Legislativo

Quarta-Feira, 03 de Março de 2021, 10h:25 | Atualizado: 03/03/2021, 16h:21

SAÚDE CAÓTICA

Governo Bolsonaro foi incompetente e vacina virou jogo político, diz Jayme

Rodinei Crescêncio

Jayme Campos

 

Com quase de 260 mil mortos devido à Covid-19, o país enfrenta o pior momento desde o início dos casos. Sem vacinas suficientes para imunizar a população, o senador Jayme Campos (DEM) fez duras críticas ao governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Citando a conduta do próprio presidente como imprópria, Jayme elogiou dois rivais de Bolsonaro: o ex-ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta e o governador de São Paulo João Dória (PSDB).

O próprio presidente da república sempre contestou, achou que não tinha que ter distanciamento social, não tinha que usar máscara, que tinha que usar ivecmectina e deu no que deu

Jayme Campos

“Desrespeitaram todas as regras possíveis que só os menos esclarecidos não entendiam e o próprio presidente da república sempre contestou, achou que não tinha que ter distanciamento social, não tinha que usar máscara, que tinha que usar ivecmectina e deu no que deu. Estamos com o sistema de saúde estrangulado e chegamos a exaustão”, disparou o senador em entrevista à Rádio CBN, nesta terça (2).

A troca de três ministros da saúde em menos de um ano por terem discordado de Bolsonaro na condução da crise, segundo Jayme, gerou insegurança. Ele ainda detonou o atual titular da pasta, Eduardo Pazuello, que não deveria ter assumido o cargo.

“O Pazuello pode ser competente lá no Exército, não para ser ministro da saúde .Qual o conhecimento da ciência? Não tem conhecimento. Ele não estava preparado para ser ministro. É inconcebível em pleno século XXI acontecer o que aconteceu em Manaus com a falta de oxigênio”.

Classificou o momento atual como “trágico” e que, mesmo sem preparo de nenhum país para a pandemia, “houve descuido por parte das autoridades, inclusive do Governo Federal, que, de uma forma irresponsável, não teve planejamento. O ministro Mandetta, já tinha rezado a missa que deveria respeitar a ciência, era uma pandemia, mas não deram muita atenção acharam que ele queria se auto promover”.

Vacina virou jogo político para Bolsonaro

Sobre a vacinação, Jayme já havia reclamado que teve morosidade do governo federal e aproveitou para alfinetar o presidente que teria se preocupado mais com sua reeleição do que com a busca pelo imunizante.

“Vacina virou jogo político, o presidente antecipou as eleições e bateu de frente com João Dória que se preocupou sim, com antecedência, haja vista que o governo de São Paulo ajudou na aquisição dos insumos para produzir a vacina no Butantã, faltou investimento”, finalizou.

Postar um novo comentário

Comentários (21)

  • Mara Penha | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 13h24
    0
    0

    Chico Bento é analfabeto funcional e puxa saco do Bolsonaro. 270 mil mortes culpa do Bolsonaro que fica passeando de jet ski em SANTA CATARINA.

  • Mara | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 12h35
    0
    1

    QUEM FALANDO DE INCOMPETÊNCIA POR FAVOR NOBRE POLITICO, LIMITE-SE A SUA FUNÇÃO POLITICA, DIGA-SE DE PASSAGEM QUE DEIXA MUITO A DESEJAR.

  • APOLINARIO GETIL USKNOV | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 11h54
    0
    1

    COMPETENTE e esse Senador, onde seu munícipio sem INSULINA nos postos de saúde a quase trinta dias. CADE O MP? Que fica se imiscuindo diuturnamente em assuntos da COVID? Será que nao estão sabendo ou estão fazendo de conta que não sabem? Ou estão faze4ndo de conta que diabético sem insulina não morre. Morre sim mas devagar, antes de morrer fica cego, amputado, cardíaco etc.

  • Chico Bento | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 10h01
    1
    1

    Dirceu Carlino, cite o nome de uma pessoa que Bolsonaro matou, pelo menos. Deixa de ser idiota rapaz, vc não sabe o significado da palavra genocida. É um analfabeto que joga palavras ao vento sem saber o que está dizendo. Lucas, outro analfabeto, somos o primeiro país no mundo com maior percentagem de cura da COVID-19. Vá a uma escola do EJA e aprenda a ler antes de falar mentiras nos comentários.

  • Ralf | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 08h37
    4
    1

    Porque este cidadão não cobra do estado os hospitais de campanha, faz um ano desta pandemia e nada de estrutura o sistema de saude, cade os respiradores, cade mais leitos, um ano atras estavam todos cobrando e nada foi feito dos hospitais de campanha. Para quem pega a doença e vai tratar em SP nos melhores hospitais particulares de la pra que se preocupar com o pobre né.

  • Adolfo | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 08h24
    4
    1

    Ele fala isso da boca pra fora aqui, para os eleitores analfabetos dele. Em brasília é mansinho mansinho.

  • marcos | Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 08h12
    1
    3

    eu votei em bolsonaro , mas acho que nesse aspecto ele falhou,mas não esquece djaime que o supremo proibiu o bozo de ajudar os estado, o sro. te mque saber disso mas qq coisinha os contras pt e outor partidos de esquerda quer derrubar o presidente, esquecem que o pt e compania tiveram 14 anos fora os outros partidos para organizar o brasil e nao fizeram, digo 14 anos não são 14 meses. criticas te mque ter mais com fundamentos. --alias djaime, e a agua pra varzea grande? larga de mimimi dando desculpas, com bolso cheio, agora quer curtir com a cara dos vazeagrandenses?

  • Pereira | Quarta-Feira, 03 de Março de 2021, 19h14
    10
    6

    tem toda razão senador, se fosse por vontade do Presidente Bozobosta o Brasil já teria passado 1 milhão de mortos

  • Lucas | Quarta-Feira, 03 de Março de 2021, 19h03
    11
    8

    Os Bolsonarista, maioria analfabetos, se informam via rede sociais, odeiam criticas ao Deus (BOZO) deles, mas Jaime esta corretíssimo. Somos o 2º país em mortes no mundo por Covid e tendência é logo ultrapassar EUA, por pura incompetência do BOZO. E o pior, quem esta morrendo é a maioria dos coitados Bolsonaristas, negacionista.

  • ROBERTO RENATO | Quarta-Feira, 03 de Março de 2021, 16h57
    2
    2

    ROBERTO RENATO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...

Pilha em Jayme pra disputar o Governo

jayme campos 400   Mesmo sabendo que Jayme Campos (foto) não entra em disputa onde percebe dificuldades para vencê-la e militando no mesmo partido de Mauro Mendes, o DEM, algumas lideranças políticas têm instigado o senador a se lançar ao governo estadual. Para tentar convencer Jayme, lançam...

Scheila assume APDM e cita projetos

scheila pedroso 400   Esposa do prefeito sinopense Roberto Dorner, Scheila Pedroso (foto), primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social, passa a tocar, pelos próximos dois anos, a Associação para o Desenvolvimento Social dos Municípios de MT (APDM/MT). Ela promete juntar força com os...