Blog do Romilson Cuiabá, 20 de Abril DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Após eleições, PMDB tem maior força política; PSDB administrará 38 prefeituras

Por 29/12/2016, 10h:08 - Atualizado: 01/01/2017, 21h:50

selo_retrospectiva2016

Embalado pela filiação do governador Pedro Taques no PSDB, a sigla tucana conseguiu filiar muitas lideranças e, com isso, se tornar o partido que elegeu mais prefeitos em 2016, em Mato Grosso, saindo da lista de partidos que menos comandam municípios para o rol de legendas com maior representatividade. Feito similar ocorreu na época em que a legenda também estava à frente do Paiaguás, com Dante de Oliveira (falecido).

Em 2012, o partido contava com apenas quatro prefeituras, mas conseguiu dar um salto e administrará 38 cidades a partir de 1º de janeiro. Ou seja, 27,1% das prefeituras do Estado serão tucanas, entre elas Cáceres com Francis Maris, que em 2012 foi eleito pelo PMDB, mas migrou e foi reeleito, e a de Sorriso, com Ari Lafin.

Apesar disso, o PMDB, oposição ao governo, que embora tenha caído em relação a 2012, conseguiu emplacar 15 prefeituras, incluindo Cuiabá, mantendo-se entre as legendas que mais comandam cidades no Estado. Algumas delas estratégicas como é o caso de Cuiabá, com Emanuel Pinheiro, Barra do Garças (Araguaia), com Beto Farias; Tangará da Serra (Médio-Norte), com Fábio Junqueira; Alta Floresta (Nortão), sob Asiel Bezerra; e Matupá, com Valtinho Miotto - reduto do ex-governador Silval Barbosa, preso. Assim, deve utilizar essa força para auxiliar o grupo do qual fazem parte a retomar o poder estadual em 2018. 

Reprodução

leitao_favaro_bezerra.jpg

Líderes do PSDB Nilson Leitão, do PSD vice-governador Carlos Fávaro e do PMDB Carlos Bezerra

Juntas, a cidades administradas pela sigla peemedebista somam 636,3 mil eleitores, 28% do eleitorado do Estado. Já o PSDB, apesar do número maior de cidades, juntas somam 392,1 mil eleitores, o que representa 17,2%.

Na contramão disso, o PSD de Carlos Fávaro, vice-governador, encolheu. De 39 prefeituras comandadas na época em que o ex-deputado José Riva era o líder do partido, passará a administrar 23. Água Boa com Maurão, Campo Novo do Parecis com Rafael Machado e Lucas do Rio Verde com Luiz Binotti, que desbancou o atual prefeito Otaviano Pivetta, estão entre as principais cidades.

Praticamente empatado com o PSD na correlação de forças políticas está o DEM, com 8 prefeitos, com destaque para Lucimar Campos, em Várzea Grande. Os democratas administrarão municípios com 236,5 mil eleitores (10,4%), mesmo universo do PSD.

O PSB aparece com outras 15 prefeituras, entre elas Luciane Bezerra, em Juara, e Fabio Schroeter, que comandará Campo Verde.

Maior força política do Estado, PMDB conduzirá 4 das 11 maiores; PSDB, 2

Postar um novo comentário

INFIDELIDADE PARTIDÁRIA

Pra se salvar, Cattani cita BO, arrola 6 testemunhas e quer ação extinta

Por 19/04/2021, 18h:48 - Atualizado: 09h atrás

gilberto cattani 680

Em sua contestação ao pedido de cassação do mandato por infidelidade partidária, o recém-empossado deputado Gilberto Cattani alega que o suplente Emilio Populo, que pleiteia a cadeira, ajuizou ação antes do prazo estabelecido, o que contraria a norma eleitoral.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Jorge | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 19h32
    4
    0

    Vou torcer para ele se candidatar.vamos livrar desse q só nós faz vergonha. Quero também q o barbudo tente se reeleger, terrenos dois a menos. Foi o que aconteceu com o deputado do mikei graças a Deus

RUMO AO SENADO

Só apoio de Bolsonaro não elege Medeiros

Por 19/04/2021, 14h:20 - Atualizado: 19/04/2021, 14h:22

jos� medeiros 680

Num Estado em que a principal engrenagem que puxa a economia é o agronegócio, apenas o apoio político de Bolsonaro não será suficiente para eleger José Medeiros senador nas urnas do próximo ano, mesmo com boa parte do eleitorado considerado conservador e inclinado às ideologias de direita.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • SEBASTIÃO BENILDO RCOHA | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 20h30
    6
    2

    Não é todo dia que acefalia substitui cerebro pensante e estrutura. fALA BOBAGEM DEMAIS, NÃO TEM PROJETO NEM PROPOSTA PRA SOCIEDADE. BABA OVO NÃO CRIA IMGAGEM PROPRIA.

  • Citizenship | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 19h48
    3
    1

    A regra de proibição de coligações partidárias em eleições parlamentares produz efeitos interessantes. Deputado federal de um partido pequeno parece vislumbrar um cenário de não reeleição e então discute uma candidatura majoritária, a senador. Será que este é o motivo?

  • Moisés | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 19h16
    1
    7

    Sempre desmerecendo o deputado federal José Medeiros, medem ele pelo que ele tem financeiramente e não pelo que ele é. Erraram feio quando ele saiu candidato a deputado federal, falavam que ele não se elegeria, se fosse eleito seria porque seria puxado e, Medeiros foi eleito e segundo mais votado no estado, Medeiros tem serviço prestado ao estado de Mato Grosso e aos municípios e não se misturou a grupos de políticos que tem práticas não republicanas! Medeiros tem todas credenciais para disputar o cargo de senador ou governador em 2022 sim!

RUMO À ASSEMBLEIA

Principais pré-candidatos a deputado pelo Araguaia saiba

Por 19/04/2021, 07h:19 - Atualizado: 19/04/2021, 09h:07

baiano filho 680

A região do Araguaia, com 35 municípios e cerca de 300 mil eleitores e que hoje só tem um representante entre 24 deputados, o médico Eugênio de Paiva, de Água Boa, já contabiliza ao menos 15 pretensos candidatos à Assembleia.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Regina Mendes | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 13h24
    1
    0

    O Engenheiro Nakamoto vai ter muitos apoios nesta região, mesmo sendo de outra!

  • Gonçalves | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 11h35
    1
    10

    Eu sou de São Félix do Araguaia e faço política em Luciara, Santa Terezinha, Vila Rica e outros Município e esses nomes são fracos e com pouca chance de serem eleitos, por isso o Grupo do DEM prefere votar no ex Governador Júlio Campos que será Deputado Estadual e será eleito e não em alguém que não tem chance de ganhar. Nos vamos de Júlio 2525.

  • Araguaia | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 09h11
    10
    0

    Nenhum merece ser eleito são todos farinha do mesmo saco, sou do araguaia digo e afirmo que todos os deputados que sairá da região envergonhou nossa gente, se pensarmos bem não devemos eleger ninguém dessa turma. Eles São eleitos para representar o governo e não o povo.

REPASSES FEDERAIS

Bolsonaro cita verbas "robustas" para MT; senador pede informações

Por 18/04/2021, 14h:39 - Atualizado: 18/04/2021, 14h:39

jair bolsonaro 680

O Governo Bolsonaro, que ainda não abriu o orçamento deste ano, tem feito propaganda de números robustos de repasses em 2020 para Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Pedrão | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 16h58
    2
    0

    É impressionante que expressiva parcela de evangélicos esteja "fechada com bolsonaro". Como acendem uma vela a Deus e outra ao diabo? O cabra já deu mostras, inúmeras vezes, de que não veio pra compor, mas para segregar. Só governa (sic) para sua base, e suas políticas principais são voltadas para a extinção das minorias - e de todos a quem elegeu como inimigos. Como o crente "é de Deus" e apoia um troço desses??

  • Jorge | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 11h07
    2
    0

    Diva, ignorância também tem limites. Lembrando que, segundo o teu mito, você nasceu de uma fraquejada. Não é que ele tem razão? Pelo teu comentário, você está com capim no lugar do cérebro.

  • rico | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 10h08
    5
    1

    Aqui na VG o dinheiro foi gasto nas pracinhas, na Orla do Porto , Parque Berneck e eleição

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Cáceres gasta quase R$ 500 mil na compra de 5.460 cestas básicas

Por 18/04/2021, 07h:58 - Atualizado: 18/04/2021, 08h:03

fabiola campos caceres 680

A prefeitura de Cáceres, sob Eliene Liberato, vai comprar 5.460 cestas básicas para distribuir gratuitamente a famílias em vulnerabilidade socioeconômica neste período de pandemia.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Pedrão | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 17h29
    0
    0

    Ô dona Sônia Campos, não fossem as (poucas) políticas adotadas pelo prefeito anterior, teríamos um número de mortos muito mais assustador. As parcas medidas restritivas atrapalharam os negócios, mas pouparam vidas. A economia só vai reagir após a vacina, coisa que o seu presidente ainda não aceitou.

  • Sandra Furlan | Domingo, 18 de Abril de 2021, 19h40
    2
    0

    Qual é a estratégia do ser,ou melhor ,qual foi a estratégia no início da pandemia,acorda povo.

  • Victor | Domingo, 18 de Abril de 2021, 18h12
    4
    1

    Se não fosse a PM e o Rotary com suas ações sociais a população estaria passando fome.

MODAL DE TRANSPORTE

A luta ignorada de Vuolo pra ressuscitar VLT

Por 17/04/2021, 14h:07 - Atualizado: 17/04/2021, 14h:09

vicente vuolo 680

Mesmo com a decisão oficial do governador Mauro Mendes de enterrar de vez a ideia de retomar as obras do VLT e, sim, de implantar o BRT na Região Metropolitana, o servidor do Senado, Vicente Vuolo, segue na luta incansável, desgastante e isolada de ressuscitar o tal metrô de superfície.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Hernan Escudero | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021, 09h51
    1
    0

    Discordo q esteja sendo ignorado!, pois muitos de nos cuiabanos e varzeagrandenses! Estamos tda aguardando o posicionamento do MpF e a da Justica federal

  • Hernan Escudero | Domingo, 18 de Abril de 2021, 20h59
    1
    0

    Discordo q esteja sendo ignorado!, pois muitos de nos cuiabanos e varzeagrandenses! Estamos tda aguardando o posicionamento do MpF e a da Justica federal

  • João Vicente Latorraca | Domingo, 18 de Abril de 2021, 16h16
    1
    1

    A decisão do governador não teve e nunca terá respaldo técnico. Se tivesse, a viabilidade do VLT estaria estampada. Ele sabe disso. Isso é fortemente sustentado pelo fato dele correr do debate. Assume uma postura autoritária para tentar provar a eficácia de suas decisões. Não é difícil imaginar os motivos para ele querer o BRT. Tirem suas conclusões. Parabéns Vicente, sua luta não será em vão. Força 💪

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2695