Últimas

Quinta-Feira, 01 de Maio de 2008, 12h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

ESPORTE

Duelo Mixto x União cria confronto entre cidades

  Cuiabá e Rondonópolis já se separam na política e agora brigam também no gramado

  A rivalidade entre Cuiabá e Rondonópolis, já perceptível na política partidária, ganha uma dimensão maior com o confronto entre o Mixto e o União, que disputam neste feriado de 1º de maio a primeira partida decisiva do campeonato Mato-Grossense de 2008. O primeiro duelo começa às 17h, no Verdão. A grande final será no estádio Luthero Lopes, em Rondonópolis, no domingo (4).

   O clima é de euforia, principalmente em Rondonópolis. A torcida espera por 35 anos pela conquista do primeiro título no Estadual. Cerca de 20 ônibus foram alugados para transportar os torcedores a Cuiabá. Já na Capital, os mixtenses também não deixam por menos. Querem lotar o Verdão.

  O União, que fez a melhor campanha, tem a vantagem do empate. A equipe possui, entre os patrocinadores, o Grupo Amaggi, do governador Blairo Maggi. O Mixto, por sua vez, conta com patrocínio do deputado estadual José Riva, primeiro-secretário da Assembléia.

   No campo político, Cuiabá e Rondonópolis dividem espaços nos legislativos. Na Assembléia, a bancada cuiabana é composta pelo presidente Sérgio Ricardo (PR), Roberto França (sem partido) e pelos tucanos Guilherme Maluf e Chica Nunes. A rondonopolitana tem Percival Muniz (PPS), Zé do Pátio (PMDB) e Sebastião Rezende (PR).

   Na Câmara Federal, Rondonópolis conta com Carlos Bezerra (PMDB) e Wellington Fagundes (PR), enquanto Cuiabá é representada por 4 dos 8 federais: Thelma de Oliveira (PSDB), Eliene Lima (PP), Valtenir Pereira (PSB) e Carlos Abicalil (PT).

(Às 15h30) - Vou torcer pelo União, diz governador

Governador Maggi, no estádio Verdão, torce pelo União e, ao fundo, bandeira da torcida do Mixto  "Já com a camisa do vermelhinho no peito e vou lá (no estádio Verdão) torcer pelo União", disse há pouco o governador Blairo Maggi, em entrevista ao RDNews.  Ele assume ser torcedor de coração da equipe rondonopolitano. Maggi afirma que vai prestigiar a final do Campeonato Mato-Grossense, tanto nesta quinta quanto na final, domingo, em Rondonópolis, onde reside. "Vou torcer para o meu time ganhar, mas, no geral, eu torço para que o futebol de Mato Grosso cresça cada vez mais, com bastante torcida nos estádios", enfatiza o governador, que, entre a torcida unionina, é tido como "pé-frio", ou seja, aquele que acaba trazendo azar para o time na final do campeonato.

   Maggi observa que o futebol divide opiniões e considera natural rivalidade. Lembra que, no geral, cada um traz um time no coração. Observa que o prefeito de Cuiabá, Wilson Santos, por exemplo, é considerado torcedor do Operário de Várzea Grande. "Vamos torcer e independente disso a vida continua", destaca o governador que, em âmbito nacional, é torcedor do Internacional.

(Às 16h55) - Vários políticos comparecem ao Verdão

  O governador Blairo Maggi chegou ao estádio Verdão para prestigiar a primeira partida da decisão final entre Mixto e União acompanhado do seu secretário de Esportes e Lazer, Baiano Filho. Torcedor fanático do clube de Rondonópolis, Maggi não foi vaiado. Outros líderes políticos também estão no estádio, como os deputados estaduais Roberto França (sem partido), José Riva (PP) e Percival Muniz. Aliás, Muniz, ex-prefeito de Rondonópolis, se infiltrou no meio da torcida do Mixto, contrariando os unioninos. Alguns acham até que o deputado do PPS, no fundo, é torcedor do Vila Aurora, rival do União. O presidente da OAB-MT, Francisco Faiad, apareceu no estádio trajando uma camisa do Corinthians.

(Às 17h10) - Riva vira até comentarista esportivo

  O primeiro-secretário da Assembléia, deputado José Riva, pré-candidato a senador, agora inventou mais uma: virou comentarista esportivo. Durante alguns jogos do Campeonato Mato-Grossense, o homem que manda na AL fez comentários na rádio CBN Cuiabá. Agora, nesta quinta, Riva comenta, pela TV Assembléia, o primeiro confronto da decisão do Estadual entre Mixto e União. Outro comentarista da TV AL é o também deputado estadual, radialista e apresentador Roberto França. O placar, aos 15 minutos iniciais, está em 0 a 0.

(Às 18h) - Líderes "roubam" cena e exploram imagem

  Mixto e União seguem em 0 a 0 nesta primeira partida da decisão final. Enquanto isso, a cabine da TV Assembléia, que transmite o jogo ao vivo, políticos fazem fila para dar entrevista na emissora. De um lado, o deputado Zé do Pátio (PMDB), pré-candidato a prefeito de Rondonópolis, afirmou que o União será o campeão, "pois realiza uma melhor partida". Já o deputado federal Eliene Lima (PP) contrapôs Pátio. Para o progressista, quem conquistará o título será o Mixto. Outros líderes políticos de Rondonópolis foram à cabine, como o deputado Percival Muniz e o prefeito Adilton Sachetti (PR), que está em pré-campanha à reeleição. Gilmar Fabris não compareceu ao estádio, mas pediu que seu nome fosse enfatizado na transmissão do jogo. Foi o suficiente para França, Riva e o narrador Osmar Tiago "puxarem o saco" do parlamentar.

(Às 18h25) - Oficial de Justiça recolhe renda do Mixto

  Um oficial de Justiça já está na boca-do-caixa do estádio Verdão, em Cuiabá. Para cumprir determinação da Justiça do Trabalho, ele aguarda o final da partida entre Mixto e União para poder recolher a renda do jogo que seria destinada à equipe cuiabana. O Mixto está atolado em dívidas trabalhistas. Tudo que se arrecada das partidas deve ser depositado em juízo para pagamento dessas dívidas. O clube é presidido pelo vereador Júlio Pinheiro (PTB), que tenta usar o esporte para se reeleger. Cerca de 8 mil torcedores devem ter pago ingresso para assistirem ao jogo.

(Às 19h) - 1º partida da final termina em 0 x 0

   O primeiro embate na final do Campeonato Mato-Grossense de 2008, nesta quinta no Verdão, terminou em 0 a 0, às 19h. Agora, União e Mixto voltam a se enfrentar na grande final, domingo, no Luthero Lopes, em Rondonópolis. A vantagem do empate é para o União, que há 35 anos, desde sua fundação, nunca conquistou o título.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Natasha Muriel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    desta vez não tem jeito naum... quem vai levar este título e o união...

  • Marília | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa NATASHA está enganadíssima, o MIXTO já ganho lá no Lutero Lopes e vai repetir a dose e deixar o UNIÃO virgem em termos de títulos, QUEM SERÁ CAMPEÃO SERÁ O MIXTÃO DE CUIABÁ!.

  • CIDADÃO DESESPERANÇADO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O mais triste é um orgão de imprensa se prestar a este tipo de auto-promoção de politicos aproveitadores, oportunistas

    Mais o que uma verba de zelo não faz né...........?



    É PRA ACABAR!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! E Eu que pensava que o Riva só mandava na AL, ele manda na imprensa cuiabana tambem.



    Assinado: cidadão desesperançado com a imprensa

  • Cristina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa!!! esse cidadao desesperado deve estar bem desesperado mesmo... so sabe reclamar!!! filho, olha a sua volta, olha quanta coisa bonita há a seu redor, olha que maravilha vc poder ter a imprensa pra te deixar informado, presta atençaõ em quantas coisas boas o Riva já fez pro nosso estado, alias nao so eles, muitos ja fizeram... se liga cara!!! olha como a vida é bela!!!!

  • CIDADÃO DESESPERANÇADO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cristina, a vida deve estar bela pra voce que deve estar mamando nas tetas gordas da AL com o meu suado imposto que eu pago à voce a vida é bela sim, concordo com voce mas até onde chega a politica da politica pra frente vira uma M....entendeu??????

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

PT, candidata vetada e novo ajuste

bob pt 400 curtinha   O PT em Cuiabá, comandado pelo assessor do deputado Lúdio, Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), terá de ajustar de novo a chapa proporcional, especialmente sobre candidaturas femininas em Cuiabá. Depois que foi intimado pela Justiça a completar a cota de mulheres, sob pena de indeferimento da...

MAIS LIDAS