Judiciário

Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2021, 18h:36 | Atualizado: 20/01/2021, 17h:39

CRIME NO ALPHAVILLE

Juíza condena garota que atirou e matou Isabele à internação, cita frieza e desamor


Atualizada às 19h52

Reprodução

Caso Isabelle

Juíza da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, Cristiane Padim, decretou nesta terça (19) a internação da adolescente que matou Isabele Ramos Guimarães, de 14 anos, em um condomínio de luxo em Cuiabá. Jovem deve ficar reclusa por 3 anos no sistema socioeducativo, conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

“Concerne a prioridade absoluta do intensivo estatal na proteção da criança e do adolescente, evidenciando o caráter pedagógico e responsabilizador da intervenção determinando em face da adolescente que ceifou a vida de sua amiga aos 14 anos em uma atuação que estampou frieza, hostilidade, desamor e desumanidade”, afirmou a magistrada em trecho da decisão

A Jovem responde por ato infracional análogo a homicídio doloso e qualificado.

Patrícia Guimarães Ramos, mãe da adolescente morta, comemorou a decisão por meio de aplicativo de mensagens. À reportagem, ela enviou uma imagem com as duas mãos unidas, que simbolizam um sinal de gratidão.

O crime

Isabele foi morta no dia 12 de julho de 2020 com um tiro na cabeça. Ela estava no banheiro da casa da família da atiradora no mesmo condomínio onde morava. Polícia Civil apurou que jovem estava no cômodo junto com Isabele com uma arma de fogo apontada para a sua cabeça e atirou a curta distância.

Investigadores concluíram que adolescente tinha consciência dos riscos de apontar a arma para a vítima e, por isso, ao menos assumiu o risco de matá-la. Delegado da Delegacia Especializada do Adolescente, Wagner Bassi, afirmou que jovem tinha conhecimento técnico para manusear uma arma por treinar tiro com o pai.

O Ministério Público Estadual (MPE) acusou a amiga de matar Isabele por ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso. No início de setembro pediu a internação provisória dela.

Seis dias depois, a Justiça aceitou o pedido do MPE, ordenou a internação da menina, que não chegou a ficar nem 12 horas em internação porque a Justiça concedeu habeas corpus (HC).

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso manteve a adolescente em liberdade até a conclusão do processo.

Outro lado

O entrou em contato com a defesa da menor que foi condenada e não conseguiu contato por telefone e aplicativo de mensagens.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Zeca | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 13h09
    0
    2

    Bruce, o que mais tem no Brasil é menor matando para roubar e, a mãe vai na delegacia, assina um termo e o leva para casa. No outro dia está nas ruas aprontando de novo e não fica preso por que é menor de idade. Por que essa menina ir para a cadeia, se o caso aconteceu dentro casa dela, por acaso, sem intenção de matar?

  • Bruce | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 07h10
    6
    2

    Na maior frieza , pai e filha ficavam postando fotos no clube de e tiro, praticamente zombando de tudo que fizeram. O pai postando fotos tomando cerveja, rindo, na maior frieza. A pisteira assassina, vai ficar presa. Nem que seja por período curto, mas ficar presa. Se sair, depois será presa novamente. Eterna assassina, fria, má, egoísta, mimada, covarde!

Efeito-Covid adia vinda de Michelle

michelle bolsonaro A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, e a secretária da Mulher, Luciana Zamproni, resolveram transferir para abril a agenda de 11 de março que teria como convidada a secretária nacional de Mulheres, do Ministério dos Direitos Humanos, Cristiane Britto e a primeira-dama do Brasil Michelle...

Governador entre a cruz e a espada

mauro mendes curtinha   Às vésperas da pandemia completar 1 ano em MT, o Estado vive o seu pior momento e o governador Mauro Mendes (foto) enfrenta uma verdadeira prova de fogo: liderar ações coordenadas em todo o território mato-grossense para evitar que o Estado viva cenas parecidas com as de Manaus e de Estados...

Câmara volta a realizar 2 sessões

juca 400 curtinha   A Câmara de Cuiabá, sob a presidência do vereador Juca do Guaraná Filho (foto), volta a realizar duas sessões semanais, nas terças e quintas. Por conta da pandemia, as sessões serão remotas. A resolução foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares que vinham...

Coronel linha dura morre ao 91 anos

Coronel Abid 400   Morreu   em Campo Grande (MS), aos 91 anos,  o coronel da PM aposentado Adib Massad (foto), considerado  um dos principais nomes  da Segurança Pública de Mato Grosso na década de 1970. À época, ainda com a patente de  tenente, foi comandante regional...

Mauro e vitórias na briga de decretos

orlando perri 400 curtinha   A estratégia do governador Mauro Mendes de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro,...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...