Judiciário

Segunda-Feira, 29 de Outubro de 2018, 09h:35 | Atualizado: 29/10/2018, 09h:40

MP emite parecer contra Ledur que quer anular investigação da morte de Rodrigo

Ledur

Tenente do Corpo de Bombeiros Izadora Ledur de Souza é acusada de torturar e provocar a morte do então aluno militar Rodrigo Claro, que morreu em 2016

O Ministério Público Estadual (MPE) emitiu parecer pela rejeição do pedido feito pela defesa da tenente PM Izadora Ledur de Souza Dechamps, que buscava anular o processo na qual ela é acusada de ser a responsável pela morte do aluno Rodrigo Claro. Rodrigo morreu em novembro de 2016 após treinamento no curso de bombeiro, em Cuiabá. O parecer é assinado pelo promotor de Justiça Allan Sidney do Ó Souza. 

A alegação de Ledur é que investigações foram presididas por autoridade policial incompetente, uma vez que o caso é de natureza militar, portanto caberia a um órgão militar investigar. Neste sentido, a atuação da Polícia Civil estaria restrita à apuração de infrações penais. Como não foi isso que ocorreu, de acordo com a defesa da militar, estaria configurada violação ao artigo 144, parágrafo 4º, da Constituição Federal.

Em parecer, o promotor avaliou que a defesa não tem razão. Allan pontua que o inquérito policial foi instaurado levando em conta circunstâncias e dinâmica que indicavam a suposta ocorrência de tortura, “tendo sido esse o motivo pelo qual, foram iniciados os trabalhos investigativos pela Polícia Judiciária Civil, tanto que, ao fim, conforme se observa do relatório da autoridade policial constante de fls. 563/602, concluído em 20/03/2017, promoveu-se o indiciamento pela suposta prática de conduta amoldada ao tipo penal em questão”.

Além disso, a alteração na legislação que ampliou a competência da Justiça Militar para também julgar esse tipo de crime só ocorreu em outubro de 2017, ou seja, quase um ano após a morte de Rodrigo e a instauração do inquérito, “o que nos leva à simples conclusão de que, àquele tempo, não havia que se cogitar qualquer possibilidade de crime de natureza militar”, reforça o promotor.

O representante ministerial se posicionou no sentido de que “não se vislumbra do feito qualquer violação aos direitos constitucionais da denunciada e outra irregularidade capaz de ensejar a almejada nulidade absoluta, tão somente, pelo fato da investigação ter sido presidida por autoridade da Polícia Judiciária Civil, sobretudo, competente à época”.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Prejuízos para Acorizal de R$ 753 mil

clodoaldo monteiro 400 curtinha acorizal   O conselheiro interino Moisés Maciel concedeu medida cautelar proposta pela secretaria de Controle Externo de Contratações Públicas do TCE, suspendendo de imediato um termo de parceria, em vigor desde 2017, entre a prefeitura de Acorizal e a Oscip Iso Brasil. Foi descoberto...

"Eu não devo um centavo para Júlio"

sergio rezende 680   O empresário e ex-vereador de Chapada dos Guimarães, Sergio Rezende (foto), que foi "enquadrado" pelo cacique político do DEM, Júlio Campos, reagiu, mas sem as críticas duas de antes contra o ex-governador. Irritado pelos ataques feitos por Rezende em um grupo de WhatsApp, Julio gravou um...

Ex-vereador do DEM recua da disputa

ivan evangelista 400 curtinha   O pecuarista e ex-vereador Ivan Evangelista (foto) vai mesmo jogar a tolha. Apontado como uma das apostas do DEM na briga por vaga no Legislativo cuiabano, Ivan não se empolgou, notou dificuldades para se obter êxito nas urnas e vai comunicar a direção do partido de sua desistência da...

Gestão Tatá sob várias irregularidades

tata amaral 400 curtinha   A gestão Tatá Amaral (foto), em Poconé, está sendo marcada por uma série de irregularidades. Uma denúncia feita junto ao TCE pelo auditor público interno municipal, Ademar Vivan Júnior, foi confirmada. Descobriu-se, por exemplo, contratação...

Ucamb é multada por irregularidades

edio 400 curtinha   Numa sessão realizada por videoconferência, o TCE puniu o líder comunitário Édio Martins de Souza (foto) por irregularidades num convênio de 2009 com o Estado. Na época, Édio presidia a União Cuiabana de Associações de Moradores de Bairro (Ucamb)....

PSD reforça nome de Flávio em VG

selleman mathias 400 curtinha psd vg   Chamou a atenção a presença do presidente do diretório do PSD, em Várzea Grande, Selleman Mathias (foto), no lançamento da candidatura do empresário Flávio Vargas (PSB) à sucessão da prefeita Lucimar Campos, nesta quarta. Ao que tudo...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.