Últimas

Terça-Feira, 31 de Julho de 2007, 12h:43 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

LULA EM CUIABÁ

Prefeito elogia Lula e critica movimento pró-vaia

    O prefeito de Cuiabá, Wilson Santos, o segundo a discursar na solenidade com a presença do presidente Lula, fez rasgados elogios ao petista, apresentou espécie de balanço de sua administração, pediu mais R$ 53 milhões de recursos do PAC para a Capital e criticou o movimento que pregou vaias ao presidente, liderado por alguns de seus colegas do PSDB. "Essa manfestação não faz parte do PSDB. São de alguns membros que, juntos, não formam um time de futebol de salão", desdenhou o prefeito tucano. Fez questão de fazer essa referência para não constranger o presidente da República.

   Santos, que vive de pires nas mãos em busca de recursos, iniciou o discurso dizendo que Lula vem quebrando tabu e destacou a biografia do presidente. Depois, afirmou que conseguiu impor austeridade administrativa à frente do Palácio Alencastro. Com meno de três anos de administração, o prefeito afirma que reduziu o número de servidores DAS de 2 mil para 750 e aumentou a arrecadação no imposto sobre a água tratada de R$ 3 milhões para R$ 5 milhões.

   O prefeito agradeceu também o apoio do governador Blairo Maggi. Citou também a senadora Serys Marly e o deputado federal Carlos Abicalil. Segundo ele, são petistas que vêm ajudando Cuiabá com recursos. Em meio aos agradecimentos, uma pessoa gritou o nome de Terezinha Maggi, secretária estadual de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social. Wilson Santos, então, emendou: "também quero agradecer a secretária Terezinha...".

      Reivindicação

     O prefeito Santos aproveitou a cerimônia de lançamento de recursos do PAC e pediu que o presidente Lula liberasse mais R$ 53 milhões à Capital para, assim, superar os R$ 200 milhões de investimentos em obras de saneamento. Disse que já havia conversado com a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) sobre o assunto. Por fim, o prefeito provocou risos quando disse que gostaria que o presidente Lula retornasse à Capital daqui a três anos para tomar banho no rio Cuiabá e presentou o petista com uma viola de cocho.

   Em seguida, os prefeitos Santos, Murilo Domingos (Várzea Grande) e Adilton Sachetti (Rondonópolis) assinaram os convênios do PAC. Após Santos, foi a vez de Sachetti e Murilo usarem da palavra. Ambos se limitaram aos agradecimentos. (Simone Alves)

Presidente Lula ganha do prefeito Wilson uma viola de cocho

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • 12 | Quarta-Feira, 18 de Julho de 2012, 13h59
    0
    0

    12, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Celso maciel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Sebastião Caetano de Freitas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Ex-Prefeito Wilson Santos está na fase do desespero e busca recursos de qualquer forma para fazer o caixa dois de sua campanha de 2008.

  • bruno carlos de arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tenho um amigo meu que sempre dizia que político que muda de discurso tão repentinamente sobre seus adversários é sinal de que está com processo de demência ou está se prostituindo. Por favor, fiz esse comentário sem levar em consideração o tema que trata este espaço e portanto, qualquer semelhança com a realidade será mera coincidência.

  • Wladimir Colman | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por favor, o Wilson nunca mudou de discurso, para falar a verdade nunca criticou, Maggi muito menos LULA.
    Sobre "Caixa dois", a unica possibilidade de ocorrer isso em nossa prefeitura é que nosso prefeito se torne membro da bancada pestista. O que é improvavel.

    Wilson é REPUBLICANO e um político deve ser assim. defender o bem de sua população, independete se tem que buscar recursos a politicos de outros partidos ou nao.

  • persio briante | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Ivan Deluqui | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só questão de informe as sifras que estão na reportagem são da SANECAP e não do IPTU o prefeito tem que fazer isso mesmo por que só se tem investimento se tiver projeto e o prefeito lançou projetos a Brasilia, e por uma questão de injustiça e tirando já uma casquinha para cuiabá tem que ser MAIOR o repasse do PAC p/ Cuiabá sim por isso o prefeito tem que pedir mesmo mais investimentos.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Antonio Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cuiabanos, prestem atenção, o senhor Wilson Santos tá co treta, como diz o linguajar ribeirinho. Óia, toma inteligencia, pois num foi dona Terezinha Maggi que apoio o Galinho? Óia, vamo falá de novidade porque essa é véia.
    Novidade: Pagot prá Prefeito, Walter Rabello prá vice, daqui dois anos Pagot prá governo e Walter continua na prefeitura podendo ir a reeileição. Isso sim é novidade.RRRRRSSSSSSS.

  • stenio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    KKKKKKKKKKKKKKKKKK....Gostei da piada VLADIMIR COLMAN.. rsss foi a melhor que escutei até hoje, qto a caixa preta é só procurar o tal do "Zé do nordeste e o Elias' para sabercomocanaliza recursos.

IFMT e novo laboratório pra testagem

deiver 400 curtinha   Numa iniciativa inédita, o Campus do IFMT Cuiabá - Bela Vista, sob o diretor-geral Deiver Alessandro Teixeira (foto), terá um novo laboratório a ser utilizado para análise sorológica da Covid-19, através da pesquisa de IgG e IgM. A obra, orçada em R$ 1 milhão,...

Comitê chama órgãos fiscalizadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Para colocar fim às críticas sobre suposta falta de transparência na aplicação dos recursos transferidos a Cuiabá pelo governo federal com vistas ao enfrentamento à pandemia, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) determinou que seu secretário de Saúde, Luiz...

PT sob risco de não eleger ninguém

marcos viana 400 curtinha   Mesmo tendo cabeça de chapa para prefeito, no caso o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva, o PT dificilmente elege um vereador em Cuiabá no pleito deste ano. A chapa de pré-candidatos proporcionais é fraquíssima. O "grande" nome do partido é da professora Edna...

Único da família Oliveira pra vereador

luluca 400 curtinha   Na queda-de-braço entre irmãos, venceu, por enquanto, Luiz Arthur Oliveira Ribeiro, o Luluca (foto), que será candidato a vereador pelo MDB em Cuiabá, carregando o espólio político da família Oliveira. Irmão de Luluca, o ex-vereador Leonardo Oliveira, que procurou e...

2 nomes do DEM avaliam desistência

ivan evangelista 400 curtinha   A chapa de pré-candidatos do DEM a vereador pela Capital corre risco de sofrer duas baixas consideráveis. Os ex-vereadores Ivan Evangelista (foto), que atuou na Câmara por 13 anos, e Leonardo Oliveira, por dois mandatos, podem vir a desistir do teste das urnas. Mas, por enqanto, ambos garantem...

Sexto suplente na Câmara por um mês

aluizio leite 400 curtinha   Aluízio Leite (foto), filiado histórico do PV, tomou posse como vereador pela Capital na último dia 2. Mas vai ficar na cadeira por somente 31 dias, até o retorno do titular, delegado Marcos Veloso, que se afastou para cuidar de assuntos pessoais e hoje se encontra hospitalizado com...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.