MIMOSO E RONDON

Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2014, 08h:00 | Atualizado: 14/02/2014, 01h:24

Falta de investimento atrapalha turismo e economia do distrito

Local de nascimento do Marechal Cândido Rondon espera ansiosamente a conclusão da obra do Memorial


Enviada especial a Mimoso

Iara Rezende/Rdnews

Anderson Evangelista

Anderson Evangelista, da Escola Santa Claudina, que fica em frente à estrutura do Memorial Rondon, conta que turistas se decepcionam quando visitam o local

A população de Mimoso, distrito de Santo Antônio do Leverger, ainda tem esperança de que um dia a obra do Memorial Rondon fique pronta, mesmo após 10 anos de lançamento do projeto. Apesar disso, o sentimento que mais permeia a vida dos habitantes é a decepção e a revolta.

“Em outras cidades e até mesmo em outros países há museus e monumentos ao Marechal Cândido Rondon. Enquanto isso, no local onde ele nasceu, há apenas uma construção inacabada”, afirma Anderson Evangelista de Sá, secretário da Escola Estadual Santa Claudina.

Segundo ele, o único local do distrito que possui alguns objetos e lembranças do Marechal é na própria escola onde trabalha. Parte dela foi construída por Rondon nos anos 1940. Há uma árvore de pau brasil plantada pelo próprio Rondon no fundo da instituição de ensino e em exposição pelo corredores e salas estão algumas fotos, móveis e cópias de cartas do chamado pai das comunicação do país. “A escola tem o nome da mãe do Marechal. Mas é só isso que Mimoso possui, além do Memorial inacabado”, pontua Anderson.

Iara Rezende/Rdnews

Elvira Maria

Elvira Martins acredita que haveria desenvolvimento no distrito se o Memorial funcionasse como previsto

Elevina Maria Martins de Oliveira, funcionária da Mercearia Saadi, acredita que se o museu fosse concluído, o distrito se desenvolveria rapidamente e a economia daria um salto. “O nosso ritmo aceleraria. Todos seriam obrigados a se movimentar e atender demandas que surgiriam. Restaurantes, hotéis, supermercados e lojas com certeza seriam abertos”. De acordo com ela, Mimoso não possui hotéis, apenas quartos de aluguel. Alguns projetos para a construção já foram idealizados, mas perceberam que o investimento não valia a pena. “Como receber turistas se nem ao menos eles encontram local para se hospedar?”, indaga.

Mesmo sem estar pronto, alguns turistas aparecem no Memorial Rondon. Anderson dá informações a muitos deles, pois a escola Santa Claudina está localizada em frente à construção e é o primeiro local onde se dirigem depois de perceberem que não há quase nada para ser visto. “É triste dizer para os turistas que o que eles vieram procurar é apenas aquela estrutura inacabada. Eles ficam decepcionados e, com certeza, não voltam mais, nem se ficar pronta. Isso atrapalha o turismo já quase inexistente”. O secretário escuta reclamações constantemente e fica chateado com a situação. “Há alguns dias veio um casal do Rio de Janeiro para conhecer o Memorial e foi embora cinco minutos depois. Não tem como movimentar a economia desse jeito”. 

O projeto da estrutura é dos arquitetos José Afonso Portocarrero e Paulo César Molina. Ele foi idealizado ainda no governo de Dante de Oliveira, tendo a construção dos alicerces iniciada em 2002. Após isso, aconteceu apenas a reforma do assoalho no governo de Blairo Maggi.

Cerca de R$ 780 mil foram gastos até o momento. Anderson conta que no ano passado o governador Silval Barbosa visitou Mimoso e prometeu concluir a obra. Jairo Pradela, secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo, garante que já está em processo de licitação e ainda no primeiro semestre as obras serão retomadas. “Esperamos que seja verdade. Esperança é a última que morre”. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Vander forte pela oposição em Tangará

vander masson curtinha   O nome mais forte hoje da oposição em Tangará da Serra, do ponto de vista da densidade eleitoral, é do empresário Vander Masson (foto), que ficou em terceiro lugar para prefeito em 2016 e, no pleito do ano passado, concorreu e perdeu para deputado federal. Filho do ex-prefeito e...

Prefeito de Tangará prepara sucessor

wesley torres curtinha tangara   Em Tangará da Serra, cidade pólo do Médio-Norte, o prefeito emedebista Fábio Junqueira, que está no segundo mandato, quer lançar à sucessão Wesley Torres (foto), diretor do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae). Em...

Ex-tucano histórico agora reforça PSB

aparecido alves curtinha   O ex-deputado por alguns meses e ex-presidente do Intermat na época do Governo Dante, Aparecido Alves, o Cido (foto), se filiou neste sábado ao PSB, um mês depois de ter deixado os quadros do PSDB, do qual era considerado militante histórico, inclusive desde a década de 1990. Sua ficha...

França vira Plano B do PSB a prefeito

roberto franca curtinhas   O PSB, comandado no Estado pelo deputado Max Russi, tinha esperanças de lançar a prefeito de Cuiabá o hoje presidente da Câmara Municipal, vereador Misael Galvão. Mas frustrou-se. O próprio Misael, governista de carteirinha e já comprometido com o projeto de...

MM cancela visita para evitar grevistas

mauro mendes curtinha   Precavido, Mauro Mendes cancelou de última hora a presença no encontro do PSB neste sábado, no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá. É que em um outro auditório, mas dentro do mesmo hotel, acontecia, em paralelo, o encontro estadual do PT e com participação de...

TCE livra delator de pagar R$ 412 mil

junior mendon�a curtinha   O delator premiado e encrencado com a Justiça em vários processos Gércio Marcelino Mendonça Júnior, o Júnior Mendonça (foto), da Comercial Amazônia Petróleo, conseguiu perdão do TCE de R$ 412,5 mil, bem como de uma multa proporcional...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.