COPA-2014

Quinta-Feira, 22 de Janeiro de 2015, 18h:00 | Atualizado: 21/09/2015, 12h:05

Herança

Laudos apontam falta de drenagem e risco de curto circuito na Arena - veja

Gilberto Leite

arena pantanal-vistoria-gustavo

Secretário Gustavo, durante vistoria, detalha problemas existentes na Arena

Vistorias técnicas feitas pelo Governo, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros identificaram uma série de problemas na Arena Pantanal, especialmente relativos à infiltrações e falta de drenagem . A informação é do secretário de estadual de Projetos Estratégicos, Gustavo Oliveira.

Em coletiva, nesta quinta (22), Gustavo detalhou os problemas e ressaltou a necessidade de se fazer reparos emergenciais para que o estádio possa sediar os jogos do campeonato mato-grossense, que começa em 1º de fevereiro. Ele pondera que, em 3 de janeiro, já haviam sido identificados problemas e que alguns “ajustes” foram feitos, mas com a intensificação das chuvas a situação piorou.

Após o campeonato, o estádio será fechado para a realização de obras, principalmente de drenagem, necessárias para sanar as falhas. O cronograma de execução dos “ajustes” emergenciais e custos serão definidos até terça (27). Na mesma data o Paiaguás deve anunciar se há ou não tempo hábil para a realização dos jogos do campeonato mato-grossense. A expectativa, entretanto, é que seja possível.

Gustavo pondera que hoje a Arena oferece risco à população e que só teria capacidade de receber cerca de 4 mil pessoas. O número é muito pequeno tendo em vista que o estádio pode abrigar 41.390 torcedores.

No subsolo, área que mais preocupa, foram identificados problemas de inundações e/ou falta de drenagem em 12 pontos: 4 reservatórios de água das chuvas; na central de combate a incêndios; em uma sala de ares condicionados; na subestação elétrica; e em outros 4 pontos.

Já na área superior a chuva chegou a derrubar parte do forro, próximo à lanchonete. Ele detalha que o problema maior, nos casos apontados, é que a água da chuva entra em contato com o sistema elétrico do estádio, o que pode ocasionar um curto circuito. “A Arena funcionou bem durante a Copa, porque não choveu. Com as chuvas, vieram o problema”. No caso das caixas de captação de água – utilizadas para abastecer os banheiros - elas serão esvaziadas e isoladas. Após o campeonato mato-grossense, o local passará por obras.

Responsabilização

Ainda conforme Gustavo, o Estado vai responsabilizar os responsáveis pelos problemas, visto que além da má execução, também foram identificadas falhas, por exemplo, nos projetos. Ainda segundo ele, foi realizada hoje uma reunião com a Mendes Júnior, que garantiu que não vai se furtar em sanar as falhas cometidas pela empresa. Ela aproveitou ainda a reunião para cobrar R$ 70 milhões, referentes à construção do local. O Estado vai fazer uma auditoria para identificar se o débito é este mesmo ou não. Somente depois, ele será quitado. 

Gustavo ressalta que, se necessário, os projetistas ou fornecedores também serão acionados. A Federação Mato-Grossense de Futebol, por sua vez, tem auxiliado, especialmente na recuperação do gramado.

Construtora cobra dívida de R$ 70 mi e Governo nega interdição da Arena

Galeria de Fotos

Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite
Credito: Gilberto Leite

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Daniel | Quinta-Feira, 12 de Fevereiro de 2015, 11h46
    0
    0

    Infelizmente, único poder que teríamos, seria o poder publico punir esses governantes, que entra e sai pelo nosso voto, falam, mostram, a impressa coloca um certo destaque sobre a roubalheira. Está circulando nos meio de comunicação uma passeata para tirar a DILMA do comando, aqui não deveria ser diferente, temos que fazer uma manifestação PUBLICA, com participações da toda sociedade cuiabana (tv, radio, jornais, igrejas, sindicatos, judiciário, mpe, mpf, juízes, policia civil e militar, enfim todos, ) menos essa raça que estão na assembleia legislativa, (deputados e senadores) infelizmente são comprados. então vamos fazer isso, exigir que seja devolvido esse dinheiros gatos indevidamente.

  • Ademir | Sexta-Feira, 23 de Janeiro de 2015, 10h51
    0
    0

    Ademir, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Tonny | Sexta-Feira, 23 de Janeiro de 2015, 09h40
    8
    1

    Mteus, é inadmissível que a arena apresente problemas com menos de 1 ano de inauguração, se é que foi inaugurada mesmo. Ainda bem que Silval Barbosa foi para o lixo. Vamos em frente Taques, Mato Grosso está em boas mãos.

  • Mteus | Sexta-Feira, 23 de Janeiro de 2015, 07h54
    2
    7

    O problema desta administração é que eles primeiramente eles fazem um terrorismo de boatarias sobre as obras do ex-governador chegam até falar em demolição e que é uma vergonha estas obras, e espalham pra população. Depois as claras, não é nada disso é apenas necessidade de alguns ajustes pontuais, coisas em que, qualquer obra necessita fazer.Por favor ninguém agüenta mais, parem de reclamar e mão a obra.

  • Jackson | Quinta-Feira, 22 de Janeiro de 2015, 23h43
    2
    7

    Nunca vi um povo torcer para para as coisas darem erradas!!!! O governo e sua equipe sabiam dos problemas, agora ficar toda hora com essa lenga lenga de falar de problemas e que não dá!!! VAMOS TRABALHAR E PRONTO.

  • Virginia Souto | Quinta-Feira, 22 de Janeiro de 2015, 20h22
    2
    4

    Nao da para entender sr Romilson.Uma hora interdita outra hora nao.Pior com esta bagunça coloca Mato Grosso na midia nacional pelas maos da Tv Centro America que olha esta TV e contra o povo Cuiabano.Ja o Taques tem que dar jeito no corpo e resolver.Chega de escandalo Nacional.Esta terra e nossa a Copa foi otima.Os Chilenos nos surpreenderam com a Alegria E nos fomos o povo mais acolhedor.Se defina Taques.

Calistro, dúvida à reeleição e Sumaia

sumaia leite 400 curtinha   Jânio Calistro, reeleito para o 2º mandato de vereador em 2016 e como o mais votado em Várzea Grande, com 3.658 votos pelo PSD, se mudou para o DEM dos Campos, mas ainda avalia se vai encarar o teste das urnas deste ano. Ele se mostra um tanto baqueado, após ficar preso por três meses. E...

Grupos convergem para Emanuelzinho

emanuelzinho 400   O jovem deputado federal Emanuelzinho (foto) está cada vez mais empolgado com a possibilidade de disputar a Prefeitura de Várzea Grande. Até se mudou da Capital para a cidade vizinha, onde montou apartamento no Edifício Maktub. Uma das revelações políticas do PTB, Emanuelzinho tem...

Câmara de ROO e pasta de Controle

orestes miraglia 400 curtinha   A Câmara de Rondonópolis deu de ombros para uma decisão do Tribunal de Justiça e, em primeira votação, aprovou mensagem do prefeito Zé do Pátio, criando a secretaria de Transparência Pública e Controle Interno (SETRACI) em...

Morre pai do secretário da Casa Civil

Mauro Carvalho pai   Faleceu, aos 97 anos, o pai do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho. O empresário, que também emprestava o nome ao filho, Mauro Carvalho, foi vítima de um infarto nesta quinta (9). A informação foi confirmada pela deputada estadual Janaina Riva (MDB) que publicou nota de...

Deucimar vence Covid-19 após 20 dias

deucimar silva 400 curtinha   Após 13 dias numa unidade intensiva e mais sete se recuperando no leito de hospital, o empresário e ex-vereador pela Capital, Deucimar Silva (foto), recebeu alta médica nesta terça. Ele está curado da Covid-19. Ex-presidente da Câmara Municipal, Deucimar ficou emocionado, fez...

Estudo sobre 13º a vereadores de VG

jaqueline jacobsen curtinha 400   A conselheira-substituta Jaqueline Jacobsen (foto) estabeleceu prazo de 120 dias, em sessão de julgamento do TCE por videoconferência no último dia 2, para que o presidente da Câmara de Várzea Grande, Fábio Tardin, realize estudo prévio de impacto...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.