Blog do Romilson Cuiabá, 14 de Abril DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RETROSPECTIVA-2009

MT lamenta morte de Garcia; MS ignora

01/01/2010, 07h:40 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:15


Garcia Neto foi radicalmente contra processo de divisão territorial, mas não conseguiu "segurar" surgimento de MS

 O ano em que mato-grossenses e sul-mato-grossenses retomaram a velha rivalidade por causa da disputa por uma das 12 vagas de sede dos jogos da Copa do Pantanal de 2014, também foi marcado pela morte do ex-governador José Garcia Neto. Ele comandou o Estado em 1978, antes da divisão territorial. Mato Grosso do Sul se transformou em Unidade da Federação e se separou de Mato Grosso efetivamente em 1979.

      A maior consternação com a perda de Garcia se percebeu em Mato Grosso, especialmente na Grande Cuiabá. De Mato Grosso do Sul não houve manifestação de pesar, nem mesmo do governador André Puccinelli (PMDB).Indicado pelo ex-presidente Ernesto Geisel para comandar o Estado, Garcia Neto sempre foi contra a divisão do Estado. Sustentava que seria invíavel. Ele costumava lembrar que a divisão foi feita em contraposição ao desenvolvimento tecnológico, que deu aos gestores efetivas condições de governador regiões de elevado porte geográfico, como era o caso de Mato Grosso. Também destacava que os dois Estados teriam crescido mais economicamente se não tivessem sido divididos.

   Filiado à UDN e, depois, à Arena, Garcia Neto foi nomeado para comandar Mato Grosso pelos militares em 1975 e permaneceu no cargo até 1978. Ele nasceu em Sergipe, onde se formou em Engenharia Civil e chegou a Mato Grosso em 1945. Além de ter sido governador, foi prefeito de Cuiabá e deputado federal por duas gestões. Em 20 de janeiro, os mato-grossenses acordaram com a triste notícia de falecimento do ex-governador. Morreu aos 87 anos. Teve derrame. Garcia Neto deixou a esposa e três filhos.

Postar um novo comentário

AUXÍLIO ADMINISTRATIVO

Empresa vai faturar R$ 5 mi com serviços nas unidades Ganha Tempo

Por 13/04/2021, 19h:08 - Atualizado: 05h atrás

basilio bezerra 680

O secretário Basilio Bezerra (Planejamento e Gestão) fechou um contrato milionário e sem licitação com a empresa cuiabana Stock King Terceirizações.

Postar um novo comentário

ALIANÇA MAJORITÁRIA

Para Janaina, caminho natural do MDB e a reeleição de Mauro

Por 13/04/2021, 16h:10 - Atualizado: 08h atrás

Jardel da Silva

janaina riva 680

Bem articulada e uma das principais vozes do MDB no Estado, a deputada Janaina Riva considera hoje natural o seu partido apoiar o projeto de reeleição de Mauro Mendes (DEM).

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Rafael | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 19h50
    0
    0

    Olha ela, não era pra senhorita estar preocupada com o combate a COVID? Esta preocupada com reeleição de quem está fazendo uma péssima gestão... E o povo que se dane ...

  • Rafael | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 19h19
    0
    0

    Olha ela, não era pra senhorita estar preocupada com o combate a COVID? Esta preocupada com reeleição de quem está fazendo uma péssima gestão... E o povo que se dane ...

  • Pexoto | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 17h44
    5
    1

    Está Janaina é fraquinha.

INFRAESTRUTURA

Empreiteira enrola há 5 meses para retomar obras de asfalto na MT-100

Por 12/04/2021, 20h:51 - Atualizado: 12/04/2021, 20h:53

maquinario torixoreu 680

Maquinário da construtora Destesa Engenharia e Construções, que deveria estar executando as obras de pavimentação de 18 km da MT-100, se encontra acumulando poeira e ferrugem.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Oliveira Júnior | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 14h23
    5
    2

    pura estrategia política rasteira e suja de Mauro mendes. Mandou enrolar a obra prá inaugurar ano que vem devido a reeleição.

  • Oliveira Júnior | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 12h45
    0
    1

    Oliveira Júnior, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Eleitor | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 08h17
    8
    3

    Tal demora com todos equipamentos parados no pátio e os empregados nos hotéis e em casas alugadas pela empresa e com alimentação tudo pago pela empresa. Isso deixa claro que o valor pago pelo Estado para execução dessa obra foi muito além do custo real, porque empresa nenhuma iria ficar cinco meses com todos equipamentos e homens mobilizados e ela retirando do caixa dela para pagar essas despesas sem retorno financeiro... Com a palavra o Ministério publico do Estado de Mato Grosso...

COVID-19

Assinatura de Fávaro por uma CPI ampliada contraria governador

Por 12/04/2021, 16h:40 - Atualizado: 12/04/2021, 16h:41

carlos favaro 680

Mauro Mendes não gostou nem um pouco do posicionamento de seu "aliado" político Carlos Fávaro, que, em atendimento ao Palácio do Planalto, no sentido de tirar o foco de Bolsonaro, ajudou a inflar o número de assinaturas por uma CPI da Pandemia que investigue também governadores e prefeitos.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • joaoderondonopolis | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 16h18
    0
    1

    Uai, o governador não gostou de ser investigado pela CPI da covid-19 que foi assinada pelo senador Fávaro? Acho que MM não tem motivo de temer de ser investigado. A CPI tem que investigar governadores e prefeitos, doa a quem doer.

  • joaoderondonopolis | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 16h16
    0
    1

    Uai, o governador não gostou de ser investigado pela CPI da covid-19 que foi assinada pelo senador Fávaro? Acho que MM não tem motivo de temer de ser investigado. A CPI tem que investigar governadores e prefeitos, doa a quem doer.

  • oliveira | Terça-Feira, 13 de Abril de 2021, 11h37
    2
    1

    parabéns senador a partir de agora tem meu respeito e apoio

BRIGAS INTERNAS

Um bombeiro para conter Mauro x Campos

Por 12/04/2021, 08h:31 - Atualizado: 12/04/2021, 08h:32

cesar miranda 680

Cesar Miranda, afilhado político de Jayme Campos, tem atuado como bombeiro o tempo todo para apagar os focos de incêndios entre Mauro Mendes o o grupo dos Campos.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Rafael | Segunda-Feira, 12 de Abril de 2021, 20h20
    5
    0

    Enquanto brigam por vaidade política, o povo sofrem com a COVID perdendo ente querido. .. Vão atrás de vacinas seus incompetentes.... Mato Grosso do Sul está dando baile em vacinação, enquanto MT está entre os estados que menos vacinaram...

  • Davi | Segunda-Feira, 12 de Abril de 2021, 19h51
    3
    1

    A CPI vai ser a pá de cal na reeleição do Mauro Mendes.

  • Vandir | Segunda-Feira, 12 de Abril de 2021, 18h08
    2
    1

    Esse aí atua na verdade deste o primeiro dia para não perder o emprego. Onde mesmo ele comprou o diploma de graduação?

INSTITUTO FEDERAL

Novo reitor que toma posse na 3ª já definiu equipe saiba

Por 11/04/2021, 10h:07 - Atualizado: 11/04/2021, 10h:08

julio cesar marcus taques willian de paula 680

Novo reitor Julio Cesar, o pró-reitor de Extensão, Marcus Taques, que será mantido, e o atual reitor Willian de Paula

O novo reitor Julio César dos Santos, que assume oficialmente o IFMT em solenidade em Brasília, na terça (13), já definiu a equipe que irá ajudá-lo a conduzir, pelos próximos quatro anos, uma instituição com 19 campi, cinco núcleos avançados, quase 25 mil alunos e R$ 450 milhões de orçamento.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • joaoderondonopolis | Segunda-Feira, 12 de Abril de 2021, 09h44
    4
    1

    O que sei é que o DEM vai apoiar a candidatura de EP para governador em 2022, e se EP não aceitar a candidatura, nestas alturas o DEM direcionar o apoio a outro candidato que pode ser o senador WF.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2693