Polícia

Quarta-Feira, 12 de Agosto de 2020, 06h:00 | Atualizado: 12/08/2020, 09h:25

OPERAÇÃO TAPIRAGUAIA 4

Investigando corrupção, PF faz buscas em prefeitura e mais 2 secretarias - veja fotos

Atualizada às 07h10

tapiraguaia 4

A Polícia Federal, deflagrou, na manhã desta quarta (12), a quarta fase da Operação Tapiraguaia, que apura desvio de recursos e fraude licitatória, além de corrupção ativa e passiva, em prefeituras do Vale do Aragauaia. Nesta quarta fase, estão sendo alvos a prefeitura de Confresa (a 1.165 km de Cuiabá) e as secretarias de Saúde e Educação. Isso porque foram identificadas fraudes licitatórias, que atingiram recursos públicos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Além disso, a polícia também apura fraudes na execução de serviços de exames laboratoriais da Secretaria de Saúde.

A Tapiraguaia é uma investigação conjunta entre a PF de Barra do Garças, Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria-Geral da União (CGU), que tem como uma das funções zelar pelo bom uso de verbas públicas. Além de esquemas com dinehiro da Saúde e Educação, a invstigação também detectou irregularidades no uso de verbas para melhorar infraestrutura rural na região.

O ex-prefeito de Confresa, Gaspar Lazzari (PSD), e de Serra Nova Dourada (a 1.015 km de Cuiabá),  Edson Yukio Ogatha, estão entre os alvos da primeira fase da operação, deflagrada em 30 de janeiro de 2019, e foram denunciados pelo MPF entre 24 envolvidos.

Na segunda fase da Tapiraguaia, deflagrada em agosto do ano passado, ex-deputado Valtenir Perreira (MDB) foi alvo de busca e apreensão. Ele e outros acusados de fazer esquema com dinheiro repassado para recuperação de cidades atingidas pelas chuvas. Foram presos o ex-prefeito de Confresa, Gaspar Lazzari (PSD), e o assessor parlamentar Marcelo Luiz Faustino.

A terceira fase é de 17 de junho dete ano e complicou ainda mais o ex-prefito de Serra Nova Dourada Edson Yukio Ogatha, denunciado pelo MPF pelo suposto recebimento de propina.

Conforme apurou o , esta quarta fase da Tapiraguaia é a última da investigação que desarticulou esquema milionário.

Ao todo, 50 policiais federais cumprem 23 mandados de busca e apreensão, seis medidas cautelares de afastamento de função pública e três medidas cautelares de proibição de contratar e de renovar contrato com a administração pública.

Saiba mais

A operação investiga desvios de recursos públicos federais administrados pela prefeitura de Confresa, nas áreas da educação, saúde e infraestrutura. O prejuízo potencial apurado desde a primeira fase é de aproximadamente R$ 4,5 milhões.

A quarta fase foi deflagrada com o objetivo de subsidiar trabalhos de investigação sobre fraudes licitatórias, as quais atingiram recursos públicos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Além disso, a polícia também apura fraudes na execução de serviços de exames laboratoriais da Secretaria Municipal de Saúde.

A PF aponta que pelo menos duas licitações do PNAE foram fraudadas em 2017. Em ambas, o objeto era a contratação de empresa fornecedora de gêneros alimentícios para a merenda escolar.

As investigações também mostram que uma licitação que deveria ter sido realizada em 2018 para contratação de laboratórios de análises clínicas foi dispensada indevidamente. O certame deveria ter como objeto a prestação de serviços para a população de Confresa e região.

Os crimes praticados com recursos do PNAE têm potencial impacto, quantitativa e qualitativamente, tendo em vista tratar-se de verbas destinadas aos serviços da educação para a população, principalmente a de baixa renda. Muitas vezes estas pessoas têm na merenda escolar sua única fonte de alimentação diária.

Da mesma forma, nos crimes praticados com recursos destinados à saúde, a população carente é a mais atingida. Adultos, jovens e crianças dependentes do Sistema Único de Saúde (SUS) não conseguiam realizar exames clínicos em razão das fraudes investigadas.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

Coordenador quer mostrar obras de EP

vanderlucio curtinha   Coordenador da campanha de Emanuel Pinheiro à reeleição, Vanderlúcio Rodrigues (foto) garante que o grupo vai focar na divulgação de propostas e não fará ataques pessoais aos 7 adversários. O ex-secretário de Obras Públicas avalia que o grupo...

Tucano ainda com sequelas da Covid

ricardo saad curtinha 400   O vereador cuiabano e presidente do PSDB na Capital, Ricardo Saad (foto), segue na luta para reverter as sequelas deixadas pela Covid-19. Mesmo Dois meses após ser infectado, diz que 53% do seu pulmão ainda está comprometido e que, por isso, sente muita falta de ar. Candidato à...

Tentando golpe político em Tangará

amauri 400 curtinha   O deputado estadual Paulo Araújo (PP) sofreu uma tentativa de golpe vinda de uma pessoa em quem ele confiava totalmente, o seu ex-assessor Amauri Paulo Cervo (foto). Até há poucos dias, Amauri estava lotado no gabinete do deputado, na AL, quando se licenciou com intenção de concorrer...

Regiões e representantes na disputa

nilson leitao curtinha   A maior parte das regiões está bem representada em relação aos cabeças de chapa que disputarão vaga no Senado. Pelo Nortão e Médio-Norte, encaram às urnas o ex-prefeito de Sinop Nilson Leitão (foto) e o senador tampão Carlos Fávaro (PSD). Na...

Candidatos e definição de suplentes

jos� medeiros curtinha 400   Alguns candidatos ao Senado estão batendo cabeça para compor suas suplências ou reedita-las, como é o caso de José Medeiros (foto), que, na primeira convenção (anulada), havia fechado chapa pura do Podemos com o vice-prefeito de Cuiabá Niuan...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.