Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Abril DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RETROSPECTIVA-2009

Militares e políticos foram parar na cadeia

01/01/2010, 07h:00 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

   Políticos, empreiteiros e servidores de prestígio das administrações Wilson Santos e Murilo Domingos foram parar atrás das grades em 2009. Onze pessoas ficaram presas por uma semana com a Operação Pacenas, deflagrada em 10 de agosto, para apurar possíveis fraudes nas licitações das obras do PAC em Cuiabá e Várzea Grande. Militares ligados à gestão Blairo Maggi também acabaram presos, desta vez com a deflagração da Operação Pluma, sob acusação de cometerem crimes de grilagem de terras na região do Vale do Araguaia. Em outra operação, apelidada de Bengala, servidores do INSS passaram à condição de suspeitos de fraudes no esquema de concessão de licenças médicas.

   Na Pacenas, o então procurador-geral José Antônio Rosa foi um dos presos. Teve que pedir exoneração. Foi enquadrado como um dos suspeitos de fraudes nas licitações do PAC. As primeiras suspeitas da PF surgiram em agosto de 2007, quando o TCU apontou existência de cláusulas restritivas nos certames que, no entendimento do MPF, direcionariam o processo para a escolha do Consórcio Cuiabano, composto pelas construtoras Três Irmãos, Gemini, Concremax, Encomind e Lúmen Engenharia. Sócio-proprietário da Três Irmãos, o ex-secretário do governo Dante de Oliveira e primeiro suplente do PSDB na Assembleia, Carlos Avalone, foi preso junto com o irmão Marcelo Avalone.

   O ex-prefeito de Cuiabá Anildo Lima Barros também foi parar atrás das grades, assim como o proprietário da Concremax, Jorge Pires de Miranda, e o ex-presidente do Sinduscon-MT, Luiz Carlos Richer. Em meio aos recursos e brigas jurídicas, os 11 acusados foram libertados e, por último, todo o inquérito arquivado. Acontece que as gravações de escutas telefônicas feitas pela Polícia Federal e que serviram de provas para a decisão judicial de quebra de sigilos, de bloqueios de bens e de recursos e das prisões, foram consideradas nulas.

   Já na Operação Pluma, foram presos o ex-comandante da PM, coronel da reserva Adaildon Evaristo de Moraes Costa, o também coronel Elierson Metello de Siqueira, o sub-tenente Adalberto da Cunha de Oliveira, os capitães Robson Oliveira Curi e Antônio de Moura Neto e o major Wlamir Luis da Gama Figueiredo. A denúncia do MPF aponta que a quadrilha era chefiada por Gilberto Luiz de Rezende, com ajuda de Adário Carneiro Filho. A denúncia aponta que eles extorquiam dinheiro de fazendeiros em troca de segurança privada, que incluía violência física, psicológica, ameaça e até mortes contra sem-terra. Eles também teriam invadido áreas ao custo de até R$ 150 mil cada.


Operação Pacenas "desgraçou" a vida dos empresários Carlos Avalone e Jorge Pires, do advogado José Rosa e do ex-prefeito Anildo Lima (à esq.), enquanto a Pluma levou à cadeia os coronéis Adaildon Evaristo e Elierson Metello

Postar um novo comentário

CHANTAGEM POLÍTICA

3 vereadores de Cáceres, tentativa de cargos e agora pedido de CPI

Por 22/04/2021, 21h:34 - Atualizado: 04h atrás

vereadores marcos ribeiro, negacao e aki 680

Vereadores Marcos Ribeiro, Flávio Negação e Lacerda do Aki, em posições isoladas, defendem CPI contra prefeita

Numa ação orquestrada para tentar deixar acuada a prefeita cacerense Eliene Liberato, após tentativas frustradas de emplacar cargos na administração, três vereadores resolveram, então, propor criação da CPI de Recursos da Covid-19. Mas não tem apoio dos demais colegas.

Postar um novo comentário

RUMO À REELEIÇÃO

Mauro é candidatíssimo e 4 já entram na pré-disputa a vice

Por 22/04/2021, 17h:07 - Atualizado: 08h atrás

cidinho 680

Embora evite tocar publicamente no projeto de reeleição, ainda mais neste momento de pandemia, Mauro Mendes, que só irá se definir oficialmente em março do próximo ano, é candidatíssimo à reeleição.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Elson Oliveira | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 20h39
    4
    0

    Mauro não dá, Jaime Campos tbm não... Na atual conjuntura senador Wellington Fagundes é minha opção! Eita, rimou!! Dá até um jingle de campanha

  • Servidor público concursado | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 18h43
    14
    2

    MM será enterrado nas urnas pelos servidores públicos estaduais

  • joaoderondonopolis | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 17h32
    10
    24

    MT quer Jayme Campos governador a partir de janeiro de 2023. Jayme é imbatível.

PECUÁRIA

Virtual, megaleilão se auto-supera e comercializa mais de 25 mil animais

Por 22/04/2021, 08h:07 - Atualizado: 22/04/2021, 08h:14

mauricao tonh� 680

Conduzido por Maurício Tonhá, o Maurição, o tradicional megaleilão deste ano da Estância Bahia, realizado virtualmente por causa da pandemia, no último dia 17, superou todas as expectativas, com valores expressivos de comercialização de animais.

Postar um novo comentário

SOCORRO JURÍDICO

A sacada de um escritório-container instalado na frente do Cisc Verdão

Por 21/04/2021, 16h:48 - Atualizado: 21/04/2021, 16h:51

cristiany guirra advogada 680

Determinada a ampliar o quadro de clientes, a advogada Cristiany Guirra teve a sacada de, não só transformar um container marítimo num escritório, como instalá-lo estrategicamente em terreno de esquina com boa visibilidade e de frente para prédio que abriga a Central de Flagrantes e a Derf, no chamado Cisc Verdão, em Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Fernando Silveira | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 16h57
    4
    0

    Dr servidor, se instalarem escritórios de advocacia na frente da ALMT e do TCE, o advogado ficará milionário, viu!

  • Chico Bento | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 15h52
    2
    0

    Interessante!

  • Dr servidor | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 23h09
    23
    5

    Aguardem! EM BREVE UM 2 NOVOS PONTOS: 01 na frente da ALMT e outro ao lado do TCE

RUMO A 2022

Direita se reúne e já tem nomes articulados para Governo e Senado

Por 20/04/2021, 20h:38 - Atualizado: 20/04/2021, 20h:51

deputados direita reuniao

A um ano e seis meses das eleições gerais, a direita já se articula por candidaturas proporcionais e majoritárias em Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (29)

  • Sheik | Quinta-Feira, 22 de Abril de 2021, 02h51
    1
    0

    Minininhooo.....

  • Luciano | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 23h22
    4
    2

    Hahahahahahaha, que piada...

  • Comunista e ppkista | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 21h37
    7
    3

    Estão pedindo voto para quem, vossas excelências desavergonhadas? Não chega o que já estão fazendo com o País?

RUMO A 2022

Quem são os nomes do Araguaia na pré-disputa para deputado federal

Por 20/04/2021, 18h:48 - Atualizado: 20/04/2021, 18h:49

antonio bosaipo 680

O Grande Araguaia, com seus 35 municípios, apresenta uma "inflação" de pré-candidatos para 2022 não só a deputado estadual, mas também para federal.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Florentina da Silva | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 15h54
    0
    1

    eu vou com Japa, Nakamoto 2022

  • Bainho | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 09h17
    0
    0

    O que quer dizer Grande Araguaia? Não seria melhor dizer a grande região do Araguaia?

  • Margareth Barros | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021, 08h07
    2
    7

    Aposto no jovem Antonio Bosaipo, pra cima, tammo junto.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2697