RAIO-X DA EDUCAÇÃO

Sexta-Feira, 14 de Março de 2014, 07h:05 | Atualizado: 14/03/2014, 08h:49

Maior dificuldade rede privada em MT é alta carga tributária, diz Sinepe


Reportagem Especial

Carlos Chinaglia

rede_particular

 450 unidades particulares estão espalhadas por MT e atendem 70 mil alunos

O Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino de Mato Grosso (Sinepe), responsável por defender os interesses das empresas particulares de educação, apresenta dados de que no Estado há cerca de 70 mil alunos em escolas particulares espalhados em 450 instituições. Deste número, 25 mil são estudantes de universidades particulares em Cuiabá. De acordo com Gelson Menegatti Filho, presidente do Sinepe, a entidade engloba instituições de todas as esferas da educação: infantil, básico, graduação e pós, e livre - categoria na qual se encaixam escolas de línguas, preparatórias para concursos e provas. Atualmente há 140 filiadas ao sindicato.

A maior dificuldade que o setor encontra, segundo Gelson, é a alta carga tributária municipal. Em Cuiabá, por exemplo, as escolas particulares precisam pagar 5% de ISS. “Para se ter uma comparação, as empresas de cartão de crédito pagam apenas 2,5%. O nosso setor emprega muito mais funcionários e gente do próprio Estado”, destaca. Ele ainda comenta que quando acontece redução, o Sinepe transforma o valor economizado em bolsas de estudo. “Outros ramos nem fazem isso e têm carga menor. Por que a gente deveria pagar mais se beneficia a população?”.

.

gelson - sindicato

 Presidente do Sinepe Gelson Menegatti 

O presidente ressalta que Mato Grosso tem uma demanda muito grande de instituições de educação privadas, mas que as empresas existentes atendem muito bem esta necessidade. Explica que a maior quantidade de escolas particulares é de ensino infantil e o número de creches está subindo muito. “Isso aconteceu por causa da nova lei das domésticas, que tornou o serviço mais caro. As pessoas têm preferido deixar os filhos em escolinhas a pagar babás. Acaba sendo mais barato”, pontua.
Para Gelson, uma das maiores vantagens das escolas particulares é o fato de que elas investem em si mesmas. “Focamos principalmente em gerência. Pegamos profissionais especializados e cada um tem o seu papel. Professor é professor, administrador é administrador. E isso é refletido no ensino”. Devido a esta situação, o presidente expõe que há muitos colégios no Estado com destaque nacional em olimpíadas escolares.

Sinepe

O Sinepe existe em Cuiabá desde 1985, mas inicialmente era uma associação das escolas particulares. Gelson é o atual presidente e sindicalizado há mais de 15 anos, então conhece bem a realidade do mercado. Seu maior objetivo é representar a categoria econômica patronal da educação. 

Galeria de Fotos

Credito: Davi Valle
Credito: Davi Valle
Credito: Davi Valle

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

Empolgado e já morando em VG

emanuelzinho 400   O deputado federal Emanuelzinho (foto), do PTB, está tão empolgado com a possibilidade de concorrer a prefeito de Várzea Grande que não só transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para o município vizinho, ainda no ano passado, como também alugou um apartamento...

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.