ECONOMIA E AGRONEGÓCIO

Quinta-Feira, 12 de Janeiro de 2017, 09h:54 | Atualizado: 12/01/2017, 17h:30

mobilidade urbana

Yet Go já opera em Cuiabá, quer taxis parceiros e preço tenta "peitar" Uber

Yet Go

Em Cuiabá, já são 532 motoristas cadastrados e 148 deles com toda a documentação aprovada

O aplicativo de mobilidade urbana Yet Go entrou em funcionamento em Cuiabá na última segunda (9). O serviço, que oferece transporte privado, chega à Capital prometendo preços mais baixos e ainda realizar uma concorrência saudável com a Uber. Entre os diferenciais do aplicativo estão a taxa única e o convênio com os táxis.

Segundo o CEO da empresa, Jailson Ferreira, o Yet Go já está funcionando em 23 cidade, como Porto Alegre, Fortaleza, Maceió, Recife, Alagoas, Manaus e Belém. A ideia inicial era liberar o funcionamento em Cuiabá somente na próxima sexta (13), mas a data foi adiantada porque, segundo o empresário, a cidade já está pronta para receber o serviço.

O principal objetivo do aplicativo é oferecer uma alternativa aos clientes nesse setor que tem pouca concorrência. “O consumidor tem o direito de ter uma livre escolha. O dinheiro suado é dele, ele precisa poder escolher o que cabe em seu bolso. E a única forma disso acontecer é havendo uma disputa saudável entre todo mundo, sem coerção nem nada do tipo”, defendeu Jailson.

Em Cuiabá, segundo o CEO, já são 532 motoristas cadastrados, sendo que 148 deles já estão com toda a documentação aprovada. Os profissionais que querem trabalhar no modelo precisam apresentar documentos do carro, pessoais, comprovante de residência e seus antecedentes criminais.

Um dos diferenciais do Yet Go é sua conexão com os táxis. No aplicativo, os taxistas podem usar seu carro para prestar serviço aos clientes do app. O diferencial, porém, é que eles terão que trabalhar com as taxas propostas pela própria empresa. “O que nós queremos é chamar os taxistas para o nosso lado. As pessoas precisam ter a liberdade de chegar no centro de Cuiabá e ter a possibilidade de, caso não tiver nenhum carro pelo aplicativo concorrente, chamar o taxista que está ali parado no ponto. Eles precisam se adequar a esse modelo de negócio também”, defendeu.

Além disso, a empresa afirma que ser 100% nacional é um dos seus trunfos. O serviço também disponibiliza um número para que clientes e motoristas possam reportar qualquer situação diferente aos responsáveis. “A gente é brasileiro e gosta de se comunicar. Não queremos ficar falando por mensagem de texto, desse modo criamos esse canal de comunicação”, elucidou.

Yet Go

Yet Go atende mais 23 cidades, como Porto Alegre, Fortaleza, Maceió, Recife, Alagoas e Manaus

O empresário relatou, também, que a empresa está sendo levada para Miami, nos Estados Unidos, e que deve, posteriormente, começar a funcionar em Portugal. Ele afirmou que, principalmente nos EUA, esse modelo de transporte é muito comum e que o mercado para eles lá fora é gigante.

Em fevereiro os responsáveis pelo negócio deverão se reunir para avaliar as projeções e fazer um primeiro balanço sobre os resultados da utilização da ferramenta em Cuiabá. 

Perguntado sobre a possibilidade do aplicativo sofrer com proibições ou regulamentações, o CEO afirmou não ter medo, já que “com o Yet Go não existe jeitinho brasileiro, nós estamos ao rigor da lei”. Em Várzea Grande, por exemplo, a Uber foi vetada, mas a prefeita Lucimar Campos (DEM) prometeu estudos para viabilizar o serviço.

Ele contou que a ferramenta chegou a ser proibida em Belém, mas que após uma decisão judicial o funcionamento foi liberado novamente. 

Serviço

O Yet Go oferece viagens em quatro tipos: carro comum, de luxo, táxi e moto taxi. As taxas não variam e o pagamento pode ser realizado tanto pelo cartão de crédito quanto por dinheiro.

Para o carro comum, as taxas cobradas são de R$ 1,7/km e mais R$ 0,15 por minuto. A tarifa mínima para o serviço específico é de R$ 3. No caso do luxo, a tarifa é de R$ 2/km e R$ 0,25 a cada minuto. O mínimo cobrado pela corrida é R$ 3.

Com os táxis, a cobrança estipulada é R$ 2/km e R$ 0,20 a cada minuto. A corrida com os táxis será cobrada em um mínimo de R$ 4. No caso do moto taxi os valores serão R$ 1/km e nenhum adicional por minuto. A cobrança mínima dessas viagens será de R$ 3.

Entre os diferenciais oferecidos pelo aplicativo também está o “Yet Go 10”. Jailson explicou que uma vez por mês, durante o horário comercial qualquer corrida terá o preço de R$ 10.

O aplicativo pode ser baixado pela "Google Play", em celulares com sistema operacional Android ou pela "App Store" para usuários de Iphone. 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • MARCO | Sexta-Feira, 13 de Janeiro de 2017, 08h31
    1
    0

    Adeus Taxis!

Matéria(s) relacionada(s):

Deputado quer trocar PSB pelo PSDB

adriano silva psb   O deputado estadual Adriano Silva (foto) não admite em público, mas confirma, em privado, que flerta com PSDB do governador Taques. Dá sinais de que pretende desembarcar do PSB, sob pretexto de que não concorda com a entrega do partido a Valtenir, e entrar no ninho tucano. Quer ficar próximo ao...

Risco de cassar quase 50% da Câmara

ball vereador curtinha pocone   Até o final deste mês, a Justiça Eleitoral de Poconé deve decidir sobre o pleito do MPE que pediu a cassação de 4 dos 11 vereadores e suplentes por causa de indícios de fraude nos registros de candidatura. Incluíram-se mulheres como candidatas "fantasmas". Elas...

Sem licença na Sema aos pequenos

No último dia 10, agindo sem alarde e com respaldo do vice-governador e secretário Carlos Fávaro (Sema), os deputados conseguiram modificar artigo de uma lei complementar, que estava em vigor desde 2015, e que ainda pode provar polêmica. Na prática, a secretaria estadual de Meio Ambiente agora não precisa mais exigir nem licença prévia, nem de instalação e muito menos de operação nos processos...

Magistrados debatem Maria da Penha

Jamilson Haddad-juiz   Os juízes mato-grossenses Jamilson Haddad (foto), Ana Cristina Mendes, Jeverson Quinteiro, Eduardo Calmom e a desembargadora Maria Erotides Maria Erotides Kneip Baranjak estiveram em Salvador, na última sexta (18), participando da Jornada Maria da Penha promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e...

Mendes descarta disputar o Governo

mauro mendes curtinhas   Numa conversa recente com Pedro Taques, Mauro Mendes (foto) avisou que continuará no grupo do líder tucano e que não será candidato a governador. No máximo, pode tentar uma das duas vagas de senador que serão abertas com vencimento dos mandatos de Medeiros e Blairo. Ex-prefeito de...

Prefeito enfrenta revolta de servidores

ze do patio curtinha   Zé do Pátio segue batendo-cabeça em Rondonópolis. Agora, enfrenta embate com profissionais da Educação. Em fevereiro, logo no segundo mês desse novo mandato, Pátio simplesmente reduziu o pagamento do auxílio transporte dos servidores da Educação que...

Prefeitos empurram Neurilan a federal

neurilan fraga curtinha amm   Alguns prefeitos de diferentes partidos estão colocando "pilha" em Neurilan Fraga, presidente da AMM, para este concorrer a deputado federal. Entendem que os gestores são beneficiados ou prejudicados por muitas medidas aprovadas no Congresso Nacional e que, por isso, precisam eleger parlamentares...

Do conforto do TC para teste das urnas

antonio joaquim curtinhas   Numa decisão de coragem, audácia e de autoconfiança, Antonio Joaquim resolveu deixar a ativa como conselheiro do TCE, cargo com prerrogativa de desembargador do TJ, para voltar à militância politico-partidária e já entrar numa batalha como pré-candidato a governador....

Ausente e projeto que pune faltosos

oscar bezerra cpi curtinhas   Oscar Bezerra está sendo criticado por alguns colegas deputados. É que ele apresentou desde 2015 um projeto de resolução que, se aprovado, resultará no desconto do salário dos parlamentares que faltarem às sessões ordinárias ou delas se retirarem antes de...

MAIS LIDAS