Executivo

Quarta-Feira, 08 de Julho de 2020, 10h:45 | Atualizado: 08/07/2020, 12h:27

MODAL PARADO

Sinfra não abre mão de VLT e solução deve sair em breve, diz secretário; descarta BRT

Após oito anos de espera, uma definição sobre a obra do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) na Capital pode sair em breve. É o que garantiu o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo de Oliveira, em entrevista ao RDTV nesta quarta (8). Conta que desde que assumiu a pasta, em 2018, colocou uma equipe para estudar o caso e pretende apresentar uma solução ao governador Mauro Mendes (DEM).

“É uma questão que precisa de muito estudo, temos uma equipe trabalhando direto e já contratamos consultoria. Estamos na análise contratual para, quando ocorrer a definição, não colocarmos novamente a credibilidade do governo jogada fora, principalmente no caso do VLT”.

Estamos na análise contratual para, quando ocorrer a definição, não colocarmos novamente a credibilidade do governo jogada fora, principalmente no caso do VLT

Marcelo de Oliveira

Já foram gastos mais de R$ 180 milhões com o modal desde 2013 e o Estado tem o custo anual de quase R$ 30 milhões para pagar o empréstimo de R$ 1 bilhão à Caixa Econômica Federal e ao Banco Nacional do Desenvolvimento Social (BNDES). Menos de 20% da dívida foi quitada.

Mas, a situação estaria próxima de ser resolvida, segundo o secretário, que descartou a possibilidade de adotar outros modais de transporte como alternativa, como o corredor exclusivo para ônibus. “Estamos trabalhando a viabilidade do VLT e muito em breve teremos uma solução”, disse.

Obras da Secopa

Quanto às outras obras herdadas da extinta Secretaria Extraordinária da Copa de 2014 (Secopa), o secretário informou que já foram entregues. A Avenida Arquimedes Pereira Lima, que teve problemas no contrato, estaria aguardando resposta da empresa.

Segundo Marcelo Oliveira, o governador já autorizou a Sinfra a dar continuidade nas obras da trincheira da Avenida Dante de Oliveira e deve ter licitação em 30 dias.

Já o inacabado Centro Olímpico de Treinamento (COT) do Pari, em Várzea Grande, deve passar por processo de licitação para ser administrado e a empresa interessada terá que concluir a obra. “O Estado não quer nem retorno financeiro, a empresa que apresentar melhor proposta para a conclusão e administração ganha”.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Dos Santos | Quinta-Feira, 09 de Julho de 2020, 10h27
    1
    1

    Já se passaram 550 dias ou mais de 1,5 ano e o governo MM, ainda não tem uma decisão do que fazer com o VLT, se é viável ou não. O secretário, em todas suas entrevistas, só vem enrolando e desviando assunto. Talvez, no final da gestão MM seja tomada uma decisão, pois da tempo de passa a “batata quente” para o próximo gestor, enquanto isso o estado vai pagando o vultuoso empréstimo sem a sociedade poder usufruir do bem pulico.

  • Lia Ribeiro | Quarta-Feira, 08 de Julho de 2020, 20h30
    1
    1

    Apenas um alerta ao Secretário sobre concessões: Estado não tem que querer nada! O estado tem que realizar um estudo técnico e verificar a viabilidade do negócio, a atratividade para o empresário e os benefícios sociais, lembrando que a empresa que administrará não pode usufruir do bem público sem um retorno ao interesse público, muito menos explorar de forma a usurpar o cidadão!

  • Giovanni | Quarta-Feira, 08 de Julho de 2020, 11h18
    3
    3

    Mais gastos, contratam uma empresa de consultoria, direcionam funcionários para dedicaram a isso, para tentarem implementar um projeto que todos sabemos que é inviável devido ao baixo fluxo de pessoas que irão usar, limitações de linhas e tempo de espera. O ideal é implementar linhas exclusivas de ônibus e repaginar logo a cidade que está horrorosa! Venda os vagões, pague a dívida e coloque um ponto final nessa novela de 8 anos.

PSD reforça nome de Flávio em VG

selleman mathias 400 curtinha psd vg   Chamou a atenção a presença do presidente do diretório do PSD, em Várzea Grande, Selleman Mathias (foto), no lançamento da candidatura do empresário Flávio Vargas (PSB) à sucessão da prefeita Lucimar Campos, nesta quarta. Ao que tudo...

Selo Amiga dos Animais pra empresas

misael galvao 400 curtinha   A Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto), vai conceder o selo Amiga dos Animais para 20 empresas. Até o final do ano será realizada uma sessão solene para condecorar representantes dessas empresas. E também estão previstos a entrega da Ordem do Mérito...

Fecomércio vai à AL por menos ICMS

jose wenceslau 400 curtinha   O presidente da Fecomércio, José Wenceslau Souza Junior (foto), revelou nesta quarta, numa live ao RDTV, tv web do portal Rdnews, que vai procurar os deputados para reabrir o debate sobre a pesada carga tributária praticada em MT. Ele recorda que no final de 2019, o governo estadual alardeava que...

Gestores multados por irregularidades

arivaldo 400 curtinha   Dezenas de prefeitos e ex-gestores estão sendo multados por não enviar ao TCE prestação de contas periódica, informações e documentos obrigatórios, o que é considerado falha grave. Arivaldo Medeiros de Santana (foto), prefeito de São José do Povo,...

O "pai" da destruição de documentos

jose riva 400 curtinha   Na sua delação premiada, o ex-presidente da AL, José Riva (foto), acusa o presidente do TCE, Guilherme Maluf, de ter sumido com provas que incriminavam deputados quanto ao uso de suprimentos de fundos e verba indenizatória. Só que para o MPE, foi o próprio Riva quem organizou um...

DEM dividido e quase no colo de EP

emanuel pinheiro 400 curtinha   Num almoço na casa do prefeito Emanuel Pinheiro (foto), nesta quarta, lideranças da alta cúpula do DEM de Cuiabá e Várzea Grande discutiram possível apoio à reeleição do emedebista. Essa aproximação fere de morte o Palácio...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.