Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Senado

Maggi, Jayme e Taques assumem lideranças partidárias no Senado

 Senadores Blairo Maggi, líder do PR, Jayme Campos, líder da minoria no Senado (DEM/PSDB), e Pedro Taques, vice-líder do PDT     Os senadores Blairo Maggi (PR), Jayme Campos (DEM), e Pedro Taques (PDT) assumiram esta semana a liderança de seus respectivos partidos no Senado. Na prática, a indicação dos mato-grossenses favorece a discussão de temas voltados ao Estado no Congresso. “É uma conquista de toda a bancada. É a região que representamos quem ganha. Temos condições de influenciar debates que nos importam e nos farão reconhecidos pela relevância política, econômica e social que temos”, avaliou o democrata.

     Enquanto Taques assumiu o posto de vice-líder do PDT e representa o partido durante a ausência do titular, Acir Gurgacz, Jayme foi eleito líder da minoria no Senado, contando com o apoio de democratas e tucanos. Já Maggi, substitui Magno Malta, na liderança do PR.

     Na reunião de líderes, realizada nesta terça (14), foram sentidos os primeiros reflexos da indicação dos mato-grossenses. Maggi, Jayme e Taques defenderam que assuntos como a distribuição dos royalties do pré-sal, a redistribuição do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e a revisão do Pacto Federativo sejam destaque na pauta do Senado em 2012.

     O republicano destacou a necessidade do retorno do FPE à pauta de votações, sob o argumento de que o assunto envolve setores como a saúde, educação e infraestrutura. “Quando governador, entrei com um processo no STF arguindo a forma como eram repassados os recursos federais aos estados. Ganhamos e acredito que esse tema deve ser novamente retratado, visto que tem validade somente até dezembro de 2012”, ressaltou.

     Taques, por sua vez, lembrou a proposta de criação de uma comissão especial para revisão do Pacto Federativo, apresentada por ele próprio. O assunto é concenso entre os senadores, por isso, a tendência é que seja apreciado. Outro assunto ressaltado pelo pedetista foi a segurança pública. "Precisamos debater não só melhorias para os trabalhadores do setor, como também estudar mecanismos para reverter quadros de desigualdade social e o aumento da violência”, frisou.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • PEDRO SURUCUCU | Quinta-Feira, 16 de Fevereiro de 2012, 15h43
    1
    0

    MINHA AMIGA JANINA CANTAGALO, VOCE PORQUE NÃO ANDA LÁ PRAS BANDA DA VAJU NA CALADA DA NOITE; TEM UM COMENTARIO QUE O RIVA JÁ ESTA CHAMANDO O PEDRO TAQUES DE COISA LINDA DO SENADO; OU MELHOR RIVA E TAQUES E JAYME JÁ ATÉ FIZERAM REUNIÃO ESCONDIDA PARA DAR O RODO NO TIÃO NAS PROXIMAS ELEIÇÃO AQUI NA VAJU; VÃO FAZER A MESMA COISA QUE FIZERAM COM O MAKSUES NAS ELEIÇÃO PASSADA, QUEM VIVER VERÁ OK.

  • janaina cantagalo | Quinta-Feira, 16 de Fevereiro de 2012, 00h54
    1
    0

    Eu não entendo porque o senador Pedro Taques, é tão duro com Humberto Bosaipo e Geraldo Riva e tão complacente com Blairo Maggi e Jaime Campos.

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Um cacique descarta apoiar o outro

Por 23/02/2020, 08h:30 - Atualizado: 22/02/2020, 19h:40

Rodinei Crescêncio/Rdnews/arquivo

julio campos 680

Conversando com todos os grupos, inclusive com possíveis adversários nas urnas de 26 de abril para o Senado, Júlio Campos sentou-se à mesa com Carlos Bezerra, que comanda o MDB-MT com mão de ferro.

Postar um novo comentário

CONVITE

Desconfortável no DEM, Mauro namora novo partido de Bolsonaro

Por 22/02/2020, 15h:00 - Atualizado: 07h atrás

mauro mendes rodrigo maia 680

Governador Mauro Mendes e o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, que o vem "segurando" no DEM

Mauro Mendes voltou a ser convidado para comandar o Aliança em Mato Grosso. O partido está sendo criado pelo presidente Bolsonaro.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • pedro vasconcelos | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 07h47
    4
    1

    mauro mendes quer colocar cabresto nos filiados mas nos campos ele caiu do cavalo, mauro não é politico age como se tivesse em uma empresa, e não é bem assim, chegando a politica eleiçoes o bicho pega, ainda mais com os 14% tirados dos servidores ativos inativos... tem que ir atras de quem furtou a previdencia depois do saudoso DANTE, pq foi de pois do governo dante que a previdencia faliu.

  • Edcio Staviasz | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 05h12
    2
    0

    Isto aqui é pior que as notícias das jararacas

  • Davi | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 21h58
    13
    2

    Espero que o Bolsonaro não aceite esse infeliz.

LIGAÇÕES DE VIDA

Ex-deputado diz que PSL nasceu doente e que se casou donzelo veja

Por 22/02/2020, 10h:15 - Atualizado: 22/02/2020, 16h:11

victorio galli 680

O ex-federal Victorio Galli, evangélico da Assembleia de Deus, disse que a melhor camisinha para se prevenir de doenças é abster-se do sexo.

Postar um novo comentário

NEGOCIATAS NA SINFRA

Empresário delata no MPF e compromete em cheio deputado

Por 21/02/2020, 19h:45 - Atualizado: 22/02/2020, 10h:25

carlos avalone 680

O empresário Pierre François Amaral fechou acordo de delação junto ao MPF. E compromete em cheio o deputado Carlos Avalone (PSDB) em negociata milionária, passando pela Sinfra, pelas mãos do então secretário-adjunto da Valdísio Viriato, no Governo Silval.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Edson | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 13h24
    5
    1

    Quanto tempo precisa para trancafiar esse pessoal? Parece que os processos não têm fim e a impunidade sempre acaba prevalecendo.

  • Reginaldo Pinheiro | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 11h53
    3
    1

    Via de regra, onde tiver muito dinheiro público sempre teve corrupção, a boa nova é que, da lava jato para cá, os órgãos de controle e a sociedade está mais vigilante...Continuemos assim.

  • rafael Mendonça | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 09h19
    7
    1

    Vixe, Avalone. Agora vão te pegar.

Articulação

Leitão busca convencer adversários a recuar da disputa para senador

Por 21/02/2020, 16h:25 - Atualizado: 21/02/2020, 16h:45

Gilberto Leite

Leit�o-680-blog

O ex-deputado federal Nilson Leitão, que se articula para disputar a eleição suplementar ao Senado com aval das cúpulas Estadual e Nacional do PSDB,  está atuando nos bastidores para convencer outros candidatos a recuar. Com domicílio eleitoral em Sinop, o tucano argumenta que a Baixada Cuiabana e a região Sul já estão representadas  com  Jayme Campos (DEM)  e Wellington Fagundes (PL) e por isso, o Nortão precisa ocupar um das três cadeiras de senador por Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Hernane | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 20h45
    1
    0

    Esse cara não tá com nada e pousa de estrela de 1° grandeza da politica de MT. Mal consegue ser Vereador em Sinop, pois se quiser ser Prefeito, perde para o Juarez Costa de 3 por 1, então no maximo vai conseguir uma Suplencia de Senador.

NEGOCIATAS NA AL

Silval comemora delação de Riva

Por 21/02/2020, 07h:50 - Atualizado: 21/02/2020, 07h:53

silval barbosa 680

Silval Barbosa está comemorando a homologação do acordo de delação do ex-companheiro de militância dentro e fora da Assembleia Legislativa, José Riva.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2496