ECONOMIA E AGRONEGÓCIO

Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2016, 18h:22 | Atualizado: 17/11/2016, 18h:26

Prefeito diz que Cáceres será a 1ª economia de MT após ZPE e porto


Especial para o Rdnews

Gilberto Leite

Francis Maris

Segundo o prefeito Francis Maris, mais de 20 empresas já demonstraram interesse de utilizar local

O prefeito de Cáceres, Francis Maris Cruz, acredita que os investimentos no porto da cidade, em conjunto com a construção da Zona de Processamento e Exportação (ZPE), devem atrair indústrias de todo o país para a região. Para ele, o município deve ser a primeira economia do Estado em dez anos.

Na última segunda (14) foi realizado um encontro, que contou com a presença do ministro das Relações Exteriores, José Serra, e autoridades como o governador Pedro Taques, onde foi debatida a retomada do Porto de Cáceres e ainda a construção da Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

De acordo com o prefeito de Cáceres, a hidrovia pode alterar a configuração comercial da região. “A hidrovia Paraguai-Paraná é de suma importância para o desenvolvimento de todo o estado. A logística que nós temos hoje é muito onerosa para os produtores. Com essa situação regularizada, nós esperamos que esse custo do frete seja quatro ou cinco vezes menor”, afirmou no encontro.

A habilitação do porto, de acordo com ele, deve deixar a produção do Estado mais competitiva e, consequentemente, trazer mais desenvolvimento econômico para os mato-grossenses. Ele lembrou, inclusive, que o ganho em competitividade pode fazer com que Mato Grosso dispute com países da Europa, da Ásia e os até os Estados Unidos.

Ele afirmou que com as duas obras ele espera que em dez anos o município de Cáceres se transforme na primeira economia de Mato Grosso.

“As obras vem trazer um desenvolvimento para uma região do Estado que estava parada. Cáceres tem 58% do município de áreas alagadas, então não podemos plantar soja, por exemplo, e também não temos indústrias. Com o advento da ZPE teremos as indústrias de Mato Grosso e de outros estados se instalando aqui”, defendeu.

O prefeito afirmou que a previsão é que as obras da ZPE sejam concluídas em um ano e meio, mas lembrou que alguns setores já estão se movimentando para criarem negócios na região. De acordo com ele, mais de vinte empresas já demonstraram interesse de utilizar o local. 

“Nós estamos esperando as indústrias da transformação de grãos: soja, farelo de soja, óleo de soja, de milho. Também indústrias da tecelagem, de algodão e da carne e todos os seus derivados, sejam bovinas, suínas, de frangos e até de peixes. Além disso, devemos ter indústrias da madeira também”, argumentou.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • LUCIANO SANTOS | Sexta-Feira, 24 de Fevereiro de 2017, 00h54
    0
    0

    Tirando os comentários desinformadores logo abaixo, eu teria mais cuidado em afirmar com tanta eloquencia como fez o nosso ilustre prefeito que Cáceres será um dia um polo de desenvolvimento do Estado de Mato Grosso mesmo carecendo de obras de infraestrutura das quais o município ribeirinho é paupérrimo e ainda mais levando-se em conta que bolsões de descamisados começarão a se instalar nos arredores da cidade esperando um crescimento que provavelmente não virá senão em décadas e alimentará ainda mais a já pobre população cacerense que se encontra desamparada de todo um sistema de saneamento básico... isso só pra começar a enumerar os problemas... sem falar nas ruas esburacadas, bairros inteiros sem esgoto, valas comuns a céu aberto, sistema de tratamento de água precário e antiquado... e por ai vai... mais pé no chão, prefeito, e menos fogos de artifícios...

  • João Menna Neto | Segunda-Feira, 21 de Novembro de 2016, 11h17
    0
    0

    Será que o ilustre alcaide sabe que os problemas ambientais com relação a ZPE, Porto e navegação no rio Paraguai ainda não foram superados, estão judicializados e sem perspectiva de solução em médio e longo prazos. Sem a resolução da questão ambiental de forma abrangente nada feito. É preciso trabalhar intensamente para a superação dos entraves e falar menos.

  • Moreira | Sábado, 19 de Novembro de 2016, 16h19
    0
    2

    É um brincalhão. As indústrias se instalarão por ali, porém, as sedes ficarão na capital, como já acontece na prática em virtude da logística de aeroporto, infra-estrutura local etc, etc...

  • Jose Coxipó | Sexta-Feira, 18 de Novembro de 2016, 11h13
    1
    0

    Prefeito Francis Maris (de onde é esta figura), vou dar-lhe uma sugestão: Inicie já uma campanha para arrecadar para o município de Cáceres: VISITE O PANTANAL ANTES QUE VIRE DESERTO. Com certeza o sucesso da campanha está garantido.

Matéria(s) relacionada(s):

Suplente se articula para cassar Diego

demilson nogueira vereador curtinha   O suplente de vereador Demilson Nogueira (foto), dirigente do PP de Cuiabá, está se articulando nos bastidores para derrubar o titular da cadeira Diego Guimarães, do mesmo partido. Ele juntou documentos, fotografias, discursos e registro de solenidade para tentar cassar o mandato de Diego....

Governo veta Maldonado à Unemat

adriano silva caceres curtinha   O suplente de deputado Adriano Silva (DEM), ex-reitor da Unemat, com sede em Cáceres, está revoltado com governador Taques. Enquanto atuava como deputado, substituindo o dono da cadeira Botelho, Adriano apresentou neste ano um projeto, aprovado em duas sessões, "rebatizando" a Unemat como...

15 vão concorrer pela Grande Cáceres

moraes curtinha   Pelo menos 15 da região Oeste, que agrega mais de 20 municípios, estão se articulando para concorrer a deputado, sendo 7 deles de Cáceres. Dois vão a federal: Ezequiel Fonseca (PP), de Reserva do Cabaçal e que busca a reeleição, e o estadual Leonardo Albuquerque (SD), baseado...

Ataques de Pivetta dividem opiniões

otaviano pivetta curtinha lucas   Os ataques do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (foto), do PDT, ao governador Pedro Taques (PSDB) dividem opiniões. Uns acham que ele agiu com desrespeito quando definiu Taques como vagabundo, mentiroso, ladrão de sigla partidária e narcisista. E, diante disso, disseram que...

Irmão de senador disputa a estadual

wener santos nova marilandia curtinhas   O ex-prefeito de Nova Marilândia Werner dos Santos (foto), derrotado à reeleição em 2016, vai concorrer a deputado estadual, mesmo sem apoio irrestrito do irmão, o empresário e senador Cidinho Santos. Filiado ao PP, depois de sair do PR de Cidinho, Werner tem fomentado...

Salgadeira é "pepino" em 2 gestões

Não foi desta vez que a população pode começar a desfrutar das belezas do Complexo Turístico da Salgadeira. Pela segunda vez, o governo adiou a inauguração das obras de reestruturação. O local está fechado há quase 8 anos. O problema se arrastou por toda a gestão Silval e, ao que parece, vai ser resolvido no último ano do governo Taques, que se encerra em dezembro, caso ele não seja reeleito. Era...

Deputados com chances de reeleição

eduardo botelho curtinhas   Quase todos deputados estaduais consideram que entre 10 e 12 dos 21 que vão tentar a reeleição devem obter êxito nas urnas. E apontam, em privado, os com as maiores chances, inclusive com expectativa de mais de 30 mil votos: Botelho (foto), Nininho, Janaína Riva, Zeca Viana e...

Rede de aliados para se tornar federal

neri_geller_curtinha.jpg   Com a estatura de quem foi ministro da Agricultura do Governo Dilma e depois retornou como secretário de Política Agrícola da gestão Temer, Neri Geller (foto) montou uma rede estruturante de aliados capaz de já projetá-lo como futuro deputado federal. Aproveitou os últimos...

Assumindo culpa por "fantasma" na AL

abilio moumer curtinha   Numa postagem em sua página pessoal no Facebook, Abilio Moumer (foto), pai do vereador por Cuiabá Abílio Júnior e marido de Damaris Rasteli, tem a coragem de usar o nome de Deus e da igreja para, depois, pedir perdão. Se revela culpado pelo deputado Sebastião Rezende, evangelista da...

MAIS LIDAS