Legislativo

Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 15h:01 | Atualizado: 04/02/2019, 15h:04

PELA OPOSIÇÃO

Wilson propõe nova CPI da sonegação e diz que Mauro voltará a “pedir água” na AL

Marcos Lopes

Wilson Santos, Ulysses Moraes, Faissal Calil

Wilson Santos (PSDB) conversa com novatos Ulysses Moraes (DC) e Faissal Calil (PV) durante a sessão inaugural da nova legislatura, nesta manhã

O deputado Wilson Santos (PSDB), que está se credenciando para liderar a oposição na Assembleia, apresentou requerimento para criar nova CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal. Para garantir a instalação, são necessárias oito assinaturas. Por isso, o tucano encaminhou cópia do documento para todos os gabinetes e aguarda a adesão dos colegas até a retomada das reuniões deliberativas na semana que vem.

Wilson também aproveitou a sessão desta segunda (4), que contou com a presença do chefe da Casa Civil Mauro Carvalho, para criticar a reforma administrativa implementada pelo Governo Mauro Mendes (DEM). Segundo ele, as mudanças são tímidas e insuficientes para resolver os problemas do Estado.

Em relação a CPI, Wilson lembra que foram realizadas investigações em 2014 e 2016. Entretanto, considera que o tema precisa ser aprofundado pelo Legislativo. “Foram realizadas CPIs em 2014 e 2016, mas ainda há grandes produtores que escamoteiam e sonegam impostos. Precisamos de oito assinaturas para começar uma nova investigação”.

Daqui a um ano, senhor Mauro Mendes Ferreira, estará de volta aqui, batendo na porta, pedindo água

Wilson Santos

Em 2014, a CPI era presidida pelo ex-deputado José Riva (ex-PSD, hoje sem partido) e  tinha como alvo a Coomat, ligada ao sojicultor Eraí Maggi. Já em 2016, os trabalhos foram presididos pelo ex-deputado Zé Carlos do Pátio (Solidariedade) e focou em graneleiras que simulam operações para sonegar tributos.  

Reforma administrativa

Sobre a reforma administrativa de Mauro, que reduz o número de secretárias de 24 para 15 e autoriza a extinção de seis empresas públicas, aprovado pela Assembleia ainda em janeiro, Wilson reafirmou que as medidas são tímidas. Além disso, afirmou que o democrata aumentou o número de DGAs na administração estadual.

“Eu disse ao governador. Essa reforma que o senhor fez é tímida, essa reforma que vossa excelência encaminhou à Assembleia não resolverá o problema do Estado. Daqui a um  ano, senhor Mauro Mendes Ferreira, estará de volta aqui, batendo na porta, pedindo água”, completou.

O tucano também repercutiu reportagem sobre o aumento do número de comissionados. Com isso,   a reforma administrativa proporcionaria economia aos cofres públicos de apenas R$ 3 mil.

   “O Governo Mauro Mendes aumentou o número de cargos políticos do Estado.  E disse ao agronegócio que precisaria aumentar a tributação sobre o agro porque faria o dever de casa. E agora é constatado que aumentou 53 novos cargos. A economia é de apenas R$ 3 mil por mês.  Há mais cargos comissionados na Gestão Mauro Mendes do que havia na Gestão Pedro Taques, no dia 31 de dezembro de 2018”, concluiu Wilson.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • dalva | Terça-Feira, 05 de Fevereiro de 2019, 10h23
    2
    0

    ws deveria pedir ao ex governador pedro taques essa reforma e por que nõa pediu? agora vem exigir de mauro uma reforma mais dura?

  • Zé carlos | Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 15h12
    7
    1

    Greve geral para por ordem na casa !!!!!

Matéria(s) relacionada(s):

EP cita 4 pela força do MDB em Cuiabá

rafael bastos 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro disse neste sábado, no encontro do MDB, que acabou atraindo a presença de representantes de outros 12 partidos, que a agremiação emedebista foi construída e ganhou força e espaço na Capital graças aos filiados históricos Rafael...

Júlio, do DEM, vê boa gestão de EP

julio campos 400 curtinha   Júlio Campos (foto), uma das lideranças históricas do DEM, foi "apertado" nesta sexta, em entrevista a Antero de Barros, na rádio Capital FM, especialmente sobre o fato do ex-governador e ex-senador demonstrar simpatia e apoiar a gestão do prefeito Emanuel, enquanto outros do partido...

Empresário ensaia de novo em ROO

 luizao_curtinha400   Em Rondonópolis, o empresário Luiz Fernando de Carvalho, o Luizão, dono da Agro Ferragens Luizão, ensaia mais uma vez disputar a prefeitura. Como a sua pré-candidatura não é considerada novidade, ele é visto como uma espécie de "cavalo paraguaio", que tem arrancada...

2 governistas prontos para a briga

chico2000_curtinha400   O prefeito Emanuel tem 2 aliados de primeira hora na Câmara que não resistem a uma provocação. Tratam-se de Renivaldo Nascimento (PSDB) e Chico 2000 (foto), do PL. Sabendo do estopim curto, os vereadores de oposição, especialmente Diego e Abílio, não perdem a chance de...

Niuan agora sob rédeas do Podemos

niuan ribeiro curtinha 400   O vice-prefeito Niuan Ribeiro, agora no Podemos, se torna obrigado, conforme exigência estatutária, a contribuir com 5% dos R$ 15 mil que recebe mensalmente . Ou seja, vai ter que repassar R$ 750 para o seu novo partido. Considerado um partido com novas concepções, regras e exigências, o...

Efeito-senado e briga no ninho tucano

carlos-avalone_curtinha400   O deputado estadual Carlos Avalone não tem certeza de que o acordo pré-estabelecido para ele se tornar presidente do PSDB-MT, a partir de fevereiro, ou seja, daqui 5 meses, será cumprido. Pela costura entre a cúpula tucana, Paulo Borges renunciaria à presidência, abrindo assim...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.