Arte e Cultura

Domingo, 08 de Dezembro de 2019, 06h:40 | Atualizado: 09/12/2019, 14h:35

Projeto de jam session às terças arranca fãs do sofá para se "anestesiar" com blues

Plena terça, ambiente aberto, uma bebida gelada e música da melhor qualidade. É isso o que propõe um projeto nomeado de “Blues de terça”, realizado todas as semanas no Tampa Conveniência - desde setembro. A princípio, a ideia era de uma banda fixa, mas eis que o público gostou quando Mrs Resner convidou mais de uma atração para subir ao palco. Ficou rotativo, como um formato que já acontece nas principais capitais do gênero pelo mundo, o jam session. É ele o idealizador do projeto e quem conduz as apresentações. 

Foto divulgação

Tampa é ambiente novo na Capital, mas já ousa nos eventos

Tampa é ambiente novo na Capital, mas ousa nos eventos. A ideia é atrair o público com boa música. Tem dado certo

Algumas vezes, muito tentado pelas batidas da música, não resiste. Senta-se junto aos outros músicos e também solta toda a vibração de sua gaita. Como bom defensor do ritmo que oscila entre o sagrado e profano, independente de suas vertentes, e apesar das suas preferências - Robson Resner reforça que o blues que mais repercutiu Chicago, mais elétrico e com uma guitarra mais veloz e com “tesão” de se tocar.

“Esse formato, no momento, é exclusivo. Até agora foram mais de 20 apresentações, entre os artistas, João Fortes que é um dos maiores gaitistas do Brasil, Silver Guy, Allan House e outros nomes da música, não apenas mato-grossense, mas que repercutem em vários cantos do país”, descreve.

Galeria: Blues de terça

Nas apresentações, vários bluesmans juntos, interagindo, mas não apenas eles. Tem espaço também aos artistas de outras áreas. Mas, como bons apaixonados, se entregam as sonoridades. Resner conta ao que se trata de uma espécie de pluralidade musical. Cada um tem sua importância para o blues mato-grossense e seus talentos são únicos. “Quando a gente mistura um sax com a gaita ou um piano com um violão blues o resultado é único. Foi pensando nisso que resolvi por esse conceito em prática, ou seja, mostrar para o público formações musicais ímpares, diferentes e exclusivas”, revela. 

Foto divulgação

Grandes nomes da música fortalecem cena do Estado de várias formas

Grandes nomes da música fortalecem cena do Estado de várias formas, entre elas, com eventos de todos os portes, programações em rádios e participações

Envolvido pelo menos há 10 anos com a cultura “blueseira”, esteve ao lado de grandes nomes como Paulo Kato, produtor de renome, e que hoje conduz o Lombardis Pub e também de Luiz Brizuela, baterista e produtor do Geodésica in Blues Festival, além de Barulio o antigo proprietário do Moto Blues Bar, que era uma sensação em 2008. Ele não esquece de mencionar outros nomes de casas como Zé Ricardo do saudoso Clube de Esquina, onde era tocado muito blues e também de Valdivino (Dog) do Cavernas, que sempre apoiou a cena. “A gente vem trabalhando e estudando para fazer o estilo ganhar mais atenção. Na verdade, tudo isso é mais que um sonho. É uma missão de vida. Parece que to aqui para fazer isso”, frisa.

Arquivo pessoal

Resner defende o blues há pelo menos 10 anos

Resner defende o blues há pelo menos 10 anos na Capital e diz que, além dele, muita gente luta para que o blues viva

Blues em Mato Grosso

Robson acredita que a crescente apreciação do público, com a programação de seu atual projeto, é fruto de um longo caminho percorrido por ele e inúmeros outros defensores de diversas formas no Estado.

Cita a realização de eventos de todos os portes, jam's, participações em programas de rádio. “Até porque você não vê na mídia uma banda de blues, um duo de  blues, ou algo assim, mas ele sempre esteve presente nos filmes, trilhas sonoras e, às vezes, as pessoas nem percebem”, acrescenta.

O Geodésica In Blues Festival, festival realizado todos os anos em Chapada dos Guimarães, e também casas de show como o Lombardis Pub, que proporciona apresentações quinzenais com o Duo Allan House e Misssissipi Jr e o gaitista João Fortes, também ajudam na defesa do estilo musical. “No caso do João, é um dos melhores músicos do estilo no Brasil e já acompanhou grandes nomes do Blues no país. A cena vem se especializando cada vez mais e ganhando visibilidade, afinal esse ano tivemos Mud Morganfield, filho de Muddy Whaters, o gaiatista Flávio Guimarães, Décio Caetano, o Dr César com Danilo Bareiro e banda, além da galera da Whisky de Segunda de Mato Grosso do Sul, que são ótimos. É, o blues está crescendo”, finaliza satisfeito e aos risos.

Na terça (10), a programação segue com Silver Guy, no melhor estilo de blues de Chicago, sob o comando do gaitista e vocalista Mr. Resner. O couvert é R$ 10 e o show começa às 19h. O Tampa Conveniência fica na Avenida Marechal Deodoro, 2034 em frente à Oficina do Homem.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.