para oficializar a saída do PSB, onde esteve filiado por três anos. Para não colocar o mandato em risco, o parlamentar consultou a Justiça Eleitoral e obteve...

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.