Últimas

Quarta-Feira, 01 de Julho de 2009, 08h:48 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

RUMO À COPA DO MUNDO

Maggi "controla" Copa com agência e mandato de até 6 anos

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
Prestes a deixar o mandato, governador Blairo Maggi cria agência reguladora com 5 diretores que terão mandato de 5 a 6 anos e tira autonomia do sucessor sobre as ações de infraestrutura da Copa de 2014

   Prestes a concluir o mandato, o governador Blairo Maggi (PR) prepara a criação de uma agência reguladora com amplos poderes para gerir mais de R$ 6 bilhões de recursos a serem aplicados na Grande Cuiabá por conta da Copa do Mundo de 2014, quando a capital mato-grossense será uma das 12 subsedes. A agência terá presidente e ao menos quatro diretores, entre eles o administrativo-financeiro, planejamento e infraestrutura. O secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo, Yuri Bastos Jorge, presidente do Comitê Pró-Copa em Cuiabá, se articula nos bastidores para vir a presidir a agência.

  O curioso será o tempo do mandato: 5 a 6 anos. Com isso, Maggi, que deve deixar o comando do Estado até abril do próximo ano para o seu vice Silval Barbosa (PMDB) concluir os oito meses seguintes de administração, continuará ditando as regras, mesmo que indiretamente, nos projetos a serem executados por força do Mundial de futebol. Dessa forma, o governador a ser eleito, aquele que tomará posse em 1º de janeiro de 2011, não terá qualquer influência nas ações da Copa, afinal, os diretores da agência serão "intocáveis" com mandatos de ao menos cinco anos. Assim, Maggi "engessa" a Copa e atrai para si o bônus das obras milionárias de infraestrutura, como da construção do novo estádio de futebol, que custará R$ 430 milhões, dos quatro centros de treinamentos, de um metrô de superfície, de vias urbanas.

   Uma das regras para concorrer ao posto de diretor da futura agência é da pessoa não concorrer às próximas eleições. Yuri Bastos, filiado ao PP e que ensaiava pré-candidatura a deputado estadual, já recuou, tudo para ficar com a presidência da empresa que cuidará das ações da Copa do Mundo. Quem deve entrar em desespero são alguns líderes políticos e pré-candidatos a governador pela oposição, como o prefeito da Capital Wilson Santos (PSDB) e o senador Jayme Campos (DEM), pois, quem se eleger para o comando do Estado não terá como influenciar na agência, que vai atuar como espécie de um governo paralelo. O projeto deve ser encaminhado à Assembleia para apreciação dos deputados até o próximo mês.

Clique na imagem para vê-la ampliada
Yuri Bastos decide não mais ser candidato a deputado, tudo na esperança de vir a presidir a agência

Postar um novo comentário

Comentários (45)

  • marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Yuri cuidando dos investimentos da copa....

    Rato cuidando do queijo......

  • Fernanda Travassos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Coerente a atitude do governador. Sabe- se lá o que o próximo governo pode fazer com essa verba !!!


    E ainda depois das obras acabadas, o governo atuante, sai como, o JK da história !!!

    kkkkkk



    Isso mesmo Maggi, é pra ficar na história mesmo. Alias a verdadeira história !!!

  • olavio pedrozo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • CUIABANO DO CPA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Acho que o presidente deve ser ÉDER MORAIS. Já provou que é gestor competente.

  • Abgail Alves de Brito | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Leocadio Melo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Edgar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nada mais justo do que o Blairo Maggi gerir os recursos a serem aplicados para a Copa 2014, pois não se esqueçam que foi o mesmo que trouxe a sede para cá; pois sabe-se se lá se o próximo governador vai dar continuidade as obras ou prejudicar Cuiabá?

  • Silvio Barreto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Espero que esta Agência seja composta por técnicos de competência comprovada e não de políticos...

  • Renato Rodrigues | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Celino Teodoro de Melo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dicão, deixa de ser bobo da corte e puxa-saco. Pessoa comprometida com a sociedade? Sabe porque o PAC não anda? Pergunte para o Pagot. Ele é que é enrolado. Ele é quem não deixa as coisas andarem por causa de sua imcopetência. Você acha que esse governador botinudo é comprometido com o cidadão de bem de MT? Ele é comprometido com ricos da turma dele. O que ele fez de bom aos cidadãos de MT? Quantas empresas fecharam em MT de 2008 para cá? Quantos empregos ele criou? Deixa de ser bobo e abra o olho. Sabe o que ele quer criando essa tal empresa que vai gerir os recursos da Copa 2014. Se perpetuar no poder, ele e sua corja nefasta. E isso nós cidadãos de bem de MT não podemos e não vamos aceitar. Por que criar uma nova empresa pública? As que estão aí não são capazes de gerir tais recursos? Claro que são. O que eles querem é criar empregos para seus lacaios, para seu fantoches, que sabem que não vão conseguir nada nas próximas eleições. Entendeu Dicão? Ou quer que eu explique de novo?

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

4 com as maiores chances ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   Todos os principais candidatos ao Senado, na suplementar de 15 de novembro, para eleger quem ocupará a cadeira da cassada Selma Arruda, estão trabalhando com tracking eleitoral, metodologia que consiste, basicamente, em realizar pesquisas de intenção de voto por telefone de forma...

Polarização entre Gustavo e os Maia

gustavo mello 400 curtinha   Em Alto Araguaia, três disputam a prefeitura, mas a briga eleitoral está mesmo polarizada entre o prefeito Gustavo Melo (foto), do PSB, e Martha Maia (PP), irmã do ex-prefeito por quatro vezes Maia Neto. Júnior da Farmácia (PSL) corre por fora, mas sem chance de êxito nas urnas....

MAIS LIDAS