Últimas

Quarta-Feira, 26 de Novembro de 2008, 08h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

ORÇAMENTO

Sociedade não se interessa pela LOA, diz Riva

   O deputado José Riva (PP), primeiro-secretário da Mesa Diretora e presidente eleito da Assembléia, disse durante a apresentação da Lei Orçamentária Anual de 2009), em audiência pública, que "a sociedade não se interessa por isso". Riva é o relator do projeto que prevê a arrecadação e a detalhação dos gastos públicos do Estado para o próximo ano. A peça orçamentária está na Assembléia para ser analisada pelos parlamentares.

   Sobre a declaração do desinteresse da sociedade em discutir a LOA, o deputado explica que o planejamento público deixa muitas brechas. "As pessoas criam expectativas sobre o que está previsto no orçamento, mas cerca de 50% das propostas de gastos sofrem alteração por meio de emendas". O deputado disse também que "o governo está dividindo fatias de um bolo sem saber qual é o tamanho desse bolo". Ele se refere à distribuição das verbas detalhadas no orçamento anual. Riva afirma que as mudanças no orçamento no decorrer do ano fazem com que "infelizmente a peça orçamentária chegue a ser fictícia, mas serve de representação para o remanejamento do dinheiro público".

   O progressista avalia que, com o momento pelo qual passa a economia mundial, é praticamente impossível prever com clareza do orçamento. José Riva chega a brincar dizendo que no país existem milhões de técnicos de futebol e cada um tem uma opinião diferente e o mesmo acontece na economia. "Assim como temos milhões de técnicos da seleção, também temos mais um tanto de economistas", disse. (Andressa Boa Sorte)

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Paulo Sérgio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Certamente a população não se interessa pela LOA porque sabe que independetemente do que for definido no orçamento, grande parte do recurso será desviado por empresas fantasmas inclusive para comprar calcinhas para deputados na assembleia Legislativa.

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não é falta de intresse e sim descredito total com a atuação da Assembléia, envvolvida em escandalos e omissa no combate a corrupção. Os dep. deveriam reduzir drasticamente o gordo duodecimo da AL, mesmo com o desvio de mais de 120 milhões somente nos anos 2000/2001 ela não paralizou suas atividades. O desvio foi denuciado pelo MP em mais de 70 representações. A Empaer esta em estado de calamidade pública por falta de orçamento digno.

  • Prof. Luis Carlos Ferreira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por ocasião da confraria em torno da LOA, vão os leões e as leoas do alcaide municipal, além de outros apaniguados, a fim de fazer pressão sobre quem sugerir algo que esteja fora da pauta. Como eles são em superioridade numérica, colocam em votação democrática - pressionando presidentes de bairros e conselheiros a votarem com o caudilho... É mole?

  • Claudio Ribas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Deputado Riva esta completamente equivocado. A sociedade se nega a fazer papel de coadjuvante do processo pois é chamada apenas para referendar e assim dar legalidade para uma coisa que não mudará um centavo com a sua participação.
    Deputado Riva, o processo esta errado e os senhores deveriam fazer alguma coisa para garantir a participação pupular no processo de elaboração do Orçamento e não apenas na sua finalização quando nada será mudado. A sociedade precisa ser chamada para opinar sobre o valor do repasse aos poderes, sobre as obras e reformas inuteis em prédios públicos, etc...
    A sociedade tem todo interesse porque é ela quem paga a conta, apenas não quer fazer de conta.

  • Otavio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo chefe, mais uma vez vc poe o dedo na ferida.

    Mas o dia que o orçamento passar a ser impositivo e acabar esta historia de contingenciamneto, tenho certeza que ele deixara de ser peça de fixao e vai se aproximar muito da realidade.aumento ou queda de arrecadaçao sao normais e previsiveis e devem ser distribuidas equitativamente e nao manipuladas pelo gestor.

  • Fernando | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Muito bem nobre deputado Riva, mais uma vez mostra à sociedade o problema que é o desinteresse do povo em relação ao orçamento do estado e consequentemente dos municípios. Parabéns, continue com esse trabalho sério pelo povo de Mato Grosso.

  • ANTÔNIO CUIABANO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Dep. Riva tem razão.
    O problema da falta de interesse é histórico. O povo ainda não aprendeu a participar das decisões públicas. Acho que só com o tempo a participação popular será mais significativa.

  • Handerson Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    a SOCIEDADE esta desacreditado com a politico para que perder tempo. Porque a SEGURANÇA e SAÚDE continua a mesma m....... o POVO vai perder tempo. hum ta brincando.

  • Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até parece que os parlamentares querem mesmo a participação da população?

    Quando detectamos as falcatruas nunca são apuradas e ninguém punido....

    Prá melhorar o nosso orçamento quem sabe o RIVA E O BOSAIPO devolvem a grana desviada que o caixa já fica interessante....

    Continua os ratos cuidando dos queijos....suiços....cuibanos....mas muito furados...

  • Carlos Eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A SOCIEDADE PRECISA PARTICIPAR DOS DEBATES SOBRE ORÇAMENTO, POIS ELE É FUNDAMENTAL PARA AS AÇÕES DE 2009.

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.