Judiciário

Terça-Feira, 10 de Setembro de 2019, 19h:15 | Atualizado: 10/09/2019, 19h:22

TJ mantém preso sobrinho que arrancou coração da tia; ele fará exame de sanidade

Reprodução

Lumar Costa da Silva

Lumar Costa da Silva conversa com a imprensa após um de seus depoimentos na delegacia, em que confessa crime

A 1° Câmara Criminal do Tribunal de Justiça (TJ-MT) negou o pedido de soltura da defesa de Lumar Costa da Silva, acusado de assassinar a tia, arrancar o coração dela, e entregar o órgão para a filha da vítima, no dia 2 de julho, em Sorriso (a 420 km de Cuiabá).

O réu confesso ainda deverá ser submetido a um exame de sanidade mental, solicitado pela defesa, que quer atestar que Lumar sofre de transtornos psquiátricos. 

O habeas corpus impetrado pelo acusado visava revogar a decisão do juiz Anderson Candiotto, que reverteu a prisão em flagrante para preventiva durante audiência de custódia no dia 3 de setembro. Os desembargadores  Rui Ramos Machado e Paulo da Cunha seguiram o voto do relator do caso, Marcos Machado.

Na decisão, o magistrado ressaltou a frieza do acusado, que utilizou duas facas para matar a tia, Maria Zélia da Silva, de 55 anos. De acordo com ele, a infração cometida por Lumar acarretou em "repercussões graves no tecido social", tendo como consequência sérios abalos na ordem pública. 

O réu confesso, após executar a tia, foi até a residência da filha da vítima, onde deixou o coração em cima de um tanque de lavar roupas e tentou sair do local com uma menor, neta de Maria. O desembagardor caracterizou tal ato como de "crueldade extrema". 

Para o juiz, mesmo solto, Lumar deu indícios de que voltaria a cometer crimes, já que ameaçou a filha da vítima de morte. Ele também ressaltou que, após sair da casa da mulher, o acusado teria afirmado que iria ao local onde ficam os geradores de energia elétrica da cidade, para interromper o fornecimento e matar o maior número de moradores. 

A defesa de Lumar alegou que a 1° Vara Criminal da Comarca de Sorriso teria realizado a audiência de custódia sem comunicar a defesa do réu e fora do expediente forense externo, por volta das 10h, em 3 de setembro. 

Em seu voto, o desembargador alegou que a "peculiriade e comoção social do crime" foram alguns dos motivos para a realização da audiência. De acordo com Machado, o Judiciário não se pauta pela Defensoria Pública e a sessão poderia ser realizada na "primeira oportunidade possível". 

Ainda conforme o relator, um advogado foi designado para acompanhar o réu durante a audiência de custódia. "Ademais, não configura causa de nulidade a falta de órgão da Defensoria Pública em audiência de custódia, tão pouco a ilegalidade da segregação cautelar, que apresenta pressupostos próprios. Enfim, não foi apontado, neste HC, qualquer prejuízo à Defesa do paciente decorrente da realização do ato judicial [audiência de custódia na presença de advogado nomeado]". 

O crime 

Lumar foi até a residência da tia e, após encontrar a vítima sentada em uma área, a chamou para conversar dentro da casa. Em seguida, desferiu inúmeros golpes de faca contra ela. Quando ela caiu no chão, ainda viva, ele continuou atacando a mulher.

Conforme denúncia do MPE, o acusado tentou abrir o tórax de Maria com a faca, mas não conseguiu. Ele, então, pegou uma faca maior e a dilacerou até retirar o coração. Depois, teria levado R$ 800, de alugueis que a tia havia recebido.

Por fim, ele fugiu da residência com o órgão da tia e levou o coração de Maria para a filha dela. Lumar foi preso e transferido para a Penitenciária Osvaldo Florentino Leite, o Ferrugem, em Sinop, onde segue em cela separada. Em depoimento ele negou qualquer arrependimento sobre o crime e disse que Maria merecia morrer.

Meses antes do crime, o acusado morava no interior de São Paulo e se mudou para Sorriso após brigar com a mãe. Ele foi acolhido por Maria. A tia, porém, não aceitava o fato de o sobrinho ser usuário de drogas e pediu para ele sair de casa. Lumar se mudou para uma quitinete e, dias depois, foi para a casa da tia para assassiná-la.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

EP cita 4 pela força do MDB em Cuiabá

rafael bastos 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro disse neste sábado, no encontro do MDB, que acabou atraindo a presença de representantes de outros 12 partidos, que a agremiação emedebista foi construída e ganhou força e espaço na Capital graças aos filiados históricos Rafael...

Júlio, do DEM, vê boa gestão de EP

julio campos 400 curtinha   Júlio Campos (foto), uma das lideranças históricas do DEM, foi "apertado" nesta sexta, em entrevista a Antero de Barros, na rádio Capital FM, especialmente sobre o fato do ex-governador e ex-senador demonstrar simpatia e apoiar a gestão do prefeito Emanuel, enquanto outros do partido...

Empresário ensaia de novo em ROO

 luizao_curtinha400   Em Rondonópolis, o empresário Luiz Fernando de Carvalho, o Luizão, dono da Agro Ferragens Luizão, ensaia mais uma vez disputar a prefeitura. Como a sua pré-candidatura não é considerada novidade, ele é visto como uma espécie de "cavalo paraguaio", que tem arrancada...

2 governistas prontos para a briga

chico2000_curtinha400   O prefeito Emanuel tem 2 aliados de primeira hora na Câmara que não resistem a uma provocação. Tratam-se de Renivaldo Nascimento (PSDB) e Chico 2000 (foto), do PL. Sabendo do estopim curto, os vereadores de oposição, especialmente Diego e Abílio, não perdem a chance de...

Niuan agora sob rédeas do Podemos

niuan ribeiro curtinha 400   O vice-prefeito Niuan Ribeiro, agora no Podemos, se torna obrigado, conforme exigência estatutária, a contribuir com 5% dos R$ 15 mil que recebe mensalmente . Ou seja, vai ter que repassar R$ 750 para o seu novo partido. Considerado um partido com novas concepções, regras e exigências, o...

Efeito-senado e briga no ninho tucano

carlos-avalone_curtinha400   O deputado estadual Carlos Avalone não tem certeza de que o acordo pré-estabelecido para ele se tornar presidente do PSDB-MT, a partir de fevereiro, ou seja, daqui 5 meses, será cumprido. Pela costura entre a cúpula tucana, Paulo Borges renunciaria à presidência, abrindo assim...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.