Blog do Romilson Cuiabá, 04 de Dezembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Rumo a 2010

Silval crê em transferência de votos de Maggi

02/01/2010, 06h:53 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

 Fernando Ordakowski 
 
Pré-candidato ao Senado, Blairo Maggi renuncia ao Paiaguás no final de março e Silval Barbosa, que conduzirá o Estado, espera contar com o efeito da transferência de votos para aumentar a chance de conquistar a cadeira
 

  Enquanto a oposição ganha força na corrida ao Palácio Paiaguás com a tríplice-aliança PSDB-DEM-PTB, conduzindo para o mesmo palanque Wilson Santos e Jayme Campos, o peemedebista Silval Barbosa assume a cadeira de governador daqui a três meses e aposta na tese da transferência de votos. Ele fará uma campanha "casada" com Blairo Maggi, pré-candidato a uma das duas cadeiras que serão abertas no Senado.

   Governistas sustentam a tese de que o governador Maggi renuncia ao mandato em 31 de março com a popularidade em alta. Garantem que o diferencial num comparativo com o que foi a gestão Dante de Oliveira é que "houve menos propaganda e mais realizações de Maggi", ou seja, "tem projetos e obras para mostrar em todo o Estado". O problema é que Dante (já falecido), já passou por esse mesmo processo. Em 2002, o tucano deixou o Paiaguás com cerca de 70% de aprovação popular e perdeu para o Senado. Agora, Maggi vai seguir o mesmo caminho eleitoral. Em sua cola está Silval, que começou na vida pública como prefeito de Matupá (Nortão), foi deputado por dois mandatos, presidente da Assembleia e, desde 2007, ocupa o cargo de vice-governador.

    Silval mapeou todas as principais realizações do governo Maggi nos 141 municípios. Será com esses dados nas mãos que percorrerá o interior, pregando a continuidade do governo da chamada turma da botina. Numa estratégia orientada pelo próprio Maggi, o secretariado tem colocado a máquina a serviço do nome do peemedebista, tudo para ajudá-lo a melhor o desempenho nas intenções de voto. Hoje, o prefeito cuiabano Wilson Santos lidera as pesquisas. Silval, o senador Jayme Campos e o empresário Mauro Mendes (PSB) surgem "embolados" nos vários cenários, oscilando entre segundo e terceira colocações. Com a força da máquina e empurrão de Maggi, Silval tem praticamente assegurado no arco de alianças  PMDB, PR, PT e batalha para cooptar PSB, de Mendes e Valtenir Pereira. Em verdade, vai jogar duro para atrair outras legendas, como o PP de José Riva e Pedro Henry, o PDT e o PPS dos deputados Otaviano Pivetta e Percival Muniz e tem esperanças de reconquistar o DEM.

   De um lado, o nome de Silval passa a ganhar maior visibilidade eleitoral, afinal terá o controle de uma máquina que controla quase R$ 9 bilhões de orçamento por ano e quase 100 mil servidores distribuídos em 22 secretarias, órgãos, empresas e autarquias vinculadas. De outro, enfrenta o contraponto daqueles que, motivado pelo tradicional discurso de sentimento de mudança, quer dar um basta nas urnas do grupo que comanda o Estado desde janeiro de 2003.

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • Ari Bonilha | Segunda-Feira, 04 de Janeiro de 2010, 09h15
    0
    0

    Esse tal de Germano duvida da mensagem de algumas pessoas, colocando a suspeita de que são de pessoas previamente concatenadas para falar bem do Vice Governador Silval. Quem garante que o tal Germano também não é um agente da tucanagem? Aqui em nossa região, o Silval tem credibilidade e eu diria que ele já decolou. O tucanato teve seus momentos de glória no Estado, mas Wilson Santos, tem má repercussão devido sua gestão cheia de mentiras em Cuiabá. Aliás o Wilson Santos está muito mais pra galinho de terreiro mal cuidado do que pra tucano de alta linhagem!

  • Germano Souza Cruz | Domingo, 03 de Janeiro de 2010, 05h14
    0
    0

    É conversa fiada dizer que alguém consegue transferir todos os votos obtidos numa eleição à outro, ainda mais quando deixou de trabalhar na maioria das regiões do estado. Silval Barbosa não tem votos nem para voltar a ser deputado, pois deixou muito a desejar em sua região, lá poucos votos ainda mantem na eleição passada. Esse candidato, com certeza, mantem toda sua tropa em serviço quando se trata de levantar seu nome, vejam como exemplo os comentários acima, que são todos de pessoas íntimas, ligadas à Silval que falam bem dele, e ninguém mais, o que é fácil concluir à simples leitura, já que tais comentários mencionam fatos aleatórios e condizentes com algo que diz respeito à personalidade de Silval Barbosa, e não sobre algo que ele realmente fizera. São comentários ensaidos por uma única pessoa com nomes diferentes, vejam bem: "Essa dobradinha Maggi/Silval está dando certo..."; "No interior acredito que o Blairo vai transferir votos para o Silval..."; "Poucos politicos tem a seriedade de Silval..." E tem outra, se Brairo não conseguiu transferir votos para seu candidato em seu "curral eleitoral"(Rondonopolis), é lógico que não transferirá em outras cidades. MORAL DA HISTÓRIA = Silval não decola nem com o governo empenhando pesado em sua campanha".

  • mayume antonietti | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 21h29
    0
    0

    Essa dobradinha Maggi/Silval está dando muito certo na administração do nosso Estado, com certeza o comando passar na mão do Silval Barbosa a tendencia é melhorar muito mais, até porque Silval está pegando o estado em crescimento e com o controle das finanças, diferentemente quando Maggi pegou.

EFEITO-CASSAÇÃO

À espera da navalha em Avalone

Por 03/12/2020, 23h:38 - Atualizado: 07h atrás

saturnino masson 680

Saturnino Masson, que completou 76 anos no último dia 24 e se encontra hoje no banco de reserva, voltará a ocupar cadeira de deputado estadual se o titular Carlos Avalone for cassado pela Justiça Eleitoral.

Postar um novo comentário

DISPUTA NA AMM

Oposição se reforça com apoio do governador e Léo vice de Maurão

Por 03/12/2020, 16h:11 - Atualizado: 03/12/2020, 16h:14

leo maurao 680

Prefeito reeleito de Primavera do Leste, Léo Bortolin (MDB), entra como vice de Maurão Rosa na disputa pela AMM

Neurilan Fraga enfrenta reviravolta que pode resultar em sua derrota à reeleição para presidente da AMM, apesar de várias manobras que vem fazendo para se perpetuar no poder.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • ABRAM OS OLHOS PREFEITOS | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 20h32
    4
    0

    Neurilan Fraga quer se perpetuar no poder igual ao ex-presidente da CNM Paulo Ziulkoski! Ficar 02 biênios comandando uma entidade que é mantida com recursos públicos, sem ao menos ser PREFEITO, se beneficiando de 25 mil reais mensais, mais as benesses que o cargo oferece e fazendo manobras jurídicas com a coordenadora jurídica Débora Faria para privar os prefeitos eleitos de escolherem que os representará e um absurdo. É VERGONHOSO que os prefeitos compactuem com essa palhaçada.

  • Gutemberg Abreu | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 18h45
    6
    0

    Agora com o apoio de Leo os prefeitos do MDB e DEM, devem votar na chapa de oposição e tirar esse oportunista da AMM.

  • Henrique | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 18h11
    4
    0

    Acho isso um absurdo!! Os interessados deveriam ingressar com uma medida judicial, visando à suspensão dessa eleição, para que os novos prefeitos eleitos também participem do pleito. E mais, somente os prefeitos deveriam participar da eleição. É o que penso.

GESTÃO EMANUEL

7 secretários reassumem após campanha vitoriosa em Cuiabá

Por 03/12/2020, 11h:41 - Atualizado: 03/12/2020, 11h:43

wanderlucio rodrigues 680

Os sete secretários que se afastaram para atuar na campanha à reeleição do prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro, vitorioso no segundo turno, já voltaram à ativa ontem.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Eduardo | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 20h03
    3
    3

    Turma do paletó, vamos trabalhar. Promessas é dúvidas.

  • pedro | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 15h43
    5
    2

    só quero ver, a entrada e saida do parque cuiaba , na rodovia palmiro paesde barros, se vão melhorar aquele asfalto feio cheio de ondulaçoes e quando chove vira uma lagoa, vamos ver secretario....

  • Rodrigo | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 14h37
    0
    0

    Rodrigo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

DERROTAS ACUMULADAS

Procurador Mauro é octa

Por 02/12/2020, 22h:47 - Atualizado: 02/12/2020, 22h:55

procurador mauro 680

Com mais uma reprovação nas urnas, na suplementar ao Senado do último 15 de novembro, o procurador da Fazenda Nacional, Mauro de Lara, do radical Psol, se torna octacampeão em derrotas em pleitos majoritários e proporcionais.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Eduardo | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 20h01
    0
    0

    Só aparece em época de eleição. Malandragem de sobra, pois trabalho nada.

  • Roberto Ferreira | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 13h47
    0
    0

    trabalhar é coisa de facista!

  • Paulo | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 11h59
    11
    4

    Ja tinha falado aqui esse infeliz não ganha nem jogo de par ou ímpar, ou seja curte umas férias prolongadas a cada 02 anos sem falar nas licenças premia, férias e rescesso. Ou seja, esse senhor não trabalha e ganha o dinheiro público de graça e o pior é que tem gente que concorda. IMORAL.

EM VÁRZEA GRANDE

A força dos Campos e a máquina elegeram Kalil

Por 02/12/2020, 20h:53 - Atualizado: 02/12/2020, 20h:58

jayme campos lucimar 680

O senador Jayme Campos (DEM) se gaba ter sido o grande vencer das eleições em Várzea Grande, embora não tenha sido candidato. Foi o principal cabo eleitoral do vitorioso Kalil Baracat, que pertence a outro partido, o MDB.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Pitoco | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 10h49
    0
    2

    Glauber: discordo totalmente de vc ao achar que o Emanuelzinho ajudou a eleição do Kalil, pelo contrário, esse moleque só no prejudicou, se esse porrinha louca do Paletózinho não fosse candidato do PTB, atrapalhando o Kalil-Hazama, a surra no Frical seria de 20 mil votos. Dos 14 mil votos do Emanuelzinho, 12 seriam do Kalil e 2 do sonegador Flavio Frical. Pois 90% do apoiadores do Emanuelzinho eram gente do DEM dos Campos, como Chico Curvo,Gordo Goiano, Rodrigo Coelho, Ismaelzinho, Roldao e outros. Voce Glauber não entende nada da politica da VG. Fui

  • Israel Borges | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 10h48
    0
    6

    Jayme julio lucimar tem carisma e gosta do povo mas humilde e so por iso nao tambem tem compromisso com a populaçao

  • APOLINARIO GENTIL USKNOV | Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020, 10h17
    8
    0

    Força dos Campos? Seria melhor expressar da seguinte forma: Estupidez de eleitor Várzea-grandense. Estão ai a décadas bebendo água suja [quando tem], sem tratamento de esgoto, sendo extorquidos pelo DAE, com transporte urbano precário, etc e ainda votam nesses ai. Têm que se lascar por mais um século pra ver se despertam [utopia - uma vez encantado o eleitor vai morrer encantado pelo seu algoz] .

DOAÇÕES E DESPESAS

Candidatos dizem que prestação de contas está duplicada e culpam TSE

Por 02/12/2020, 10h:55 - Atualizado: 02/12/2020, 11h:01

candidatos contas 680

Prestação de contas de Euclides Ribeiro consta, por exemplo, R$ 11,7 mi em doações e R$ 10,2 mi em despesas

Os candidatos ao Senado, que tinham até o último dia 25, para apresentar prestação de contas da campanha, estão culpando a Justiça Eleitoral por falhas nos valores discriminados em suas páginas na plataforma do TSE. O limite permitido para gastos é de até R$ 3 milhões.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2637