Polícia

Sexta-Feira, 21 de Junho de 2019, 19h:04 | Atualizado: 21/06/2019, 19h:11

SUPOSTO CONLUIO

Imagens mostram PMs, diretor da PCE e acusado de liderar CV antes de "reunião"

Reprodução

Imagens PCE

Imagens da câmera de segurança, segundo Gcco, mostram diretor da PEC, militares e preso

Um vídeo que mostra policiais militares entrando na sala da direção da Penitenciária Central do Estado (PCE) junto com suspeito de liderar uma facção criminosa é utilizado como uma das provas da Operação Assepsia, que apura a entrada de aparelhos celulares na unidade prisional.

As imagens, feitas pelo circuito de segurança interna da PCE, mostram o diretor da penitenciária, Revétrio Francisco da Costa, com o subtenente Ricardo de Souza Carvalhaes e o cabo Denizel Moreira, ambos da Rotam, e o tenente Cleber de Souza Ferreira, lotado no Terceiro Batalhão.

Junto com eles está, de acordo com a Polícia Civil, Paulo Cesar da Silva, conhecido como Petróleo, apontado como um dos líderes do Comando Vermelho (CV) na Capital.

Nas imagens, é possível ver os cinco homens caminhando em um corredor da PCE, em sentido à sala da direção da unidade prisional. O vídeo foi registrado em seis de junho deste ano, por volta das 15h.

No encontro, eles teriam feito uma reunião que, segundo a Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) – responsável pelas apurações da Assepsia –, durou cerca de uma hora. O assunto discutido entre eles não foi divulgado pela Polícia Civil.

Os cinco homens que, segundo a GCCO, aparecem no vídeo foram presos durante a Assepsia, deflagrada na manhã de terça (18). Além deles, também foi detido o subdiretor da unidade, Reginaldo Alves dos Santos, conhecido como Peixe, que é acusado de participar do grupo que facilitava a entrada de celulares na unidade prisional.

Outro alvo da operação é Luciano Mariano da Silva, o Marreta. Ele, assim como Petróleo, é apontado como principal líder do Comando Vermelho em Cuiabá. Os dois acusados de integrar o CV, que já estavam presos, foram alvos de mandados de prisão preventiva. Segundo as investigações, eles teriam se beneficiado pelas entradas ilegais de celulares na PCE.

Veja o vídeo do momento em que os homens caminham no corredor da PCE:

Associação nega participação de militares

Por meio de nota, divulgada na última quarta (19), a Associação dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar de Mato Grosso (Assof/MT) afirmou que os militares presos na Assepsia estavam realizando um trabalho de inteligência para a PM e foram pegos por engano.

“Em conversa com os militares, verificamos que, na verdade, a prisão deles teria ocorrido por um equívoco, pois o que eles teriam ido fazer na unidade prisional era se reunir com o reeducando para colher informações de ações criminosas que estariam prestes a ocorrer em Cuiabá. É importante registrar que esses militares já atuaram em diversas operações com apreensão de drogas e armas, bem como, na prevenção de assaltos a estabelecimentos comerciais”, diz trecho da nota.

A GCCO, porém, reitera que não houve engano nas prisões e afirma que há envolvimento dos militares com os crimes investigados na operação.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Frank Sabiá | Sexta-Feira, 21 de Junho de 2019, 20h28
    2
    1

    Os Militares querem dizer Então que o próprio Líder do CV iria "Agir" contra os Irmãos ? O GCCO não daria um bote desse se não tivesse as provas necessárias.

Matéria(s) relacionada(s):

Selma, carreata e "ciúmes políticos"

selma arruda 400 curtinha   Quem vê Selma Arruda (foto), senadora cassada por crimes eleitorais, e o ex-senador e federal José Medeiros afinados no Podemos, nem imagina que no pleito de 2018 ela optou por distanciá-lo motivada simplesmente por "ciúmes políticos". Selma carregava o slogan de "Senadora de Bolsonaro"....

Reunião pra debater viabilidade do VLT

wellington 400 curtinha   Após participar de uma reunião na Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, o senador Wellington (foto) revelou que no próxmo dia 10 vai ser realizado encontro com o secretário José Carlos Medalia e com integrantes do Governo de MT para discutir a viabilidade do VLT, cujas obras...

Estado reduz número de homicídios

alexandre bustamante curtinha 400   O secretário Alexandre Bustamante (foto), de Segurança Pública, está comemorando a redução do número de crimes em MT.  O Estado fechou 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos 10 anos. Nos 12 meses do ano passado foram contabilizados...

Acerto pra Pivetta se filiar ao Podemos

alvaro dias curtinha   Mais uma demonstração de que o senador Álvaro Dias (foto), líder do Podemos no Congresso, está ignorando a pré-candidatura ao Senado do seu próprio colega de partido, deputado José Medeiros. Álvaro já acertou com Pivetta apoio na disputa à...

Critério para definir candidatura em VG

fabio tardin 400 curtinha   O presidente da Câmara de Várzea Grande e filiado ao DEM, Fabinho Tardin (foto), sonha com a cadeira de prefeito, mas não tem apoio dos Campos para concorrer à sucessão municipal. Como Lucimar Campos não pode buscar o terceiro mandato seguidamente, o grupo liderado pelo senador...

Prefeito de Lacerda, projeto e derrota

alcino curtinha 400 pontes e lacerda   O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcino Pereira Barcelos (foto), resolveu dar de ombro para a Câmara Municipal sobre um projeto de grande alcance social e perdeu feio na queda-de-braço. Contrariando a vontade do prefeito, os vereadores aprovaram a proposta, apresentada pelos colegas Pedro Vieira e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.