LEGADO DE PEDRO

Sexta-Feira, 16 de Maio de 2014, 07h:16 | Atualizado: 16/05/2014, 08h:06

Casaldáliga é ícone emblemático e ainda é alvo de ameaças de morte


Enviada especial a São Félix do Araguaia

Davi Valle

Pedro casaldáliga

Casaldáliga caminha com a ajuda de uma bengala e do padre Paulo

Com mãos trêmulas, dificuldade para conversar e se locomover, mas com uma memória e uma lucidez invejável, Pedro Casaldáliga, 86 anos, ainda é alvo de ameaças de morte. Questionado sobre a questão, ele responde de imediato e com bom humor: “Mais ou menos”, revela o bispo emérito da prelazia São Félix do Araguaia, em entrevista ao Rdnews, em sua residência. O encontro demorou cerca de 1h. Acontece que o bispo tem uma saúde debilitada e, por isso, se cansa fácil. Embora o tom da voz seja baixo, as vezes quase um sussuro, Casaldáliga impressiona pela forma como expressa as suas ideias, sempre com firmeza e segurança.

Quem observa este homem de movimentos leves e cabelos brancos, num primeiro momento, acredita estar à frente de apenas um missionário com boas histórias, mas logo percebe-se que, apesar dele praticamente não sair de casa há 4 anos, Casaldáliga ainda acompanha de perto os conflitos da região e, por isso, é uma figura emblemática no país. Ele é apontado por produtores como um dos principais responsáveis, por exemplo, pela desintrusão na gleba Suiá Missu.

A expulsão dos não índios começou em dezembro de 2012, mas teve novo desdobramento neste ano, quando posseiros invadiram a área indígena, onde antes era o Posto da Mata, e foram expulsos pela Polícia Federal. Em 2012, inclusive, ele teve que deixar São Félix do Araguaia por 3 semanas, por orientação da PF. “Minha presença criava a sensação de mal estar”, conta.

Além disso, conforme ele, se avaliou que, naquele momento, era importante sua saída porque, assim, a PF não precisaria ter dois focos: fazer a segurança dele e a desintrusão. Hoje, produtores ainda tentam conquistar o direito de retornar para a área. Os indíos Xavantes, por sua vez, tomam posse da reserva indígena. Casaldáliga pondera que os Xavantes estão felizes, mas ainda precisam de estrutura e remédios.

Mas Casaldáliga não foi alvo de ameaças apenas por causa deste conflito. Em março de 2013 , o bispo voltou a denunciar, à Carta Maior,  que sofria ameaças anônimas, que chegam à sua residência por todos os meios: telefonemas, internet e falsas mensagens. Acontece que na região há uma série de situações polêmicas.  

Davi Valle/Rdnews

Pedro Casaldáliga

Pedro Casaldáliga se prepara para descansar em seu quarto. Bispo ainda tem forte influência na região, defendendo índios e retirantes. Ele é alvo de ameaças

Mas, o fato é que a “sombra” da morte acompanhou Casáldaliga durante esses 46 anos em que o líder religioso está no Brasil. Ele chegou no país durante a ditadura e, desde então, já relatou uma série de ameaças de morte e truculências. Talvez, por isso,o bispo trate o assunto com tanta naturalidade e a impressão que fica é de que a situação já se tornou rotina. Conforme o padre Paulo Santos, que acompanha e cuida de Pedro, as ameaças amenizaram, mas não cessaram porque o nome de Pedro Casaldáliga “vai e volta toda vez que há um tema sobre um conflito”.  

Segundo padre Paulo, que cuida de Pedro desde 2010, fazendeiros entendem que o bispo conhece muita gente e que, por isso, ainda tem influência na região. Além da Suiá Missu, que ainda é alvo de polêmica entre o setor produtivo e a Funai, padre Paulo pondera que o nome de Casaldáliga também aparece quando se trata da criação da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), em Luciara.

Lá o conflito ainda é intenso. No final de 2013, por exemplo, duas  casas foram queimadas enquanto fazendeiros e grileiros bloquearam todas as estradas e o acesso pelo rio Araguaia, com objetivo de impedir a criação da reserva. Mas, apesar das ameaças, Casaldáliga mantém sua rotina e segue morando em São Félix do Araguaia, cidade que fica às margens do rio Araguaia.

Para impedir reserva, bando expulsa pessoas e queima casas

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

2 secretários acionados sobre compras

ozenira 400 curtinha   Os secretários municipais de Cuiabá, Luiz Antonio Possas de Carvalho (Saúde) e Ozenira Félix Soares (foto), de Gestão, têm 48 horas para prestar esclarecimentos sobre compras, sem licitação, de óculos de proteção e macacões destinados a...

Valdir, conta rejeitada e pedido negado

valdirzinho 400 curtinha   Valdir Pereira de Castro, o Valdirzinho (foto), prefeito de Santo Antonio de Leverger, ingressou com pedido de revisão no TCE sobre o parecer contra aprovação das contas de 2018. O Tribunal apontou uma série de irregularidades, entre elas registros contábeis incorretos, abertura de...

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

Sem chance para ser desembargador

pio da silva curtinha 400   Pio da Silva (foto) é um advogado que não desiste nunca. Age no meio jurídico como aquele candidato insistente que faz questão de concorrer a cargo eletivo em toda eleição, mesmo sabendo da chance mínima de êxito nas urnas. Pio já se tornou um "eterno"...

Delação de Riva tira apoios à Janaina

max russi 400 curtinha   A delação de José Riva, que deve complicar a vida de vários ex-deputados e alguns dos atuais, dificultou a entrada da filha, deputada Janaina Riva, como primeira-secretária da futura Mesa, que será eleita na próxima semana, com Botelho na presidência pela terceira vez....

Wallace, calendário eleitoral e disputa

wallace 400 curtinha   Cassado em maio de 2015 por gastos ilícitos na campanha, após dois anos e quatro meses de mandato, o ex-prefeito de Várzea Grande, Wallace Guimarães (foto), do PV, está torcendo pelo adiamento da data das eleições. Com ganho de mais tempo, ele acredita que consiga obter ...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.