Esporte e Lazer

Segunda-Feira, 02 de Julho de 2018, 16h:49 | Atualizado: 02/07/2018, 16h:57

Reapresentação do Flamengo tem retorno de Guerrero e ausência do lateral Trauco

Flamengo

retorno de Guerrero

Guerrero veio de Lima à capital fluminense no domingo e tem contrato com o time rubro-negro até 10 de agosto

Rio - O Flamengo se reapresentou no Ninho do Urubu nesta segunda com novidades e uma ausência. Jonas e Guerrero, ambos com futuro indefinido, voltaram aos treinos normalmente com os demais companheiros. Já o lateral-esquerdo Miguel Trauco não apareceu para os trabalhos sem sequer justificar sua ausência.

Trauco, que, assim como Guerrero, defendeu a seleção do Peru na Copa do Mundo da Rússia - a seleção foi eliminada na primeira fase do torneio - chegou a dizer em uma entrevista durante o Mundial que não estava satisfeito no Rio e gostaria de deixar o clube. O Flamengo irá punir o jogador por sua ausência.

Guerrero veio de Lima à capital fluminense na noite do último domingo. O peruano tem contrato com o time rubro-negro até o dia 10 de agosto e sua continuidade ainda é incerta. Ele fez apenas três jogos pela equipe rubro-negro neste ano em razão da suspensão por doping. Nesta segunda, Guerrero fez trabalhos específicos com o preparador físico Fábio Eiras e correu ao redor do campo ao lado do volante Willian Arão, que se recupera de lesão.

Apesar de o presidente Eduardo Bandeira de Mello manifestar a vontade de manter o atacante peruano no elenco, por enquanto não há um acordo para a prorrogação do vínculo do atleta. Em meio a essa incerteza, a diretoria foi às compras e trouxe o colombiano Fernando Uribe para reforçar a posição, que conta ainda com Henrique Dourado e o jovem Lincoln como opções.

Já Jonas, que aparece ao lado de Guerrero em imagem divulgada pelo clube nas redes sociais, está negociando com o Al-Ittihad, da Arábia Saudita. Enquanto o Flamengo não receber o dinheiro da transferência do jogador, ele segue sua rotina normal de treinos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

Podemos absorve a turma do barulho

O Podemos conseguiu juntar no seu diretório em Cuiabá a turma do barulho. Dela fazem parte dois com mandatos cassados, Abílio Júnior, que perdeu a cadeira de vereador por quebra de decoro, e a senadora Selma Arruda, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico, mas que ainda continua no cargo. Selma impôs condições para seguir no partido. Chegou a negociar ida para o PSC. E ganhou a presidência municipal do Pode, forçando o...

Secretário, furtos e a incompetência

rodrigo metello 400 curtinha   O secretário de Transporte e Trânsito de Rondonópolis, Rodrigo Metello (foto), filiado ao MDB e pré-candidato a vereador, corre risco de ser acionado na Justiça por centenas de pessoas que tiveram motocicletas apreendidas e que depois acabaram furtadas do Pátio Rondon. O local...

Vereador na base e críticas a Leonardo

leonardo 400 curtinha   Chico 2000, vereador pela Capital, assegura que não procede a informação de que o seu Partido Liberal irá romper com o prefeito Emanuel, não o apoiando à reeleição. Segundo ele, foi Leonardo Oliveira (foto), que participou na quarta de uma reunião do...

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.