Executivo

Segunda-Feira, 29 de Maio de 2017, 13h:45 | Atualizado: 29/05/2017, 14h:43

Prefeitos rejeitam a proposta de uso do Fethab para saúde e cobram AL

Gilberto Leite

prefeitos Neurilan Arnóbio

 Prefeito Arnóbio, que discursa ao lado de Neurilan, classifica a atitude do governo como "aberração" 

Os prefeitos rejeitaram a proposta do governo que prevê a retirada de 50% dos recursos do Fethab dos municípios para serem destinados à saúde.

Os gestores alegam que já comprometeram o uso do dinheiro, por isso, não podem abrir mão.

A decisão foi tomada  durante reunião entre 88 dos 141 prefeitos, no auditório Liu Arruda (no TCE), nesta segunda (29).

As 141 prefeituras recebem 50% do valor arrecadado com óleo diesel pelo Fethab, o que representa mais de R$ 232 milhões, do total de R$ 1,3 bilhão (entre diesel e commodities) que ficam com o Estado.

Deste montante, R$ 95 milhões são repassados aos Poderes. Caso os gestores aceitassem a proposta, eles receberiam apenas 25% do que é arrecadado, cerca de R$ 116 milhões.

O presidente da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM) Neurilan Fraga (PSD) afirma que o posicionamento foi unânime. Entretanto, pontua que não é contra os municípios retiraram do Fethab. “Vidas são muito mais importantes que construir asfalto ou tapar buraco. Mas, não pode querer tirar de quem menos recebe e que tem crédito para receber do governo”, sustenta o presidente, referindo-se aos atrasos  nos repasses com as cidades, que somam mais de R$ 80 milhões.

Durante o encontro, o prefeito de Marcelância Arnóbio de Andrade (PSD) sugeriu que os prefeitos pressionem os deputados estaduais da base dos seus municípios para votar contra a proposta do governo. “Que nenhum de nós coloque votos nos deputados que votarem nessa aberração que o governo fez”, dispara o gestor, sendo aplaudido pelos colegas.

O prefeito de Água Boa, Maurão Rosa (PSD) sugeriu que o governo continue passando a parte que cabe aos municípios, mas que parcele os débitos que estão em atrasos. Em alguns casos, os atrasos chegam há 10 meses.

Correligionária do governador Pedro Taques (PSDB), a prefeita de Chapada Dos Guimarães, Thelma de Oliveira, ressalta que a discussão independe de filiação partidária. E pediu que fosse elaborada uma carta com o posicionamento dos prefeitos ao presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (PSB), e ao Palácio Paiaguás. 

Há previsão de que o presidente da AMM e mais uns três prefeitos representando os demais se reúnem com os Poderes para apresentar o posicionamento e buscar uma solução.

Saúde

A aplicação do Fethab na saúde tem rendido divergências entre a alta cúpula do governo. O próprio governador e o vice Carlos Fávaro (PSD) não falam a mesma língua quando sobre assunto.

Nos bastidores, o comentário é que Taques tem simpatia pela ideia de destinar recursos do Fethab à saúde. Mas, para evitar embates, só vai se posicionar publicamente quando a questão estiver definida.

No entanto, Fávaro que é considerado porta-voz do agronegócio dentro do governo se posicionou contra a destinação do Fethab cobrado sobre as commodities, que arrecada cerca de R$ 400 milhões por ano, para financiar a saúde. O vice-governador sustenta que o setor aceitou que a taxa fosse dobrada em 2016 para investimentos em estadas.

Poderes

Além de destinar recursos do Fethab para a saúde, outra saída cogitada para resolver a crise no setor, é a contribuição dos Poderes. Na prática, parte dos duodécimos da Assembleia e até mesmo do Judiciário podem ser retidos pelo Executivo para quitar a dívida de R$ 162 milhões com os hospitais regionais.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Eduarda | Quarta-Feira, 31 de Maio de 2017, 18h12
    0
    0

    A saúde está um CAOS e servidor querendo fazer show?! Pelo amor de Deus! E ainda tentam colocar a sociedade do lado deles, porém não somos bobos e sabemos da real verdade. Entendemos que o governo federal cortou as verbas e agora Taques está sem verba pra pagar RGA integralmente. Vamos ser adultos e analisar o cenário politico e econômico atual do nosso País.

  • Pedro Augusto | Quarta-Feira, 31 de Maio de 2017, 16h53
    0
    0

    Como agir para ajudar os hospitais? Tem classe que está fazendo uma enorme pressão para aumento salarial e pagamento de RGA. Taques está entre a cruz e a espada!

Matéria(s) relacionada(s):

AMM omite transparência e é acionada

neurilan fraga curtinhas   O Ministério Público e o TCE receberam denúncia e vão intimar a AMM, presidida por Neurilan Fraga, a se explicar sobre o porquê o portal da entidade estar completamente desatualizado. Em Transparência, nada consta de informação, muito menos em relação...

Famílias e resgate da Praça Alencastro

emanuel praca curtinha   A praça Alencastro, em frente à prefeitura, no centro de Cuiabá, voltou a ser frequentada, de forma tranquila e segura, pelas famílias, algo até então inimaginável, principalmente à noite, porque ali estava tomado por pessoas suspeitas, inclusive de tráfico de...

Silval pagou dezembro; e Taques, não

pedro taques curtinhas   Por incrível que pareça, Pedro Taques (foto), que passou o tumultuado mandato de quatro anos olhando para o retrovisor, carimbando Silval Barbosa (foto) de quadrilheiro, corrupto e de incompetente, vai fechar o mandato, no próximo dia 31, sem pagar a folha de dezembro, ou seja, empurrando-a para o...

2 na briga para cuidar do caixa da AL

guilherme maluf curtinha   Sob articulação do pai, ex-deputado José Riva, a deputada reeleita Janaína segue articulando duro nos bastidores para compor chapa como primeira-secretária. Na prática, por mais que encontre certas resistências de alguns dos colegas votantes, ela quer ser ordenadora de...

MDB aponta o des(acordo) com Mauro

carlos bezerra curtinha   O MDB conduzido por Carlos Bezerra insiste na tese de que Mauro Mendes está descumprindo acordo de campanha. Para atrair o partido ao palanque, Mauro se comprometeu a, se eleito, oferecer duas secretarias de ponta à legenda. Agora, em reunião com o dirigente emedebista, o governador eleito sugeriu as...

Selma prevarica sobre tais extorsões

selma arruda curtinha   A juíza aposentada Selma Arruda, senadora eleita pelo PSL, arrumou mais uma confusão. Acuada por estar sendo investigada por abuso de poder econômico e sob risco de ser cassada, ela disparou sua metralhadora verbal contra membros do TRE-MT. Sem citar nome, afirmou que sofreu três tentativas de...

Derrota, acordo e permanência na AL

romualdo junior   Romoaldo Júnior (foto) está rindo à toa. Após derrota à reeleição, viu nas negociações políticas a chance de continuar legislando na Assembleia. E, pelo visto, conseguiu. O governador eleito Mauro convidou o deputado reeleito Allan Kardec (PDT) para assumir a...

Misael priorizará concurso na Câmara

misael galvao curtinha   Misael Galvão, que assume a presidência da Câmara de Cuiabá em 1º de janeiro, já definiu como uma das prioridades de sua gestão a realização de concurso público para preenchimento de diversas vagas. A equipe de transição, que levanta a real...

Definida lista tríplice para vaga no TRE

Em sessão ordinária administrativa realizada na manhã desta quinta (13), o Pleno do Tribunal de Justiça (TJ)  definiu a lista tríplice com o nome dos advogados que irão concorrer à vaga de juiz membro titular – classe jurista – do Tribunal Regional (TRE). A vaga será aberta com o término do primeiro biênio do advogado Ulisses Rabaneda  na função. Compõem a lista os advogados...

MAIS LIDAS