Judiciário

Terça-Feira, 20 de Fevereiro de 2018, 11h:11 | Atualizado: 20/02/2018, 16h:36

Esquema no Detran originou no gabinete de Savi e ajudou campanha à reeleição

Mário Okamura/Rdnews

mauro savi depuado estadual 2.jpeg

MPE aponta que esquema no Detran-MT teve origem no gabinete de Mauro Savi

De acordo com o Ministério Público Estadual, o esquema de fraude em licitação e pagamento de propina no Detran-MT foi definido em uma reunião no gabinete do deputado estadual Mauro Savi (PSB), que detinha grande poder de influência na autarquia. O fato é investigado na Operação Bereré, deflagrada nesta segunda (19).

A afirmação do MPE tem como base o acordo de colaboração premiada (delação) do ex-presidente do Detran Teodoro Moreira Lopes, o "Dóia". Ele detalha que entre julho e agosto de 2009, quando já ocupava o comando da autarquia por indicação de Savi, foi convocado pelo parlamentar para uma reunião em seu gabinete na Assembleia.

Além de Savi, Dóia diz que o encontro contou com a participação dos também investigados Marcelo da Costa e Silva e Roque Anildo Reinheimer, que ofereceram a execução da atividade de registro junto ao Detran, se comprometendo a apresentarem uma empresa para a efetivação do contrato.

Na semana seguinte, Dóia relembra que voltou a se encontrar com Marcelo Silva, quando foi apresentado a Merison Marcos Amaro, representante da FDL Serviços de Registro, Cadastro, Informatização e Certificação de Documentos Ltda., que posteriormente se tornou EIG Mercados Ltda.

Campanha

Na oportunidade, conforme o ex-presidente, Marcelo teria se comprometido a repassar o valor recebido pela FDL em razão do cumprimento do futuro contrato administrativo a ser formulado com o Detran às campanhas eleitorais de Savi e do ex-governador Silval Barbosa (sem partido), que na época disputavam a reeleição à Assembleia e ao governo, respectivamente.

Após a efetivação do contrato entre a FDL e o Detran, o repasse prometido foi feito no valor de R$ 750 mil para cada um, em espécie.

Direcionamento

O delator afirma que antes da contratação da empresa, ele obteve o edital da licitação vencida pela FDL em Piaui. Declara ter determinado que a comissão do Detran confeccionasse o edital de licitação nos mesmos moldes.

Além disso, para direcionar a licitação, Marcelo Silva lhe solicitou a inclusão de clausula no edital, na qual a empresa vencedora teria que realizar vistorias prévias em todas as Ciretrans do Estado, solicitação aceita e implementada.

Com o certame direcionado, a FDL venceu a licitação. Para operar para operar o esquema de lavagem de dinheiro, segundo o MPE, a FDL contratou a empresa de fachada Santos Treinamento, que teve como sócio o presidente da Assembleia Eduardo Botelho (PSB).

A organização criminosa, segundo a investigação, ainda utilizava diversas pessoas, com o objetivo de “lavar” o dinheiro oriundo do pagamento de propina, por parte da FDL.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Cidadão | Terça-Feira, 20 de Fevereiro de 2018, 14h27
    8
    0

    Todos Sabiam disso, dessa empresa e desses valores absurdos, desde 2009 e só agora vai parar, quase 10 anos levando dinheiro do cidadão trabalhador. Uma vergonha mesmo!

  • Critico | Terça-Feira, 20 de Fevereiro de 2018, 12h26
    13
    0

    Fosse num país sério, esses corruptos estavam presos, pois a denuncia e grave.

Recuo do DEM e agora no Republicano

gabriel guilherme 400 curtinha   O DEM terá de excluir da lista de pré-candidatos a vereador pela Capital o nome do jovem Gabriel Guilherme (foto), de 22 anos. Ele optou por se filiar ao Republicano. Lotado na Assembleia como assistente da Secretaria de Orçamento e Finanças e filho do ortopedista Paulo Fonseca...

Galvan vai deixar PDT e ir pra o PRTB

antonio galvan 400 curtinha   Embora não tenha perdido de vistas o Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado por Bolsonaro, Antonio Galvan (foto), presidente da Aprosoja e que acabou levado à frigideira dentro do PDT em meio ao embate por tentativa de candidatura ao Senado, se mostra disposto a ingressar no...

"Pátio igual gato, comendo e miando"

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (Podemos), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, disse que o prefeito Zé do Pátio, de Rondonópolis, está parecendo gato, comendo e miando, pois recebe recursos federais, inclusive de programas habitacionais e, mesmo assim, ainda alardeia nos...

Adair lançará ex-vice em Alto Paraguai

adair 400 curtinha   O ex-prefeito de Alto Paraguai, advogado emedebista Adair José Alves Moreira (foto), não vai disputar novamente, apesar da insistência do seu grupo. A tendência é de apoiar o seu ex-vice Luiz Figueiredo, com quem administrou a cidade de 2013 a 2016. Luiz também é do MDB e...

Deputado bolsonarista critica prefeito

claudinei deputado curtinha 400   O deputado Claudinei Lopes (foto), morador em Rondonópolis, ficou na bronca com o discurso populista do prefeito Zé do Pátio, para quem o povo nordestino votou em massa no PT e que não tem conseguido construir mais casas populares porque, diferente dos governos petistas, o presidente...

Sem Senado e tudo pela Mesa da AL

max russi curtinha 400   Presidente regional do PSB-MT, o deputado Max Russi (foto) tem participado das discussões para definição de candidaturas ao Senado, na suplementar de abril, mas não mais como pré-candidato. Seu desafio é outro. A prioridade é a busca da reeleição como...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.