Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Janeiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

PT ganha com Dilma e perde força em MT

Por 11/11/2014, 14h:45 - Atualizado: 11/11/2014, 15h:00

Fernando Ordakowski

saguas_500_charge

Ságuas conquistou novo mandato ao obter 97.858 votos e será o único com mandato no Congresso

O PT conquistou mais 4 anos à frente do Brasil, com Dilma Rousseff, mas em Mato Grosso vive um processo de “encolhimento”. A legenda até 2010 vivia um momento de fortalecimento e de conquista de espaço. À época tinham mandato Serys Marly (hoje PTB), no Senado; Carlos Abicalil, Câmara Federal; e Ademir Brunetto e Ságuas Moraes – que atuou como secretário de Educação – na Assembleia. Em razão de brigas internas e perda de lideranças, nas últimas duas eleições, o PT de Mato Grosso amargou derrotas importantes que provocaram uma queda no número de mandatos ocupados no Congresso e no Legislativo estadual. Neste ano, por exemplo, a sigla conquistou somente uma cadeira no Congresso, com a reeleição de Ságuas. Ele assumiu vaga após a morte de Homero Pereira e conquistou mais 4 anos no Legislativo federal ao obter 97.858 votos, número maior que os 88.654 obtidos em 2010. Já na Assembleia, o PT ficou sem nenhum representante. Ademir Brunetto ficou de fora. Assim, o PT, que já brilhou com Verinha Araújo, Gilney Viana, Serys, Abicalil, Brunetto e Alexandre César, vive um momento de reconstrução e falta de lideranças.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Luiz alves | Quarta-Feira, 12 de Novembro de 2014, 17h39
    3
    0

    Aos Petistas, não reclamem agora do aumento do álcool, da gasolina, da energia elétrica. Claro daqui uns o nosso Brasil, ops Cuba da América do Sul, será uma nova Venezuela, já começou com o acordo assinado pelo MST. Claro que sem avisar o Congresso, afinal eles se acham o dono do Mundo. Ah claro, a meta fiscal não foi cumprida, o que fazer? Mudar a Lei, para que a Presidência não finalize o mandato com dividas, já que iria cair na Responsabilidade Fiscal. Mesma coisa feita com os índices que acabaram com os pobres. Claro que quem ganha mais de R$ 3 mil para o PT é Classe A. Vamos que vamos, mais quatro anos. Já ia esquecendo o dólar está só que aumenta, o que impacta em quase tudo.

  • Zé da Silva | Quarta-Feira, 12 de Novembro de 2014, 11h44
    1
    1

    No Mato Grosso o PT já acabou. Aliás, se acabou com brigas internas, interesses particulares e outras picuinhas de de gente miúda. Essa é a realidade. E agora vai acabar no Brasil. A Marta Suplicy deverá sair do partido e levará consigo uma grande quantidade de dissidentes. Ela deverá ir para o PSOL ou para o Sustentabilidade.

  • Juca do Pequi | Quarta-Feira, 12 de Novembro de 2014, 11h39
    1
    1

    Graças a Deus!

  • Felipe Matos | Quarta-Feira, 12 de Novembro de 2014, 09h33
    3
    3

    Esse Marinho deve ter feito um ctrl c ctrl v de algum artigo da revista Veja, só pode. O grande problema do PT em Mato Grosso é a falta de estrutura pra fazer campanha. É visível a diferença das campanhas dos candidatos das empreiteiras e da soja, pros candidatos do PT ou PSOL. Se o Brasil não fizer uma reforma política pra acabar com o poder do dinheiro nas eleições, os representantes dos sindicatos, dos professores, dos agricultores familiares, das classes populares vão sumir das Assembléias, das Câmaras e do Congresso.

  • MAURO | Quarta-Feira, 12 de Novembro de 2014, 07h37
    6
    5

    E COM CERTEZA SERA O ÚLTIMO.

  • Marinho | Terça-Feira, 11 de Novembro de 2014, 22h50
    10
    6

    Eu acho que o PT precisa é acabar, ninguém aguenta mais esse partido, que nos últimos anos sucateou as instituições brasileiras, roubou o nosso dinheiro, loteou os cargos públicos e agora está destruindo a unica coisa que ainda não tinham conseguindo destruir: a economia. Ainda bem que o povo mato-grossense despertou para esse câncer que correi a ética e a moral, falta agora o resto do paós acordar, se é que ainda dá tempo.

  • roberto | Terça-Feira, 11 de Novembro de 2014, 21h35
    12
    4

    NINGUÉM EM SÃ CONSCIENCIA AGUENTA MAIS OUVIR FALAR DESSE POVO E DESSE TAL PT, PETRALHA, QUADRILHEIROS... VÁ DE RETRO SATANAZ...

SUPLEMENTAR AO SENADO

Álvaro e Selma querem Pode com Pivetta, o que inviabiliza Medeiros

Por 22/01/2020, 17h:05 - Atualizado: 22/01/2020, 17h:10

Waldemir Barreto

jose medeiros

O ex-senador e deputado José Medeiros, vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, está com a faca, mas falta o queijo nas mãos para consolidar sua candidatura ao Senado na suplementar de 26 de abril.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • alvaro sincero | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 22h05
    0
    0

    Na verdade ele usou o partido Podemos, usou fundo partidario destinado ao podemos, foi desleal com Alvaro Dias e fez campanha par Bolsonaro.

  • jj | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h11
    7
    11

    sou da seguinte opinião, o o cara mau assumiu como deputado federal, alias já não esta fazendo nada, e ja quer atravessar na frente. povo mato-grossense, ja que temos que votar em alguém, não vote em quem ainda com mandato aberto, mau assumiu ja quer pular o trampolim, acorda povo.

ORIENTAÇÕES E OMISSÕES

Selma e os "culpados" pela cassação

Por 22/01/2020, 09h:57 - Atualizado: 22/01/2020, 10h:02

lauro da mata 680

Selma Arruda, "a Moro de saias", pega em crimes eleitorais e punida com a perda do mandato de senadora, tem uma lista de "culpados" por isso.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Chirrão | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 21h14
    0
    0

    Votei nela MAS DOU GRAÇAS A DEUS PELA CASSAÇÃO...Olhem a CAMBADA QUE TAVA JUNTO COM ELA...TO FORA.

  • Ramon | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h59
    1
    0

    Quem tem Yuri, Pagot e mais uns não precisa de aliados e conselheiros.

  • walter liz | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h48
    11
    0

    ela ganharia a eleição sem marqueteiros, sem negociatas ,sem gastar muito dinheiro, infelizmente ela preferiu se misturar com pessoas que gravitam em torno do sistema politico cheio de vicios onde até cobra criada passa apuro.

  • Amadeu Fuik | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h37
    4
    0

    Hélcio lembro desse nome em algum lugar escuro

  • Diego A L | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 11h14
    11
    21

    A juíza Selma Arruda não é política e entrou com o intuito de tentar agir em novas leis para um Mato Grosso e um Brasil melhor, sendo assim muitos políticos encostaram se dizendo simpatizantes a sua postura indicaram toda a assessoria política que ela não tinha, muitos com experiência vasta e outros sem experiência alguma, aí imagino que foi feito já tudo de caso pensado para acontecer o que aconteceu...

ADVOCACIA

Cria de Blairo se torna lobista no DF

Por 21/01/2020, 19h:49 - Atualizado: 21/01/2020, 19h:56

novacki 680

Aos 46 anos e já aposentado como coronel PM-MT, recebendo proventos de R$ 30 mil, Eumar Novacki, hoje advogado, vai montar um escritório em Brasília, onde já reside há mais de 10 anos.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Armindo de Figueiredo Filho | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 08h28
    6
    0

    USOU O BOM SENSO!!!! ESTAVA NA HORA DE """ANDAR SOZINHO""". Com os próprios pés!!!!.. Em 10 anos (Diz ele... aqui no DF) ,sempre Apagado!!!ninguém o conhecia (totalmente OBSCURO (mesmo estando no MAPA) ...Sempre na SOMBRA DO BM.........

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 05h50
    11
    0

    Lobista, para mim também pode ser tratado como vaselina. O sujeito se aproxima daqui, dali e a coisa desanda.

  • Maria Figueiredo Gonçalves | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 23h36
    18
    1

    De fato, o Novacki é um privilegiadíssimo. Coronel PM aposentado aos 46 anos e ganhando R$ 30 mil. Isso é que é privilégio.

  • Francisco Assis roo | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h56
    1
    0

    Francisco Assis roo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • alex | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h39
    1
    0

    alex, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

CONTESTAÇÃO

Taques reage e diz não ser ladrão

Por 21/01/2020, 11h:54 - Atualizado: 21/01/2020, 20h:29

pedro taques 680

Como um leão que acaba de acordar de um sono profundo, o hoje advogado Pedro Taques (PSDB), que deixou a cadeira de governador há um ano, decidiu partir pra cima e contrapor quem lhe vincular à corrupção. Afirma que ficou um ano sabático e só apanhando. Agora, reagirá.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Jorge kurassaki | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h31
    9
    2

    Então reage Lulu; au au ! Então reage gatinho; miiaauu! Reage Pedrinho; pau- pau ; OBA!!!

  • jediel lemes | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 19h23
    15
    4

    Experimentando uma dose do seu próprio veneno ex. promotor Pedro Taques.

EM SORRISO

Rossato tem 5 opções e deve lançar ex-vereador para duelo com prefeito

Por 21/01/2020, 11h:44 - Atualizado: 21/01/2020, 11h:52

rossato 680 sorriso

Dilceu Rossato (centro) e aliados Cesar Schevinski, Silvana Faccio, Alei Fernandes, Cláudio Oliveira e Ilton Polizello

O ex-prefeito de Sorriso, empresário Dilceu Rossato, não vai à reeleição, para pretende mergulhar na campanha do aliado que definir para o confronto nas urnas com o prefeito Ari Lafin (PSDB), que buscará novo mandato.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • RICARDO BRAZ | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 18h56
    2
    0

    QUEM É O CANTO SERTANEJO, O PRIMEIRO DA FOTO?

  • CARLOS | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 18h53
    2
    0

    CERTINHO MEU LÍDER ROSSATO, SOMENTE A SILVANA QUE NÃO DEVE SER CANDIDATA NÃO FEZ NADA QUANDO FOI SUA SECRETÁRIA, BORA DE #CLAUDIO

EDUCAÇÃO

MEC credencia 3 faculdades de MT

Por 21/01/2020, 09h:00 - Atualizado: 21/01/2020, 01h:02

curso mec 680

Em sessão no mês passado, a Câmara de Educação Superior, vinculada ao MEC, aprovou o credenciamento da Faculdade Saber de Cuiabá (FASC), a ser instalada na rua Tenente Thogo da Silva Pereira. O relator Francisco Cesar de Sá se manifestou contra, mas foi voto vencido.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2479