COPA-2014

Sábado, 22 de Novembro de 2014, 17h:00 | Atualizado: 18/09/2015, 11h:09

Arena tem custo de R$ 200 mil mês; concessão ficará a cargo de Taques

Edson Rodrigues/Secopa

arena-pantanal-aerea.jpg

Concessão da Arena Pantanal vai ficar para o governador eleito Pedro Taques

O custo mensal da Arena Pantanal é de R$ 200 mil e o governo precisa custear tudo por não poder realizar eventos no local. Segundo o secretário da Secopa Maurício Guimarães, o "problema" só será resolvido depois que o estádio for concedido à iniciativa privada. Ele conta que toda a documentação está pronta e já foi apresentada à equipe de transição. Caberá, então, ao governador eleito Pedro Taques (PDT) avaliar se continuará com o processo de concessão ou vai operar a Arena.

O secretário ressalta que, em razão do final do mandato do governador Silval Barbosa (PMDB), foi reduzido o ritmo de eventos na Arena, principalmente pelo fato de não ter condições de realizar contratos de manutenção, como por exemplo, dos elevadores. “Hoje a Arena é deficitária em R$ 200 mil, porque não loca muito. Mas, no contexto de uso pleno ela é rentável”, esclarece.

Quanto às obras de mobilidade urbana em Cuiabá e Várzea Grande, Maurício reforça que até o final do ano Silval deve inaugurar cinco delas. Em 1º de dezembro, por exemplo, será inaugurado o Viaduto Dom Orlando Chaves, já em uso. Já o Complexo do Tijucal entre 15 a 20 de dezembro, com fase de jardinagem em andamento. 

Em relação ao VLT, Maurício é incisivo ao afirmar que o modal estará em funcionamento até o final do ano, no trecho entre a Estação VLT em frente ao Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, até o Porto em Cuiabá. O secretário ainda afirma que Taques terá a missão de finalizar o modal de transporte, os COTs (Centro Oficiais de Treinamento) e o aeroporto.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • José de Pinho | Segunda-Feira, 24 de Novembro de 2014, 10h31
    0
    0

    José de Pinho, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • José de Pinho | Segunda-Feira, 24 de Novembro de 2014, 09h34
    0
    0

    José de Pinho, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Tobias de Aguiar | Domingo, 23 de Novembro de 2014, 23h15
    2
    0

    Incompetente, sua administração a frente da SECOPA é um verdadeiro fracasso. As palavras ditas pelo Theo José definem bem o que é a cara d a ARENA PANTANAL que é um fiel retrato do seu trablaho. Eu espero sinceramente que o Senhor Secretário seja responabizado por todos os asdiamentos, os remendos, as obras interditadas. Ainda vou vê-lo prestando contas no Ministério Público. O senhor alem de arrogante é uma nulidade político-administrativa. Qualquer uma que estivesse na sua´posição, com o mínimo de seriedade teria sio eleito deputado estadual ou federal. Mas você não é de todo, o grande culpado. Pior, foi que o nomeou para essa pasta. Espero que ambos nunca mais atuem na vida pública. E Espero sinceramente não encontrá-los nos meios sociais de Cuiabá - restaurante, teatro, etc...faça um favor para o povo de Mato Grosso: VÁ PARA MARTE!!! VOCÊ E QUE O NOMEOU!!!

  • Zé Poxoréo | Domingo, 23 de Novembro de 2014, 16h49
    1
    0

    Quem sabe daqui uns 5 ou 10 anos algum órgão fiscalizador possa se interessar em saber quem está sendo beneficiado com a renda dos eventos que vem sendo realizados nesse grande "legado"! Hoje por exemplo, sabe-se que 40.000 ingressos foram colocados a venda para o jogo São Paulo e Santos e dai pra onde está indo a renda disso?

  • Andre Vierne | Domingo, 23 de Novembro de 2014, 13h08
    2
    0

    Não sei porque a mídia ainda dá espaço para esse cidadão. Só fala besteira. Claro que concessão do Estádio só sai o ano que vem, esse governo incompetente não fez até agora é obvio que fará no próximo governo. Esse esta morto faz tempo.

  • Adalberto Ferreira da Silva | Domingo, 23 de Novembro de 2014, 12h18
    1
    0

    Não precisa ter o mínimo de conhecimento em administração e basta ter aprendido aritmética e fazer conta de somar e diminuir, para enxergar que R$ 200 mil de custo mensal para manter a Arena é razoavelmente baixo. Portanto, o Estado tem plenas condições de administrar a Arena, implementando uma gestão com base em metas e resultados, que trouxessem eventos esportivos e outros, que cobririam e com sobra, o valor de R$ 200 mil mensal. E mais: eventos a preços acessíveis para a maioria do povo cuiabano e mato-grossense, que pagam com o próprio suor a construção da Arena. Por tudo isso a concessão da Arena Pantanal é imoral, pois geralmente as concessões praticamente doam o patrimônio público para os arrendatários, que assinam contratos com 30 anos de duração, renováveis por quantas vezes a parte que recebe a concessão desejar. Trocando em miúdos, a Arena Pantanal, um valioso patrimônio pública corre sério risco de ser entregue a terceiro(s) a preço de banana.

  • João Moessa de Lima | Sábado, 22 de Novembro de 2014, 20h25
    0
    0

    Secretário não sei por que não dá para acreditar no Senhor VLT até o porto só se for no final do ano que vem, pois em dois anos foi só enrolação por que irão trabalhar para valer nestes últimos trinta dias.

Beto decide em maio quem vai apoiar

beto farias 400 curtinha   O prefeito barra-garcense e empresário Beto Farias (foto), que conclui neste ano o segundo mandato consecutivo, não sabe ainda quem apoiar à sucessão municipal. E só tomará uma decisão em maio, já faltando dois meses para as convenções. Até...

Lucas impõe regras pra cortar energia

luiz binotti 400 curtinha   Em Lucas do Rio Verde, a Energisa está proibida de interromper o fornecimento de energia elétrica, mesmo por inadimplência, sem informar ao consumidor, por escrito e com antecedência de 15 dias, sobre a suspensão dos serviços. O projeto aprovado pelos vereadores se transformou na...

Cidinho declina do convite à suplência

cidinho 400 curtinha   O ex-senador e empresário Cidinho Santos (foto), do PL, declinou do convite para compor uma das suplências da chapa ao Senado de Otaviano Pivetta (PDT). Em princípio, ele havia aceitado ser o primeiro-suplente. Mas questões empresariais não permitem que neste ano Cidinho concorra a cargo...

Conselhos, o populismo e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Em Rondonópolis, o prefeito Zé do Pátio (foto), bastante conhecido pelo perfil populista, busca se apegar cada vez mais às massas. Até para inaugurar um posto de saúde, Pátio, estrategicamente, aproveita para criar, ali na comunidade, os chamados conselhos. Busca debater...

Educação Inclusiva no Nilo Póvoas

marioneide 400 curtinha   A Seduc, sob Marioneide Kliemaschewsk (foto), decidiu desativar a tradicional escola estadual Nilo Póvoas, que funcionava há 50 anos no bairro Bandeirantes, em Cuiabá, o que acabou gerando protesto de pais e alunos. O prédio agora vai abrigar o Centro de Referência em...

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.