Polícia

Segunda-Feira, 29 de Outubro de 2018, 18h:55 | Atualizado: 30/10/2018, 14h:46

"Agora é no aço", defende diretor sobre suspender uso de bala de borracha na PCE

Reprodução

Revetrio Francisco da Costa

Diretor da PCE em Cuiabá, Revetrio Francisco da Costa, que teria feito declarações inadequadas via WhatsApp

Declarações atribuídas a Revetrio Francisco da Costa, diretor da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá, causaram revolta em alguns servidores do sistema prisional de Mato Grosso.

Por meio de um grupo de WhatsApp, logo após a vitória do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), o diretor da PCE teria, supostamente, feito afirmações consideradas inadequadas ao cargo que ocupa. Revetrio nega que tenha feito tais comentários.

"Esperar só chegar a ordem para eliminar um raio", teria declarado o diretor da PCE, em alusão aos raios nos quais são divididos os presos da unidade. A declaração teria sido escrita por Revétrio às 18h23 de domingo (28), período em que eram computados os votos das urnas eletrônicas em todo o Brasil.

Reprodução

Print diretor PCE no Whatsapp

Mensagem que teria sido enviada pelo diretor da PCE no Whatsapp afirma que "Agora é no aço"

Minutos depois, às 18h27, ele teria afirmado: "Vamos estar descautelando as munições de borracha. Agora é no aço", em alusão ao modo como a segurança pública deverá se portar a partir da gestão de Bolsonaro, que se inicia em 1° de janeiro.

Em seguida à declaração, o diretor teria enviado diversas reproduções da bandeira do Brasil.

As afirmações do diretor da PCE teriam sido feitas em um grupo de agentes penitenciários do Estado. Os prints foram enviados ao na tarde desta segunda (29).

Alguns servidores de penitenciárias do Estado criticaram a postura de Revetrio, principalmente pelo fato de ele ser o diretor da maior penitenciária de Mato Grosso. Houve também, no grupo, pessoas que teriam manifestado apoio ao diretor.

Reprodução

Print diretor PCE no Whatsapp

Mensagem no grupo de WhatsApp atibuída ao diretor da PCE

Em entrevista ao , o diretor da PCE assegurou que nunca fez tais declarações. “Isso não existe. Tanto é que, neste momento, estou em reunião para que 40 presos trabalhem na prefeitura de Cuiabá”, disse.

Do contra

Para Revetrio, os prints com supostas afirmações feitas por ele são tentativas de prejudicá-lo. “Há um pessoal que é contra. Quando veem as coisas andando na unidade [prisional], querem prejudicar”, asseverou.

Por meio de comunicado, a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) informou que as declarações atribuídas ao diretor da PCE são “de cunho pessoal e não representam o posicionamento da pasta”.

“Reiteramos que todos os procedimentos de trabalho e condutas profissionais devem seguir o Manual de Procedimentos Operacionais Padrão do Sistema Penitenciário e a legislação vigente, tanto estadual, quanto federal”, asseverou a Sejudh.

Postar um novo comentário

Comentários (25)

  • Alexandro Louis | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 13h58
    1
    0

    Pronto! Invadem a casa do cara, esculacham com todos... e o bocó dorme com a "frase solta".

  • INDIGNAÇÃO | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 11h49
    7
    7

    Espero que esse diretor continue fazendo um bom trabalho, se o detento se revoltar é AÇO NELE.

  • Divaldo Batista | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 10h34
    0
    0

    Divaldo Batista, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • CIDADÃO INDIGNADO | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 10h26
    0
    0

    CIDADÃO INDIGNADO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • SALAMALEN. | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 10h11
    0
    0

    SALAMALEN., Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Eduardo Leite | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 10h02
    8
    12

    Não entendo as pessoas que estão criticando a matéria. Em nenhum momento foi questionado o trabalho realizado pelo diretor citado. Ele pode estar fazendo um bom trabalho, mas como diretor jamais poderia declarar que aguarda ordens para matar presos, pois além de ser crime demonstra seu total desconhecimento sobre a função do sistema prisional. Lamentável.

  • orlando osmar vilela neto | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 09h42
    10
    8

    É impressionante a postura da imprensa marrom e do pseudo servidor (pois este não honra a farda preta) do Sistema Prisional. Trabalhamos de forma incansável , com pouco efetivo, muitos doentes, em condições precária para desenvolver dentro da maior unidade prisional um trabalho que hoje é motivo de orgulho e respeito dentro e fora da sociedade. A PCE hoje, passa por profundas reformas não só físicas, mas sobretudo, com uma cosmovisão de respeito aos servidores, aos reeducandos e as famílias dos presos, trazendo a pacificação social ao Estado em um processo de humanização, tendo em vista a devolução do individuo a sociedade. Existe sim, um forte combate, ao uso de entrada de celulares e drogas, aos servidores que insistem em práticas ilícitas e colaboram com o crime organizado. Que fique registrado meu agravo a conduta deste servidor que macula um trabalho que está sendo construído de forma ordeira e dentro dos limites da lei de um Estado democrático de Direito. Os arroubos ditos em um momento de ânimos exaltados (que não passa de um pouco de gargalhadear), não perfaz a realidade que se impõe dentro da unidade e da pessoa que o fez.

  • regis manuel amancio da silva | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 08h33
    0
    0

    regis manuel amancio da silva, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • EVA REIS | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 08h29
    13
    15

    KD MPE, OAB E JUIZES DA VARA DE EXECUÇÃO PENAL? QUEM VAI CONTROLAR O ÍMPETO DE SANGRIA NESTE PAÍS AGORA?

  • Fábio | Terça-Feira, 30 de Outubro de 2018, 07h57
    13
    14

    Agora o Brasil vai virar um país da carnificina.

Luta de Misael e asfalto no Despraiado

misael galvao curtinha 400   O presidente da Câmara da Capital, Misael Galvão (foto), está comemorando uma vitória suada: a retomada das obras de pavimentação em toda extensão das ruas Afonso Pena e Oswaldo Correa, no bairro Despraiado. Ele fez várias indicações para...

Deputado reforça equipe com Nego

nego ramos 400 curtinha   Com larga experiência na política, Valdeny dos Santos Ramos, o popular Nego Ramos (foto), agora reforça a equipe do deputado Emanuelzinho, que, aos 25 anos hoje, é o terceiro federal mais jovem do país, e foi o terceiro mais votado nas urnas de 2018, em Mato Grosso, com 76.781 votos....

Irmão de prefeito não deporá à CPI

francisco faiad 400 curtinha   Por meio de seu advogado Francisco Faiad (foto), Marco Polo de Freitas Pinheiro, o Popó, dono do instituto de pesquisa Mark e irmão do prefeito Emanuel Pinheiro, comunicou oficialmente hoje à CPI do Paletó, da Câmara da Capital, que não irá prestar depoimento nesta...

Nome reserva e vulnerável para IFMT

adriano 400 curtinha   O grupo do reitor Willian de Paula deve consolidar como candidato ao comando do Instituto Federal de Mato Grosso o professor Julio Santos, diretor do Campus de Alta Floresta. A eleição acontece em novembro. Mas há um candidato reserva da cúpula situacionista. Trata-se de Adriano Breunig (foto), que...

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.