Polícia

Terça-Feira, 11 de Agosto de 2020, 19h:15 | Atualizado: 11/08/2020, 19h:57

DISPARO NO ALPHAVILLE

Caso Isabele: defesa afirma que laudos não desmentem versão de tiro acidental

rodinei crescencio

ulisses rabaneda

O advogado Ulisses Rabaneda, que faz a defesa da família Cestari, no caso da morte da garota Isabele Guimarães Ramos, morta em 12 de julho

O advogado Ulisses Rabaneda, que representa a defesa do empresário Marcelo Cestari e da filha, acusada de matar Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, com um disparo acidental, ressaltou, após divulgação dos laudos periciais do local do crime e de balística, que os documentos estão em análise e "imprecisões" podem ser antecipadas. 

Em nota à imprensa, Rabaneda menciona que, após análise dos aparelhos celulares, o laudo constatou que a filha do empresário e Isabele tinham "boa relação", além de não ter atestado "dados referentes a qualquer intriga ou desavença". 

Rabanena ainda afirmou que o documento não aponta "conduta intencional" da menor. "O conceito de 'disparo acidental' é aquele que decorre da deflagração de projétil sem acionamento do gatilho. No caso, concluiu o laudo que o gatilho foi acionado, fato admitido por B. de O. C. em seu depoimento ainda no liminar das investigações", diz trecho da nota.  

Sobre o laudo ter apontado que o disparo aconteceu em linha reta e a 30 cm do rosto da vítima, o advogado também explicou que a informação não diverge do depoimento da adolescente acusada de cometer o crime. Rabanena ressaltou que, "nunca foi cogitado na investigação que o disparo tenha ocorrido no momento da queda do case". 

Conforme a defesa, a menor afirmou em depoimento que quando o disparo aconteceu ela já estava completamente em pé. Rabanenada criticou a repercusão do caso na mídia. De acordo com ele, os "vazamentos seletivos de informações sigilosas não se prestam a contribuir na elucidação dos fatos, servindo apenas para direcionar a opinião pública a cogitar uma versão distorcida dos fatos em apuração". 

Resultado da perícia 

De acordo com laudo pericial do local do crime e de balística, o tiro que matou Isabele em 12 de julho, na casa da família Cestari, foi disparo a curta distância, entra 20 cm a 30 cm da vítima. A filha do empresário, estaria de frente para a amiga, sustentando a arma a uma altura 1,44 metro do piso "com alinhamento horizontal". 

As constatações encontram-se em laudos periciais entregues na hoje (11) pela Politec ao delegado Wagner Bassi, titular da Delegacia Especializada do Adolescente (DEA).

O documento aponta ainda que o disparo feito pela amiga foi realizado com "acionamento regular do gatilho, com o atirador (menor) na porção esquerda do banheiro”. Uma das questões que constam no laudo é referente a possibilidade de produção de "tiro acidental" pela arma que matou Isabele, no entanto, a resposta da perícia foi negativa. 

Versão da adolescente 

Na versão da filha do empresário, ela ressalta que não estava brincando com a arma e que foi atrás da amiga após se oferecer para guardar as armas, que foram deixadas na casa pelo namorado de 17 anos, que temia ser parado em uma blitz. 

Ela afirmou que subiu às escadas para saber onde Isabele estava indo. A adolescente alegou que, ao chegar no closet chamou pela amiga que não respondeu, ao bater na porta do banheiro, acabou de desequilibrando e efetuando o disparo acidentalmente. 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • HELO | Terça-Feira, 11 de Agosto de 2020, 21h03
    2
    0

    Senhor advogado, cria vergonha em sua cara. Deixa a JUSTIÇA resolver o caso. A família que o senhor defende já perdeu esse caso. assuma isso. Nem todo dinheiro do mundo vale a vida de uma menina com todo futuro pela frente, mas que foi pedido por uma atitude prepotente.

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

Fernanda em almoço com Bolsonaro

fernanda 400 bolsonaro curtinh   A coronel Fernanda, candidata à senadora pelo Patriota, almoçou com Bolsonaro nesta sexta, em uma fazenda, em Sorriso. A militar foi a única que teve o apoio declarado do presidente na eleição suplementar ao Senado que acontece em 15 de novembro. Mais cedo, por volta das...

Prefeita cobra duplicação e ferrovia

rosana_curtinha   A prefeita de Sinop Rosana Martinelli aproveitou a visita do presidente Jair Bolsonaro na Capital do Nortão para cobrar uma solução para a duplicação da BR-163, sob concessão, e também pediu empenho na Ferrogrão e a implementação de porto seco na cidade. O...

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.