Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

34 prefeitos de MT conseguem se reeleger; caciques são derrotados em cidades-polo

Por 30/12/2016, 09h:49 - Atualizado: 01/01/2017, 21h:50

selo_retrospectiva2016

Do total de 141 municípios de Mato Grosso, em 34 os atuais prefeitos conseguiram se reeleger para o próximo mandato. O número equivale a uma manutenção de 24,1% dos chefes dos Executivos municipais. No entanto, nas principais cidades pólos, a situação ficou dividida.

Em Lucas do Rio Verde, por exemplo, foi onde ocorreu uma das grandes surpresas. Otaviano Pivetta (PSB), que buscava a reeleição, foi derrotado pelo produtor rural Luiz Binotti (PSD), aliado do vice-governador Carlos Fávaro (PSD). Impugnado, Pivetta chegou a atingir 49,58% dos votos, correspondentes a 14,1 mil eleitores. Binotti, por sua vez, obteve nas urnas 14,4 mil votos.

Já em Rondonópolis, o deputado estadual Zé do Pátio (Solidariedade), praticamente sozinho e em uma campanha franciscana, derrotou grupos de caciques como Carlos Bezerra (PMDB) e Wellington Fagundes (PR), Blairo Maggi (PP) e Adilton Sachetti (PSB), que apoiavam as candidaturas do prefeito Percival Muniz (PPS) e Rogério Salles (PSDB). O parlamentar recebeu mais de 39,3 mil votos para administrar o terceiro maior colégio eleitoral do Estado pelos próximos quatro anos.

.

pivetta_percival.jpg

 A derrota de Otaviano Pivetta e Percival Muniz nas urnas foi uma surpresa no pleito eleitoral de 2016

Em Sorriso, o candidato do PSDB, Ari Lafin, foi o vencedor na corrida eleitoral para prefeito. Com pouco mais de 21 mil votos, o que corresponde a 54,14% do eleitorado, ele derrotou Dilceu Rossato (PSB), que buscava a reeleição, mas obteve 17,5 mil votos, equivalente a 45,23% do total. Lafin contou com o apoio do deputado estadual Zé Domingos Fraga (PSD) e do governador Pedro Taques.

Por outro lado, nas cidades de Barra do Garças e Tangará da Serra não houve surpresas e os atuais prefeitos conquistaram a reeleição. Em Barra, Roberto Farias (PMDB) foi reeleito com 72,3% dos votos. Já em Tangará, mesmo sob forte desgaste, Fábio Junqueira (PMDB) retomou o poder com 39,2% dos votos apurados.

Embates judiciais

Uma das cidades onde o cenário ainda não está definido é Primavera do Leste. Lá, Getúlio Viana (PR), que ficou com 64,18% dos votos, foi considerado inelegível em razão da rejeição das contas pela Câmara de Primavera e por uma condenação de improbidade administrativa, proferida pelo Tribunal de Justiça. O problema é que a nova legislação determina que se o candidato indeferido obtiver mais de 50% dos votos, uma nova eleição deve ser realizada. Enquanto a situação não é resolvida, as articulações para a escolha do novo presidente da Câmara e, consequentemente, novo gestor do município, ganham força.

Três brigam pela presidência da Câmara de olho no comando tampão de Primavera

Já em Mirassol D'Oeste, o então candidato Elias Leal (PSD) foi o mais votado, mas foi indeferido e está com recurso. Elias recebeu 7.830 votos, o que representa 56,13% do eleitorado. No sistema do TRE, aparece como eleito Dr. Jeferson (PSDB), que conseguiu 6.121 votos, mas não pode assumir em razão do baixo percentual atingido. Assim, se Elias não conseguir reverter a situação, haverá nova eleição na cidade.

A mesma situação ocorre em Alto Taquari, onde deve ser feito novo pleito. Isso porque o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o recurso de candidatura do prefeito eleito de Alto Taquari, Lairto Sperandio (DEM). Há imbróglio também em Conquista D'Oeste que teve dois candidatos a prefeito impugnados - Walmir Guse (PSDB) e Fabio Herbert (PPS). 

Em Torixoréu, a prefeita eleita, Inês Moraes Mesquita Coelho, e o vice-prefeito eleito, Ademilson Pereira de Queiroz, precisaram recorrer ao TRE para garantir, por meio de medida cautelar, o direito de ser diplomada. Embora tenha sido vencedora do pleito, ela não pode comemorar a vitória pelo fato do seu registro ter sido indeferido pelo juiz Wagner Plaza sob alegação de que o marido da candidata, o ex-prefeito Odoni Coelho deveria ter se afastado do cargo seis meses antes das eleições.

Quatro cidades não terão posse de prefeito dia 1º

Mulheres

Neste pleito, esposas de vários políticos de carreira resolveram se testar nas urnas como forma de ampliar o espaço político ou manter o poder. Das 15 mulheres que tomam posse em janeiro como prefeitas, quatro são esposas de ex-prefeitos. Entre elas está a ex-parlamentar Luciane Bezerra, eleita em Juara, esposa do deputado estadual Oscar Bezerra (PSB).

Outras 10 políticas que têm os maridos na lista de ex-administradores tentaram o teste nas urnas, mas foram reprovadas, inclusive, três que já exercem mandato de chefes do Executivo, sendo elas Jane Rocha (PSD) e as tucanas Rose Nervi (Cotriguaçu) e Marlise Moraes (Comodoro).

10 esposas de ex-prefeitos são derrotadas

Postar um novo comentário

ACORDÃO

Gisela no PDT para apoiar Pivetta ao Senado e ser apoiada à prefeita

Por 23/02/2020, 18h:15 - Atualizado: 36min atrás

gisela simona 680

A suplente de deputada federal Gisela Simona confirmou para Nilson Leitão (PSDB) a intenção de trocar o Pros pelo PDT.

Postar um novo comentário

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Um cacique descarta apoiar o outro

Por 23/02/2020, 08h:30 - Atualizado: 22/02/2020, 19h:40

Rodinei Crescêncio/Rdnews/arquivo

julio campos 680

Conversando com todos os grupos, inclusive com possíveis adversários nas urnas de 26 de abril para o Senado, Júlio Campos sentou-se à mesa com Carlos Bezerra, que comanda o MDB-MT com mão de ferro.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • João Santos Neto | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 14h21
    1
    0

    Não é verdade, estou acompanhando diariamente uma sua movimentação politica o futuro Senador Julio Campos, e o unico encontro queo Dr Julio teve com o Dep. Bezerra, foi no dia da sua oficialização como candidato na ante-sala do Gabinete do Governador, e cordialmente marcaram uma conversa partidaria para depois do carnaval, tres unicos partidos com quem o pre-candidato do DEM vem conversando sempre é o PP (Nery Geller e Blairo), o PSDB ( Leitão e Avalone),e o PSB do Deputado Max, do MDB apenas tem conversado com o Prefeito Emanuel Pinheiro, que integra o frente pról Baixada Cuiabana. Esta noticia não é verdadeira.

CONVITE

Desconfortável no DEM, Mauro namora novo partido de Bolsonaro

Por 22/02/2020, 15h:00 - Atualizado: 23/02/2020, 09h:12

mauro mendes rodrigo maia 680

Governador Mauro Mendes e o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, que o vem "segurando" no DEM

Mauro Mendes voltou a ser convidado para comandar o Aliança em Mato Grosso. O partido está sendo criado pelo presidente Bolsonaro.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Francismar | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 14h26
    2
    1

    Nós da ALIANÇA futuro Partido do Presidente Jair Bolsonaro, quero AVISAR antecipadamente o cidadão Mauro Mendes Ferreira, e sua equipe de Governo (secretário,diretores e assesores dos orgão), que estão VETADOS a ingressar em nossa Legenda, que quer ser limpa, honesta, e de bem como os empresários,servidores publicos e o povo simples de Mato Grosso, pois fiquem em seus partidos atuais, DEM,PSD,MDB,PP,PDT,PSC,PSB, e tambem Nelson Barbudo.

  • Flávio | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 11h47
    1
    0

    A família campo$ tem o DEM como se fosse da sua propriedade, essa é a verdade.

  • pedro vasconcelos | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 07h47
    7
    1

    mauro mendes quer colocar cabresto nos filiados mas nos campos ele caiu do cavalo, mauro não é politico age como se tivesse em uma empresa, e não é bem assim, chegando a politica eleiçoes o bicho pega, ainda mais com os 14% tirados dos servidores ativos inativos... tem que ir atras de quem furtou a previdencia depois do saudoso DANTE, pq foi de pois do governo dante que a previdencia faliu.

LIGAÇÕES DE VIDA

Ex-deputado diz que PSL nasceu doente e que se casou donzelo veja

Por 22/02/2020, 10h:15 - Atualizado: 22/02/2020, 16h:11

victorio galli 680

O ex-federal Victorio Galli, evangélico da Assembleia de Deus, disse que a melhor camisinha para se prevenir de doenças é abster-se do sexo.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • naldo | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 10h58
    0
    3

    Este é um zero à esquerda.... Quer mídia para sua igreja!

NEGOCIATAS NA SINFRA

Empresário delata no MPF e compromete em cheio deputado

Por 21/02/2020, 19h:45 - Atualizado: 22/02/2020, 10h:25

carlos avalone 680

O empresário Pierre François Amaral fechou acordo de delação junto ao MPF. E compromete em cheio o deputado Carlos Avalone (PSDB) em negociata milionária, passando pela Sinfra, pelas mãos do então secretário-adjunto da Valdísio Viriato, no Governo Silval.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Angelo | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 13h53
    0
    1

    Gostaria muito de ver esse Avalone na cadeia !

  • Edson | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 13h24
    6
    1

    Quanto tempo precisa para trancafiar esse pessoal? Parece que os processos não têm fim e a impunidade sempre acaba prevalecendo.

  • Reginaldo Pinheiro | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 11h53
    4
    1

    Via de regra, onde tiver muito dinheiro público sempre teve corrupção, a boa nova é que, da lava jato para cá, os órgãos de controle e a sociedade está mais vigilante...Continuemos assim.

Articulação

Leitão busca convencer adversários a recuar da disputa para senador

Por 21/02/2020, 16h:25 - Atualizado: 21/02/2020, 16h:45

Gilberto Leite

Leit�o-680-blog

O ex-deputado federal Nilson Leitão, que se articula para disputar a eleição suplementar ao Senado com aval das cúpulas Estadual e Nacional do PSDB,  está atuando nos bastidores para convencer outros candidatos a recuar. Com domicílio eleitoral em Sinop, o tucano argumenta que a Baixada Cuiabana e a região Sul já estão representadas  com  Jayme Campos (DEM)  e Wellington Fagundes (PL) e por isso, o Nortão precisa ocupar um das três cadeiras de senador por Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Hernane | Sábado, 22 de Fevereiro de 2020, 20h45
    2
    0

    Esse cara não tá com nada e pousa de estrela de 1° grandeza da politica de MT. Mal consegue ser Vereador em Sinop, pois se quiser ser Prefeito, perde para o Juarez Costa de 3 por 1, então no maximo vai conseguir uma Suplencia de Senador.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2496