Curtinhas

Erros estratégicos e fora de cena

Segunda-Feira, 30/11/2020 21h:04

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como liderança emergente de oposição. Em 2018, deixou o PTB e foi para o PSD. Achou que no partido de Carlos Fávaro construiria projeto para o Senado e ainda sem perder de vistas uma eventual candidatura à prefeitura. Ledo engano. Frustrado, correu para o Podemos. Entrou como suplente ao Senado na chapa de Medeiros. Mas logo foi substituído. Por fim, nem uma coisa, nem outra. De quebra, apostou tudo na vitória de Abílio, o que não se concretizou. E ainda se queimou politicamente.

Volta ao TCE ou cargo no governo

Segunda-Feira, 30/11/2020 20h:28

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi controlador-geral da Capital na época em que Mauro respondeu como prefeito, de 2013 a 2016. E tem aproximação e laços de amizade tanto com o governador quanto com a primeira-dama Virgínia Mendes. Para se ter ideia, Bussiki só topou abandonar o projeto de reeleição à Câmara para ser candidato a vice-prefeito de França a partir de um pedido feito diretamente a ele pelo governador.

Bate-cabeça e plano B frustrado

Segunda-Feira, 30/11/2020 19h:05

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por uns dias. Acreditando nisso, Mauro não se preocupou em orientar seu secretário de Saúde, vereador licenciado Gilberto Figueiredo, para se licenciar dentro do prazo legal, de modo a ter legitimidade para uma eventual disputa. Eis que Fabinho, diante da dificuldades de construir alianças e da desvantagem nas pesquisas, já que não aparecia nem com 2% das intenções, resolve jogar a toalha. Aí já era tarde demais para Gilberto entrar, pois não havia se desincompatibilizado do cargo. Só restou ao governador arranjar um candidato de outro partido, no caso Roberto França (Patriota), que amargou o quarto lugar.

Mauro e 2 derrotas pra Emanuel

Segunda-Feira, 30/11/2020 14h:44

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto), principal estrela do DEM em MT, acabou amargando duas derrotas em Cuiabá para o prefeito Emanuel, neste ano, embora não tenha sido candidato nas urnas. Em princípio, buscou candidatura própria com o seu partido, mas todos os nomes possíveis, como de Gilberto, Gallo, Mauro Carvalho, Botelho e Fabinho, foram se inviablizando por diferentes razões. Por fim, apostou na candidatura de Roberto França (Patriota), que ficou em quarto lugar. Com vontade e disposição de impedir a reeleição do prefeito emedebista, inclusive buscando arregimentar apoiadores, Mauro não ficou quieto no segundo turno. Abraçou a candidatura de Abílio Júnior (Podemos), mesmo sem qualquer afinidade política com o vereador. E perdeu de novo.

3 derrotas de um marqueteiro

Domingo, 29/11/2020 20h:49

antero de barros curtinha 400   O ex-senador, jornalista e marqueteiro Antero de Barros (foto) não levou sorte nas campanhas eleitorais as quais coordenou nestas eleições. Em Lucas do Rio Verde, empurrou à reeleição o prefeito Luiz Binotti que, mesmo com o poder da máquina, perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz, do Cidadania. Antero comandou o marketing também do candidato à sucessão em Sinop, Juarez Costa, que começou a campanha como grande favorito. Por fim, foi derrotado nas urnas pelo empresário Roberto Dorner, do Republicanos. E, neste segundo turno em Cuiabá, o marqueteiro e militante político entrou pra valer nas orientações ao candidato Abílio, que perdeu neste domingo para o prefeito Emanuel.

Lideranças jogaram contra EP

Domingo, 29/11/2020 20h:31

carlos favaro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro teve uma reeleição sofrida em Cuiabá. Lutou contra os principais líderes políticos, que se juntaram em torno da candidatura de Abílio, uns publicamente, outros nos bastidores. O governador Mauro Mendes, por exemplo, jogou pesado para tentar derrotá-lo. Alguns aliados do próprio prefeito da Capital pularam do barco, como Carlos Bezerra e Janaína Riva. E ainda aqueles que se posicionaram de forma "neutra" para não contrariar o Palácio Paiaguás, como o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho. Vários chamados adesistas, aqueles que correm para o lado que melhor pontuar nas pesquisas, também entraram em ação, como o deputado estadual oportunista Elizeu Nascimento, que estava com Emanuel e foi para o palanque de Abílio, e até o senador Carlos Fávaro (foto), que prometeu se posicionar favorável à reeleição do prefeito e depois ficou em silêncio.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2487

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...

DEM, bate-cabeça e plano B frustrado

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por...

Mauro sofre 2 derrotas para Emanuel

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto), principal estrela do DEM em MT, acabou amargando duas derrotas em Cuiabá para o prefeito Emanuel, neste ano, embora não tenha sido candidato nas urnas. Em princípio, buscou candidatura própria com o seu partido, mas todos os nomes possíveis, como de Gilberto, Gallo,...

Três derrotas do marqueteiro Antero

antero de barros curtinha 400   O ex-senador, jornalista e marqueteiro Antero de Barros (foto) não levou sorte nas campanhas eleitorais as quais coordenou nestas eleições. Em Lucas do Rio Verde, empurrou à reeleição o prefeito Luiz Binotti que, mesmo com o poder da máquina, perdeu para o...

Lideranças jogaram duro contra EP

carlos favaro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro teve uma reeleição sofrida em Cuiabá. Lutou contra os principais líderes políticos, que se juntaram em torno da candidatura de Abílio, uns publicamente, outros nos bastidores. O governador Mauro Mendes, por exemplo, jogou pesado para tentar derrotá-lo....

MAIS LIDAS