Polícia

Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020, 09h:20 | Atualizado: 25/11/2020, 22h:34

Polícia apura se conflito motivou execução de chefe de garimpo, marido e filho - veja

Uma das linhas de investigação para a chacina ocorrida em um um garimpo ilegal em Aripuanã (a 1.002 km de Cuiabá), registrada ontem (24), leva a conflitos relativos à extração mineral. Uma das vítimas, Elzilene Tavares Viana, de 41 anos, conhecida como “Babalu”, conforme investigações preliminares, liderava um garimpo na região.

“A linha de investigação está relacionada a algum crime motivado pela atividade comercial que a vítima exercia. Todos sabem que era uma pessoa conhecida. Os três trabalhavam como garimpeiros, em Aripuanã", disse, em entrevista à TV Juína, o delegado regional Carlos Francisco, se referindo à Babalu, ao marido dela, Leôncio José Gomes, 40, e ao filho deles, Luiz Felipe Viana Antônio da Silva, 19.

babalu, o marido e o filho dele

A quarta vítima é Jonas dos Santos, 25, que antes de morrer implorou pela vida da esposa, que está grávida.

O corpo de Babalu, que estava próximo de uma GM S10 incendiada, acabou ficando carbonizado. Antes da execução, todas as vítimas foram algemadas. No local, foram encontradas cápsulas calibre 12.

A única sobrevivente da chacina, que aconteceu no sábado (21), contou que todos foram rendidos por quatro homens encapuzados e com armas longas e ficaram sob o poder deles por 1h. Foram colocados na caminhonete e levados em direção a Juruena, até chegar na rodovia federal. Os criminosos percorreram cerca de 30 metros na mata e começaram a execução.

Quando chegou a vez da gestante, Jonas implorou pela vida da esposa e os atiradores a pouparam, mandando que desaparecesse e nunca mais voltasse à região. Após ser deixada em Juína, a jovem pegou um ônibus até Sinop, onde procurou a delegacia de Polícia Civil.

 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • pedro paulo | Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020, 14h55
    1
    2

    pedro paulo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • RENATA | Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020, 10h46
    11
    0

    Se essa mulher não sumir do mapa, será a próxima. Eu daria todas as informações necessárias ao delegado. Depois pegaria rumo desconhecido, se possível, com vários trechos de ônibus para não deixar pistas.

  • ROBERTO FERREIRA | Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020, 09h48
    15
    1

    terra sem lei

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O Ministério Público entrou com nova ação para declarar a verba inconstitucional. Um dos problemas é a falta de prestação...

Efeito-Covid adia vinda de Michelle

michelle bolsonaro A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, e a secretária da Mulher, Luciana Zamproni, resolveram transferir para abril a agenda de 11 de março que teria como convidada a secretária nacional de Mulheres, do Ministério dos Direitos Humanos, Cristiane Britto e a primeira-dama do Brasil Michelle...

Governador entre a cruz e a espada

mauro mendes curtinha   Às vésperas da pandemia completar 1 ano em MT, o Estado vive o seu pior momento e o governador Mauro Mendes (foto) enfrenta uma verdadeira prova de fogo: liderar ações coordenadas em todo o território mato-grossense para evitar que o Estado viva cenas parecidas com as de Manaus e de Estados...

Câmara volta a realizar 2 sessões

juca 400 curtinha   A Câmara de Cuiabá, sob a presidência do vereador Juca do Guaraná Filho (foto), volta a realizar duas sessões semanais, nas terças e quintas. Por conta da pandemia, as sessões serão remotas. A resolução foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares que vinham...